terça-feira, 7 de agosto de 2018

Big Bang


“Contrariando tudo que conhecemos sobre explosões a Lua gira em torno da Terra e em dado momento ela vem na direção contraria a força original que a expeliu!
  Quero dizer que a Lua ao circular a Terra vai contra tudo que entendemos que possa ocorrer em uma explosão.”


  Adquira conhecimento:

  Big Bang (ou “Grande Explosão”) é uma teoria científica que tenta explicar a origem do universo a partir da sua contínua expansão, que cria um distanciamento cada vez maior entre as galáxias.
 Estima-se que o Big Bang tenha acontecido há aproximadamente 14 bilhões de anos, data em que o universo teria começado a se expandir e a criar os primeiros elementos essenciais para a vida.
 Acredita-se que o tempo e o espaço, assim como outras grandezas como a força gravitacional e o eletromagnetismo, também surgiram a partir do Big Bang.
 De acordo com a teoria, o universo era extremamente quente e denso.
 Com a densidade comprimida em apenas um determinado ponto, houve um colapso e, por consequência, uma grande libertação de energia.
  Este momento é conhecido como o “Big Bang”.


   Me parece que a dinâmica atômica explica muito mais o que vemos no Universo com nossos super telescópios que a teoria do Big Bang.

  Inclusive essa teoria passou por uma atualização, não se fala mais em grande explosão e sim em grande inflação.
  De repente toda matéria começou a "inchar" como se soprassem um grande balão.
  Entretanto mesmo isso não explica a dinâmica dos movimentos estelares.

  No átomo temos um núcleo formado por nêutrons/prótons e elétrons girando ao redor desse núcleo.
  Conhecemos atualmente 92 tipos de átomos naturais "aqui na Terra".
  Esse movimentos atômico não é fruto de nenhuma explosão.

 Imagine agora que o Sol seja como o núcleo de uma átomo e os planetas a sua volta sejam elétrons.
 Cometas são elétrons que "fogem" se chocando com outros planetas ou viajando pelo cosmos.

  Sabia que na estrutura atômica os elétrons também escapam do núcleo?
  Graças a isso produzimos "eletricidade", sim, o "eletr" vem de elétron e "icidade" se refere a movimento.
  Forçamos os elétrons a se moverem, essa é a essência do que chamamos "corrente elétrica"


 Pela própria dinâmica do Universo grandes explosões acontecem a todo momento, mas são conseqüências, efeitos colaterais de planetas, estrelas, galaxias se chocando.
 Quero dizer que pode ter havido vários "big bangs", nas mais diferentes intensidades e eles são efeito não causa.
  Quero dizer que um grande choque, pode ter gerado nosso universo observável o que não quer dizer necessariamente que não havia nada antes alem de toda matéria concentrada em algo "do tamanho da cabeça de um alfinete".
 (Outra coisa que aprendemos na escola, é repetido a exaustão nos livros e temos como a mais absoluta e inquestionável verdade.)

  Humm ... mas não vamos complicar ainda mais essa meditação.
  Meu objetivo não é dar respostas, mas semear duvidas que nos levem a melhores teorias do que as que temos hoje.

  A dinâmica atômica explica muito mais os movimentos de orbita, rotação, translação, choques, explosões, produção de luz, calor...
  O problema é que:

    Não conseguimos explicar satisfatoriamente como os átomos funcionam.

  Quais são as forças envolvidas alem das vagas forças centrifugas e centrípetas?
  É algo como dizer que um carro usa combustível sem sabermos definir que tipo de combustível é esse, observamos que o carro se move, mas não temos a menor noção da duração deste combustível ou sua composição.

   A loucura sempre está em meu encalço, esse lado que tanto escondo de todos ... por um breve momento deixarei aparecer...

 Imagine só mais esta situação: 
 Houve a fusão/interação do espermatozoide com o ovulo, a reação em cadeia produziu VOCÊ.
 Você foi expandindo até não caber mais na barriga de sua mãe, nasce.
 Cresce até os 18.
 Fica estabilizado até os 30.
 Radicais Livres ("elétrons que escapam") vão desestabilizando seu corpo (sistema), suas células vão se deteriorando até "explodirem" (falência múltipla dos órgãos)
  Mas o fim desse sistema, não é exatamente o fim.
  Se seu corpo for deixado ao ar livre será devorado por outros seres vivos ... fungos, bactérias, comedores de carniça...
  Se for enterrado, será decomposto pela terra, vai ser devorado pela "vegetação" mais próxima.
  Em síntese, os átomos que ti formaram comporão "outro sistema" vegetal ou animal.

  Para uma bactéria que vive em seu corpo, você é o Universo dela, ela nem imagina que fora dali exista outros corpos, outros “universos”.
  Sua morte poder ser o fim dessa bactéria ou simplesmente ela será "automaticamente" transportada para outro universo sem nem ao menos perceber isso. 
  
 Pense em um vírus da gripe que através de um espirro saia do seu corpo e entre no meu.
 Esse vírus seguirá sua vida normalmente sem nem ao menos perceber que “mudou de universo”.

 Temos uma visão/percepção tridimensional, não conseguimos enxergar um universo quadridimencional mesmo que ele exista.

 Um vírus é tão pequeno, sua visão alcança um ponto, ele não tem como enxergar um sujeito tridimensional como eu ou você e de certo sabemos que existimos.

  O tempo não existe no Universo tridimensional, mas este “não existir” o que significa?
  Significa que vivemos sempre o tempo presente. 
  No caso do tempo somos como os vírus,só enxergamos o ponto que estamos.

   Logo, para enxergarmos outros Universos, outros Big Bangs, (caso eles existam), um caminho seria desenvolver algum equipamento que nos permitisse enxergar em 4D ... entender melhor o funcionamento dos átomos ... a ilustre e desconhecida física quântica.

   Talvez com a morte biológica nossa mente atinja naturalmente esta característica de enxergar em 4D e se deslocar no Tempo, mas são só brechas que se abriram no Abismo, só sei que nada sei.

 O dia que compreendermos estas forças e manipula-las estaremos muito perto de sermos quase deuses, imperfeitos, mas com grande poder.

 Se existir seres "espirituais" (quadridimensionais) que interferem em nossa forma de vida nada obriga que eles sejam perfeitos, oniscientes, onipresentes, mas de certo devem ter grande poder ... de entender muito bem o funcionamento de um átomo...


Enquanto você
Se esforça pra ser
Um sujeito normal
E fazer tudo igual
Eu do meu lado
Aprendendo a ser louco
Um maluco total
Na loucura real

Controlando
A minha maluquez
Misturada
Com minha lucidez
Vou ficar
Ficar com certeza
Maluco beleza
Eu vou ficar
Ficar com certeza
Maluco beleza


E esse caminho Que eu mesmo escolhi É tão fácil seguir Por não ter onde ir.

Não sei se escolhi, nem é fácil seguir, mas não tenho para onde ir...
Toda vida é uma missão secreta.




.

quinta-feira, 2 de agosto de 2018

Pintão no Meio da Coxa

😡 "O cidadão vive da casa para o trabalho do trabalho pra casa, mais 4 horas de transporte público vai filosofar que hora?"
[Comentarista chorão no Face 😊 ]

  Vejo a Filosofia como uma capacidade natural da nossa mente.
  Todos filosofamos, é algo  como andar de bicicleta, nosso corpo tem essa habilidade natural, evidente que sempre tem os mais habilidosos e menos habilidosos.
  Alguém pode nunca ter andado de bicicleta porque não quis, mas se quisesse aprenderia.

  Com a Filosofia é a mesma coisa.

    Filosofia no seu conceito mais básico é "amor a sabedoria".

a) Meditar de maneira a estabelecer prioridades, para isso é fundamental "conhecer a si mesmo".

b) Agir de forma a conseguir o resultado mais satisfatório possível.

  Se não se interessa em buscar sabedoria não é o fim do mundo, mas a habilidade está aí,  você usa se quiser.
  A "correria da vida moderna" não é nenhum impedimento, aliás se você filosofasse mais a correia nem seria tanta.
  Eu filosófo (busco sabedoria ) em qualquer lugar em qualquer hora.
  Gosto da filosofia de resultados, pragmáticaaquela que efetivamente muda a vida da gente.
  Vamos a um exemplo bastante ilustrativo.

  Estabelecer prioridades.

  Hoje minha prioridade é cuidar da minha esposa e filhas.
  Ninguém me obrigou a casar, já que casei é sábio fazer que essa situação seja satisfatória.


  “Com qualquer mulher posso ter uma aventura, mas com minha esposa eu tenho uma HISTÓRIA.”

  
  Saindo da adolescência minhas prioridades eram outras, uma delas era conseguir companhia feminina ... algo natural para idade.
  Porém eu era  muito ruim com as moças, minha grande timidez complicava as coisas. 
  Comecei a filosofar/meditar sobre isso, buscar sabedoria.
  Em qualquer hora ou lugar era possível observar propostas e teorias.
  Para essa meditação vou falar de algo que vem bem a calhar, para perceberem que não precisamos nos isolar, entrar em frequência alfa para filosofar.

  Estava assistindo os trapalhões naquelas esquetes clássicas que eles tentam conquistar uma bela moça.
  O Didi faz um gracejo para moça,  ela ri e ele diz.

  
-Se riu é meio caminho andado psit!

  Eu filosofei, será?
  O mais difícil de chegar nas moças era quebrar o gelo.
  Ser sexy sem ser vulgar.
  Comecei a bolar frases engraçadas que surpreendesse as moças sem ofender, se elas rissem ... era meio caminho andado psit 😆
   Criei muitas frases para as mais variadas situações, a maioria esqueci, mas tem algumas inesquecíveis.
  Aqui vou escrever apenas para fins "didáticos" então parecerão grosseiras, mas entenda que eu criava um clima, as frases eram o "fatality".




 1 - Na minha fase de solteiro um dos maiores fenômenos musicais foi Michael Jackson.
  Como sou "escurinho" depois de alguma conversa sobre o cantor o fatality era:

  Vamos fazer um Maicojéquinho?

  Essa nunca falhou em fazer a moça rir.




2 - Se o papo era (digamos) esotérico eu tinha um fatality ótimo.
  Perguntava a moça sobre superstições como passar de baixo de escada, amuletos, horóscopo, até chegar ao fatality:

  Você teria algum problema em "cruzar com um gato preto"...

 😆 Que sacanagem.


3 - Por último uma bem ousada, que também nunca falhou.
  Para essa eu precisava estar de shorts.
  Conversa vai, conversa vem quando surgia a oportunidade eu perguntava:

  Quer ver um pintão no meio da minha coxa?





  A moça respirava fundo, arregalava os olhos e quando ia me xingar eu apontava uma pinta que tenho na coxa.

😆

  A vida é interessante, quando eu dominei a "arte" de conseguir companhia feminina, isso começou a me entediar, mais que isso...
  Algumas moças me desejavam tanto, começou a me doer profundamente não levar um relacionamento a sério.
  Em alguns casos comecei a me sentir um "monstro" em não corresponder a altura tanto "amor" que recebia.
  Meditando bastante cheguei a dedução que era melhor mudar de fase, era sábio buscar um relacionamento sério.
  Com essa nova diretriz, minha esposa apareceu e o resto é historia...

▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬
  Com minhas frases e grande conhecimento sobre uma infinidade de assuntos minha vida de solteiro foi satisfatória.

  Dessa fase ainda me sobrou uma característica no linguajar que não consegui apagar completamente ... não achei necessário.
  (Também "culpa" dos trapalhões.)

  Certas vez o Didi viu uma moça muito bonita.
  Ela queria pedir uma informação a ele.
  Ao ver aquele monumento ele disse?
  Fala tes ... ouro!
  Eu ri demais.
  Todo mundo percebeu que ele iria falar tesão.
  Mas a disfarçada foi uma tirada de mestre.
  Só sei que eu viciei em chamar colegas mulheres de tesouro, vem  naturalmente, faz tempo que é sem nenhuma malícia.

  Mantenho porque ... ameniza meu jeito um tanto "androide".
  Depois de meditar bastante percebi que ser "robótico" atrapalhava meu convívio social. 

  Os colegas homens são companheiros.
  O Didi falava "campanhero".

  Nessa "longa estrada da vida" cheia de "encontros e despedidas" e de tanta Filosofia ... "não aprendi dizer adeus."
  
       Vida longa e próspera a todas "as tesouros" e "companheiros" que fizeram e fazem parte minha vida.

Mande notícias
Do mundo de lá
Diz quem fica
Me dê um abraço
Venha me apertar
Tô chegando...

Coisa que gosto é poder partir
Sem ter planos
Melhor ainda é poder voltar
Quando quero...

Todos os dias é um vai-e-vem
A vida se repete na estação
Tem gente que chega prá ficar
Tem gente que vai
Prá nunca mais...

Tem gente que vem e quer voltar
Tem gente que vai, quer ficar
Tem gente que veio só olhar
Tem gente a sorrir e a chorar
E assim chegar e partir...

São só dois lados
Da mesma viagem
O trem que chega
É o mesmo trem
Da partida...

A hora do encontro
É também, despedida
A plataforma dessa estação
É a vida






.

segunda-feira, 30 de julho de 2018

NÃO ALIMENTAR ÓDIOS


😡 “William, o fato de alguns ateus terem cometido atrocidades não muda o fato de a igreja ter cometido.”
[Comentarista no G+]       

  A “igreja” hoje não faz mais isso.
  Muitos pensadores escrevem o obvio como se fosse uma grande novidade.
  De qual obvio estou falando?
  Da obviedade que a humanidade já foi bem mais “primitiva/selvagem” em todos os sentidos, em todas as CULTURAS.

 “CULTURA significa todo aquele complexo que inclui o conhecimento, a arte, AS CRENÇAS, a lei, a moral, os costumes e todos os hábitos e aptidões adquiridos pelo ser humano não somente em família, como também por fazer parte de uma sociedade da qual é membro.”

  Religião faz parte da cultura, NÃO É A CULTURA.

  Se cristãos eram mais selvagens no passado é meio obvio que tenham cometido atrocidades ... do ponto de vista de hoje.

  Um exemplo.
  Hoje quando falamos de japoneses vem a nossa mente um povo pacifico, com baixa criminalidade, que respeita fronteiras e a soberania de outros povos, um povo que “limpa arquibancadas” 😄

  Mas esse povo já teve uma CULTURA SELVAGEM.
  Pergunte para os coreanos como foi a invasão japonesa naquelas terras.
  O que falar da Yakuza.

  “A Yakuza, também conhecida como gokudō, são os membros de grupos de organização criminosa transnacional originários do Japão.”

  A professora de minha filha falou horrores sobre o satânico Estados Unidos ter lançado bombas atômicas no puro e santo povo japonês...

  Americanos selvagens, monstros.
  Japoneses maravilhosos, anjos que desceram do céu para nos iluminar hoje e sempre... acredite quem quiser....

  Conheça a verdade, que a verdade o liberte:

  “Os japoneses impuseram um regime de terror na península coreana.
   Milhares de pessoas foram jogadas em campos de trabalho forçado ou em fábricas, onde trabalhavam em condições análogas a escravidão.
   Foi imposto também uma série de leis que visavam suprimir a cultura coreana e iniciar um processo de assimilação forçada.
   A língua coreana, por exemplo, foi banida, a literatura e canções nacionais foram proibidas e, posteriormente, sob a lei Sōshi-kaimei, nomes de origem coreana foram barrados, com as famílias sendo obrigadas a darem aos seus filhos nomes de origem japonesa.”


  Hoje em dia é fácil criticar os aliados por terem lançado duas bombas atômicas.
  Com a visão que temos dos japonese hoje é fácil acreditar que teriam o bom senso de parar de lutar.
  Mas quem conhece HISTORIA sabe que japoneses são extremamente determinados, é uma das poucas culturas que inclusive religiosamente admite o suicídio como ato de honra.

  A professora disse a minha filha Ellen que as bombas foram lançadas apenas como teste!
  É, minha filha chegou em casa bufando de ódio dos americanos.
  A guerra já havia sido ganha com a derrota dos alemães, japoneses já tinham reconhecido a derrota, mas a bomba atômica ainda não havia sido testada e os aliados queriam saber como era, se funcionava...

  Mais uma vez, quem conhece história sabe que foram feitos vários testes com armamento nuclear.
  Einstein e outros cientistas ficaram inclusive receosos que com a primeira explosão ocorresse a destruição do planeta ou de uma boa parte.
  Será que a explosão se limitaria ao que havia no urânio?
  Ou atingiria outros átomos de outros elementos provocando uma reação em cadeia de longa duração?

  Muitos defendem que o lançamento das bombas seria dispensável, falam isso hoje, não estão vivendo o terror da guerra.

  Os que defendem o lançamento da bomba dizem que ela evitou a continuação de uma guerra sangrenta contra o Japão tendo como resultado a morte de muitos soldados e civis dos dois lados, principalmente do Japão que fatalmente seria derrotado.

  Minha posição diante disso?

  O passado passou, as bombas foram lançadas, a humanidade vai ter que conviver com isso.
  Façamos de tudo para que uma tragédia dessa não volte a ocorrer.

  Uma boa atitude é

   NÃO ALIMENTAR ÓDIOS.

  Espero que nossos professores entendam isso.
  Consegui pacificar a mente de minha filha, mas e todas as outras crianças ...

  




.



quarta-feira, 18 de julho de 2018

Eleição Sem Paixão

  “Quem quiser alguém perfeito para votar é melhor desde já desistir de validar seu voto.”
  [Texto Anterior]


  


  Um colega ficou indignado com o fato de eu estar (por enquanto) apoiando Geraldo Alckmin para Presidente.
  Me perguntou se eu era alienado, não sabia de todas as denúncias que pesam contra ele.
  O detalhe é que esse meu colega fala para quem quiser ouvir que vota no Lula...

   Então, antes de ficar irritadinho com essa meditação pesquise se não há  nenhum tipo de denúncia contra seu candidato.

  Não vai votar em ninguém?
  Tudo bem, mas entenda que inevitavelmente alguém será eleito.
  Por hora temos em ordem alfabética: Bolsonaro, Ciro Gomes, Geraldo, Marina, Haddad (?)
  Lula fora da prisão pode até acontecer, com nosso estranho  STF , mas ignorarmos a lei da ficha limpa que impede alguém de concorrer depois de condenado em segunda instância ... acho improvável.
  Se acontecer ... estamos pior do que eu esperava.😡
 
  Intervenção militar?
  Não vejo isso em nosso horizonte, mas não quer dizer nada.
  Esse tipo de coisa não manda aviso, acontece.
  Não  entendo porque  tantos brasileiros acreditam que nas Forças Armadas tem curso pra Santo!

   Minha aposta é que as eleições ocorrerão normalmente, sem intervenção militar ou participação de Lula.

  Diante do quadro de pré candidatos vejo uma saudável apatia no eleitorado, precisamos tirar vantagem disso.

  Toda eleição tem uma carga muito alta de paixão, não considero isso eficiente.
  Temos que tirar da nossa cultura essa crença em um salvador da pátria.

  O mais próximo de despertar paixões é Jair Bolsonaro, mas convenhamos que com cerca de 16% de intenção de voto não é algo muito considerável.
  A Marina gira sempre em torno disso é  outra que não desperta paixões pelo seu próprio jeito de ser.

  E Lula?
  Se ele concorresse provocaria uma polarização nefasta.
  Sem dúvida tem seus seguidores fiéis o que obrigaria muitos eleitores ao voto anti Lula.
  O importante não seria o debate de idéias e sim derrotar Lula.
  Tendo como base o que observo na Internet e no cotidiano o anti Lula venceria o pró Lula.
  Para cada um que elogia o Lula, tem pelo menos 2 que estão profundamente decepcionados com ele.

  A parte nefasta é que a eleição que poderia ser palco de grande aprendizado sobre nossos problemas estruturais e proposta de soluções se transformaria em "guerra de torcidas". (Mais uma vez 😩)

  Sem paixão teremos debates mais adultos.

  Não basta o candidato dizer o que quer fazer, mas como vai fazer, de onde sairá o dinheiro.
  Vejo a maioria valorizando muito debates "comportamentais".
  "Maconha, homossexualidade, aborto, pena de morte, porte de armas ..."
  Esses temas são menores diante do nosso gigantesco rombo fiscal.

  Casa que falta pão todo mundo fala e ninguém tem razão.


  "Direitos" não é uma palavra mágica que faz dinheiro surgir do nada.
  Vi a Ministra Carmem Lucia intervir em uma regulamentação sobre planos de saúde com coparticipação.
  Não vou entrar no mérito da questão (precisaria de um texto para isso).
  Mas a justificativa da Ministra é uma aberração.

  👩"Saúde não é negócio"

  Caraca, para eu tudo que envolve custo ou troca é "negócio".
  Trabalho na área da saúde, até tem um ou outro voluntario tipo "Hospitalhaços", mas para maioria é o "ganha pão", experimenta atrasar os salários pra ver...

  Pela visão romântica/populista da Carmem Lucia "justiça" também não é negócio, é um "direito fundamental" do cidadão.
  Porque Ministros do Supremo querem ganhar tão bem e ter tantas mordomias!?
  Na área da Saúde a ministra não quer que uma empresa possa cobrar até 40% de coparticipação nas consultas ... não entendo porque!
  A empresa faz uma proposta comercial, se é do seu interesse aceite.
  Se não acha vantajoso não aceite.
  A isso damos o nome de "Livre Comércio".

  Vejam o caso do judiciário brasileiro.
  Justiça é um direito do cidadão, mas quantos já tiveram que contratar um advogado particular para defender uma causa?
  Eu já tive.
  Paguei Mil reais para o advogado dar inicio ao processo e mais 30% do valor da causa (caso eu ganhasse).
  Foi vantajoso?
  Recuperei algum dinheiro, se dependesse do Estado ... provavelmente meu prejuízo seria total.

  Mas vamos concluir essa meditação, esse foi só um exemplo bem atual de decisão passional/cultural.
  A Carmem Lucia naturalmente faz parte do nosso povo e compartilha nossas tradições culturais de Estado paizão provedor de tudo...


  Outra coisa importante a considerarmos para o futuro:

  Com a Internet tão difundida em nosso país nada mais será como antes.

  Marina, Ciro, Haddad, Geraldo,  Bolsonaro ... estarão sujeitos a uma vigilância da população como nunca antes vista.
  Vimos Michel Temer quase cair depois daquele encontro espúrio com Joesley.
  Ele só não caiu porque precisávamos muito levar esse governo de transição até o fim para não desestabilizar ainda mais o Brasil.
  De qualquer forma a falcatrua NÃO foi adiante.

  Quero dizer que qualquer que for o eleito será meio que obrigado a ser o mais honesto possível.
  Qualquer deslize ético terá que dar muitas explicações.
  Lula e Eduardo Cunha presos são prova inconteste de novos tempos.

  A grande vantagem de eleger alguém sem estarmos apaixonados pelo eleito é que o trataremos como um funcionário não como um ídolo.

  Nas próximas eleições não procure a paixão, o encantamento , o salvador da pátria.

  Vamos escolher um bom funcionário.

  Cada um de nós vai buscar ser um cidadão melhor e esperamos que o presidente eleito faça o mesmo.
  Senão ele se arrependerá amargamente, será apagado da vida publica e se cometer algum crime, PRESO.

  Temos mais uma vez a oportunidade de colocar nosso país no rumo do desenvolvimento sustentável, sem o populismo barato que sempre custa tão caro.

  Eleição sem paixão, eu góstio muintio! 😆


  Viva o bom senso, a RAZÃO!

    Comentários

.


terça-feira, 10 de julho de 2018

Senado SP 2018


  Nesse ano cada Estado terá direito a eleger dois senadores.

   Analisando os pré candidatos uma de minhas escolhidas é Joice Hasselmann.
  Fui alertado que ela foi denunciada por plagiar reportagens em seu blog. 
  Pesquisei, me parece verdade.
  Desisti de votar nela?
  “Ainda” não.
  Não sabia dessa informação, evidente que me chateou.
  Acontece que:

   Quem quiser alguém perfeito para votar é melhor desde já desistir de validar seu voto.

  Nem acompanhe o noticiário de política, vai só perder tempo.
  Para outros que NÃO pretendem se alienar...
 
  Joice é bem articulada, tem bastante conhecimento, defende coisas que eu também defendo.
  Meu outro voto para senadora vai para Marta Suplicy, estou a par de certas denúncias, mas ela está bem colocada nas pesquisas tem mais chances de tirar Eduardo Suplicy ou Datena que lideram a corrida.

  Porque estou escrevendo isso?

  Essa vai ser a tônica dessas eleições para quem “tem bom senso.”
  (Entenda nesse texto como NÃO querer intervenção militar nem a anarquia/destruição dos 3 poderes)

  A maioria quer uma revolução com muitos nomes novos, mas se o candidato é pouco conhecido fica difícil ser vitorioso.
  Vejam o caso da Presidência, gosto do João Amoêdo [Não quer dizer que concordo 100% com ele] é dificílimo um quase desconhecido ser alçado a presidente.
  Se fosse alguém famoso até podia ser, exemplo Sérgio Moro que virou celebridade.



  Sessão fala que eu te escuto 😄
(Escreve que eu leio; pergunte que eu respondo)
__________________
👨 “Há muita coisa que não enxergamos como o ar, o vento, o WiFi, a rede móvel, mas com o equipamento adequado podemos demonstrar a sua existência.
  Precisamos trabalhar muito para criar um medidor de sem vergonhice para escolher melhor os 500 deputados e senadores.”
[Frank Hosaka]
_____________________

  Não precisamos de tanto.
  Todo mundo é inocente até prova ao contrário.
  Você vota em alguém que lhe parece eficiente, acompanha o  trabalho.
  Se não foi do seu agrado depois de 4 anos vote em outro.
  Se tirarmos o foro privilegiado o eleito pode sair bem antes se cometer algum crime/contravenção.
  

  Já votei em Eduardo Suplicy.
  Não gostei do trabalho dele e não voto mais.
  Por enquanto voto na Marta Suplicy porque ela é a que está mais próxima de Datena e Eduardo.
  Prefiro a Marta do que qualquer um desses dois.
  Meu segundo voto para o senado vai para Joice Hasselmann


  Espero que ela cresça nas pesquisas.
  A Marta é meu voto útil.
  A Joice é alguém que realmente quero no Senado.
  Se seu trabalho não for bom ... não voto mais nela.

Índices de intenção de voto do Ibope para senadores:

José Luiz Datena (DEM): 33%

Eduardo Suplicy (PT): 32%

Marta Suplicy (MDB): 25%

Marco Feliciano (PSC): 14%

Aloysio Nunes (PSDB): 11%

José Aníbal (PSDB): 6%

Jilmar Tatto (PT): 4%

Brancos e nulos 46%

Não sabem ou não responderam: 11%



 Noticia Urgente:

 “O apresentador José Luiz Datena, surpreendeu o público com sua entrada surpresa no Programa Brasil Urgente. Datena, anunciou ao vivo que estaria desistindo de concorrer ao Senado Federal nestas eleições.”


 Datena ganha 700mil por Mês.
 Senador ganha 33 mil.
 Mesmo com todas as mordomias ele ainda iria ficar com grande prejuízo.

  





.