segunda-feira, 17 de outubro de 2016

Imprimir Dinheiro

  Como o Governo consegue gastar mais do que arrecada?





  Basicamente o Governo tem duas maneiras de gastar mais do que arrecada.

1 - PEGANDO EMPRÉSTIMOS BANCÁRIOS.

  Nossa dívida interna e externa é enorme e só faz crescer.
  Esse tipo de endividamento conhecemos bem, todos nós temos “acesso” a ele.
  Você gastou mais do que recebeu naquele mês, não tem reserva de dinheiro, então entra no cheque especial ou rola a dívida no cartão de crédito.
  Isso nada mais é que um empréstimo financeiro.
  Não é que o Banco ou a operadora do cartão lhe “dão” dinheiro, eles lhe emprestam e cobram juros.
  É como se eles lhe vendessem dinheiro.
  Você precisa de 1000 reais?
  O Banco lhe vende 1000 reais por 70 reais e você paga o mês que vem.
  Fica acertado que dali a 30 dias você paga 1070 reais.
  Isso nada mais é que um empréstimo de 1000 reais com juros de 7% ao mês.
  E se o Banco lhe negasse o empréstimo?
  Você teria que dar calote em alguma dívida.
  A prestação do carro, da casa, conta de água, eletricidade, condomínio.
  Acontece que cada uma dessas contas tem multa e taxa de juros pelo atraso.
  Fica claro que se você gasta mais do que ganha sempre acaba “comprando dinheiro”.
  A única exceção é quando você pega dinheiro emprestado com algum familiar ou amigo e não paga nenhum juros ... por vezes nem a dívida.  😩

2 – PRODUZINDO MAIS NOTAS DE DINHEIRO.

  Esse item dois é complexo, é preciso ter muito ☛conhecimento de economia para entender o quanto isso é prejudicial.
  O resultado é inflação.
  Imagine que a partir de hoje você pudesse fabricar dinheiro na sua impressora.
  Você está empregado, trabalha, produz algum bem ou serviço.
  Vamos dizer que você seja padeiro.
  Acorda cedo, prepara a massa, monitora o forno, tira o pão, se houve venda faz outra fornada e assim vai até o fim do seu expediente.
 Por essa produção você recebe 3 mil reais por mês.
  Se a partir de hoje você pode imprimir 5 mil reais, porque vai continuar trabalhando lá na padaria?
  É, você para de produzir.

  Se todos nós pudéssemos fabricar dinheiro em casa quantas pessoas você acredita que iriam continuar trabalhando para produzir alguma coisa?
  As pessoas iriam produzir apenas o que lhes desse prazer e para consumo próprio ou da família.
  O padeiro até faria pão, mas aquele pão caseiro para ser consumido na família.
  Mas aqui temos um problema.
  Para fazer pão o padeiro precisa da farinha de trigo.
  Gente que gosta de cozinhar nós conhecemos, mas alguém já falou para você que sente prazer em fazer farinha de trigo?

 Tem o cidadão que gosta de plantar e planta trigo, mas ele fará isso só para consumo próprio.
  Até porque plantar trigo é uma coisa, transforma-lo em farinha é outra atividade.

  Você é esperto e já sabe onde quero chegar.
  O dinheiro que você fabricar não vale nada porque não tem coisas para comprar.
  O pessoal da energia elétrica não vai trabalhar.
  O pessoal de agua e esgoto não vai trabalhar.
  O pessoal da telefonia não vai trabalhar.
  O pessoal da área da saúde, segurança e educação não irão trabalhar.
 
  Espero que você tenha entendido porque só o Governo Federal pode produzir cédulas ou moedas.
  O dinheiro só tem algum valor se ele está ligado a produção de um bem ou serviço.
  É o que chamados em economia de LASTRO.
  Lastro é um contrapeso para equilibrar uma embarcação, mas fica mais fácil se você pensar nele como uma ancora.
  Para estabilizar a embarcação a ancora tem que estar presa a algo sólido, firme.
  Para o dinheiro ter algum valor ele tem que estar preso a produção de algum bem ou serviço.
  Você produziu 10 pães e recebeu em troca deles 5 reais.
  Esses 5 reais estão lastreados em 10 pães.

  Você não produziu nada e foi impresso 5 reais ... isso é só papel, não está lastreado na produção de algum bem ou serviço.

  Preste atenção que essa parte é complicada, mas você vai entender como acontece a inflação por emissão de moeda.
 [Os números estão bem reduzidos para você visualizar a sistemática.]

  O Governo imprime 5 reais e teoricamente daria para os brasileiros comprarem 10 pães.
  Acontece que o máximo que todas as padarias conseguem produzir são 8 pães.
  Se todos tem dinheiro para comprar pão, mas não tem pão para todo mundo...
  Aquele cara que vai comprar pão e não encontra oferece pagar a mesma coisa mas levar menos pão.
  Ou se de alguma forma ele tem mais dinheiro oferece pagar mais pela mesma quantidade de pão.
  Claro que o padeiro aceita e na pratica acontece um encarecimento monetário do produto.
  Você paga mais pela mesma quantidade de pão ou paga a mesma coisa, mas leva menos pão.

  Daí os socialistas dizem.
  O Estado tem que ser forte e prender esse padeiro anti-ético ou esse comprador que não respeita sua cota de alimentos.

  Isso na pratica nunca funcionou.
  Não é só de pão que vive uma sociedade.
  Há cada vez mais produtos e serviços é impossível controlar tudo e todos ou esperar que todos se acomodem a uma situação.
  O pai precisa levar 10 pães para saciar a fome dos filhos, mas pela cota do governo só pode levar 8.
  O padeiro pode ter algum lucro pelo seu trabalho, mas tem que abrir mão dele em nome de alguma ideologia.

  Mas vamos ficando por aqui.
 
 O importante é você saber que:

  SE O GOVERNO GASTA MAIS DO QUE ARRECADA É SEMPRE O PAGADOR DE IMPOSTOS QUE SE FERRA.

  Se ocorre o endividamento com os Bancos tudo fica mais caro por causa dos juros.
  Se ocorre a produção de moeda tudo fica mais caro por causa de inflação.

  Não tem como ser diferente a não ser no caso dos Estados Unidos.

  Como o dólar é uma moeda mundial, quando o tesouro americano fabrica mais notas para pagar as dívidas do Estado a inflação monetária é dividida com todas as nações que usam dólar na balança comercial.
  Com essa facilidade para emitir moedas os Bancos não cobram juros altos dos Estados Unidos porque o risco de calote é baixo.
  Basta rodar a maquininha, foi o que o Obama fez para combater a crise de 2008.
  Os Estados Unidos continua bem, o resto do mundo nem tanto.
  Antes de ficar com ódio dos americanos entenda que os países que mantem a “responsabilidade fiscal” não são tão afetados pela irresponsabilidade americana.
  A Austrália é um bom exemplo.

  “QUAL É O SEGREDO DA AUSTRÁLIA, O PAÍS QUE ESTÁ HÁ 25 ANOS SEM SOFRER UMA RECESSÃO.”


  Você não pode eleger os governantes dos Estados Unidos, mas elege os governantes do seu país, se elege gente que não entende nada de Macro Economia ...se odeie.
▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬
  Torça para que os americanos retomem o bom senso.

  É evidente que o Capitalismo não tolera tamanha distorção.
  Nenhuma nação consegue ficar por muito tempo acima das leis econômicas.

  Se o Governo dos Estados Unidos não reencontrar o juízo, uma crise financeira global inevitavelmente irá acontecer.
  O mercado de uma maneira ou de outra se auto regula.
  Se não for pela inteligência será pela dor e ranger de dentes.
  Uma hecatombe mundial.
  Até nossa civilizada Austrália será duramente afetada, claro que não tanto quanto os povos mais “selvagens”.

  Não há crise do Capitalismo, há crise da INTELIGÊNCIA.

  Porque os Bancos emprestam dinheiro para o Brasil?

  Os Bancos emprestam porque a rentabilidade é alta.
  Com alguns ajustes o Brasil tem condições de pagar as contas, mas isso vai se tornando cada vez mais um empréstimo de risco.
  Quando o risco atingir certo grau até os investidores mais corajosos param de emprestar.
  Vejam o Governo do Rio de Janeiro.
  Não tem dinheiro para pagar funcionários e os Bancos não querem emprestar dinheiro para ele.
  Os Estados não tem como fabricar dinheiro daí pedem ao Governo Federal, mas se o Governo Federal emite moeda sem lastro toda população de todos os estados pagam a conta através da inflação.

  Além do mais se o Rio de Janeiro recebe mais dinheiro da União como prêmio por sua incompetência outros estados irão querer o mesmo benefício, isso vira uma bola de neve.
  Durante as olimpíadas não teve jeito, a União emprestava o dinheiro ou seria um fiasco mundial.
  Brasília ficou refém daquela situação, agora o Rio de Janeiro vai ter que fazer cortes.
  A não ser que você “brasileiro selvagem” comece a pressionar os políticos para que salvem o Rio de Janeiro.

  Os políticos fazem o que nós queremos ou permitimos, eles dependem disso para conseguir votos.

  Muitas pessoas acreditam que sempre que o Governo precisa de dinheiro e só emitir moeda, mas isso é uma ilusão, o dinheiro real [com lastro] que entra para o Governo é o dinheiro dos impostos.
  Vejam o caso da Venezuela.
  O Governo interviu tão catastroficamente naquela economia que a produção de bens e serviços ficou muito prejudicada.
  Não adianta emitir dinheiro se não há produto para comprar.



“Maduro paralisa venda de alimentos e população se revolta na Venezuela”
                            [Ultimo Segundo]



  Você jovem quer acabar com o “Sistema Atual”?

  É preciso conhece-lo primeiro senão é bem provável que coloque no lugar uma gambiarra com resultados catastróficos.
  Antes de estufar o peito e encher a boca pedindo por “direitos”.
  Entenda que essa não é uma palavra mágica que faz dinheiro surgir do nada.
  Entenda que todos os direitos devem ter como lastro deveres, senão direito vira só uma palavra cheia de ideologismo, mas nenhum lastro na REALIDADE



Anterior          COMENTAR        Próximo 

Postar um comentário