quarta-feira, 10 de outubro de 2012

TUDO POSSO!

  "O Azar e a Morte são para nos lembrar nossa condição de Humanos, Deus não gosta de concorrência.”
[William Robson]

Lula é Deus!

  Parece verdade.
  O cara vem lá de Pernambuco, uma cidadezinha chamada Caetés, de uma família desestruturada, consegue emprego em SP, seu irmão o leva para o sindicalismo e tudo vai dando certo.
  Seu irmão sindicalista que foi tão ou mais empenhado que Lula nem lembramos quem é.

  Para quem conhece a história recente do Brasil sabe que o Regime Militar foi muito mais tolerante com Lula do que foi com outras pessoas.

  “Tudo começa no distante ano de 1975.
  No dia 28 de fevereiro um torneiro mecânico licenciado foi eleito presidente do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC Paulista. Seu nome? Luiz Inácio da Silva.
  Vale lembrar que, somente em 1982, o dirigente petista acrescentaria o apelido Lula ao seu nome.
  De qualquer maneira, o que importa é que estamos falando do atual presidente do Brasil.
  Lula, acredite quem quiser, foi eleito para ser um fantoche.
  Ele mesmo afirmou isso em várias entrevistas.
  Eram os anos de chumbo.
  A ditadura prendia e torturava quem se atrevesse a lutar contra o regime.
  O verdadeiro comandante do sindicato era Paulo Vidal Neto.
  Ele ajudou a eleição de Lula para continuar no poder.
  Era uma espécie de grão-vizir, exercendo o poder de maneira paralela.
  Porém em 1978 as coisas iriam mudar, Lula seria reeleito e impediria Vidal de falar em nome do sindicato.
  Neste ponto começava a ascensão de Lula ao poder.
  Vale lembrar que Lula, por se tornar um poderoso articulador político, acabou preso pelo regime militar, porém ficou apenas 31 dias na prisão.
  Muitos de seus companheiros foram torturados ou mortos.
  Já Lula recebeu um tratamento respeitoso do regime militar.
  A Rede Globo, inclusive, chegou a entrevistar, logo após a vitória nas eleições de 2002, um dos carcereiros de Lula na época.
  O militar negou qualquer tortura no que foi corroborado por Luiz Inácio Lula da Silva.” [Zerozen]

  Encontrei esse texto antigo e muito provocativo na Internet, pesquisei as informações nesse trecho e elas a princípio são verdadeiras.
 Não concordo quando diz que Lula Presidente é um fantoche.
 Os tempos de fantoche já passaram há muito tempo.
 Lula foi uma criatura que saiu do controle, ganhou vida própria e hoje é controlador, mas os fatos citados são verídicos, qualquer um pode pesquisar.
  Nunca ouvi Lula dizer que foi torturado na prisão.
  Ele foi influenciando pessoas, encontrou amigos que financiavam uma vida cômoda até que a proposta de levar Ética e Moralidade ao Governo o elege Presidente.
  Claro que não estou tirando os méritos de Lula, ele é um Líder, as pessoas confiam nele.
  Mas não dá para negar que ele teve muita SORTE, o Universo vai conspirando a seu favor de uma maneira além da simples coincidência.
  O Governo anterior a Lula tinha plantado uma base econômica respeitável que começou a dar seus frutos quando Lula estava no poder seu grande mérito foi não pôr tudo a perder, ele não trouxe nada de novo, mas não descontinuou os progressos da gestão anterior, até colocou um Capitalista de peso no comando do Banco Central e ouviu seus conselhos, Antônio Palocci era o menos Comunista dos Petistas.
  Outra ocorrência imponderável foi a grande bolha econômica que começou a se formar a partir de 2002 no mundo e só estourou em 2008.
  Foram anos de grande crescimento mundial onde o preço dos grãos e minério de ferro explodiram, fazendo países como o Brasil ganharem muito dinheiro.
  Outro fato imponderável a favor de Lula foi a ocorrência do Mensalão, todos seus companheiros bondosamente o acobertaram, quem iria falar mal de Deus?
  Nosso povo que com razão não foi tolerante com Collor ilogicamente perdoou Lula o reelegendo!!

  O interessante é que no caso de Collor o grosso do dinheiro veio de “sobras de campanha”, no caso do Mensalão foi desvio de dinheiro das Estatais algo muito, mas muito mais grave.

  Com esse histórico se eu fosse o Lula me sentiria quase um Jesus Cristo, minha auto confiança iria as alturas... TUDO POSSO!
  Sua auto confiança era tão grande que ele tinha certeza que elegeria seu sucessor mesmo que fosse alguém com poucas chances.
  E não é que deu certo! Salve Lula!
  Dilma tem um mandato tampão e em 2014 Lula retorna a Presidência a mesma formula usada por Putin na Rússia e Néstor Kirchner na Argentina.
  Lula é Deus?
  Humm... mas Deus não tem câncer.
  A popularidade de Dilma pode despertar nela uma ambição pela reeleição.
  No caso de Néstor seu tampão foi sua esposa, algo bem mais garantido que uma companheira de partido.
  Na Rússia, bem, lá há uma máfia, o risco de morrer ao desrespeitar a vontade de Putin é muito grande, ricos empresários que entraram em atrito com o governo tiveram que deixar o país às pressas.
  Como se não bastasse todos esses poréms no julgamento do Mensalão no meio do caminho tem um JB, tem um JB no meio do caminho.
▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬
Ninguém tem 100% de sorte.

  “O Azar e a Morte são para nos lembrar nossa condição de Humanos, Deus não gosta de concorrência.”

  Lembrei de House em um episódio muito bom.
  Para quem não conhece o filme...
  House tem um problema na perna que além de obriga-lo a usar bengala provoca muita dor.
  Mas aparece no início do filme praticando corrida, andando de skate, genial e perfeccionista como sempre.
  Para quem acompanha a série pensou tratar de um sonho, mas não.
  Ele se submeteu a uma terapia e o problema da perna estava resolvido.
  House se sentia bem como há tempos não ocorria.
  Com a saúde ótima e seu intelecto privilegiado House começa a praticar até atos de caridade/bondade.

  [Sabem como é, Deus não tem nenhuma obrigação de ser justo e bom, mas é o que nós humanos esperamos dele.]

House estava se sentindo meio “Deus”?
  Em um momento do filme, com uma idéia genial, House faz com que um paciente que estava em estado vegetativo há anos volte a ter uma vida normal, House ressuscitando “mortos” ...
  Mas na trama do filme ele não fica sabendo de seu grande feito, as pessoas a sua volta escondem esta ocorrência para que ele não se sinta e aja como se fosse Deus.

  No decorrer do episódio House sente que sua perna volta a doer, ele que cura todo mundo não consegue curar sua própria dor.

  É de chorar quando o vemos novamente andando com bengala e expressão de dor.

  No final do episódio ele descobre sobre a cura do paciente e pergunta a Wilson o porquê de terem escondido?

  Wilson – “Não queríamos que você se sentisse como um Deus.”

  House – Deus não é um aleijado.


  House vai embora triste e nós ficamos triste com ele, seria bom sermos deuses, mas essa não é nossa condição o azar e a morte não nos deixam esquecermos disso... House seria um Deus bom e justo, e você?




  Anterior          <>        Próximo
Postar um comentário