sábado, 21 de julho de 2012

Festa dos Caras

  Eu adotei o método do meu amigo Sócrates de filosofar propondo questionamento as pessoas meu toque pessoal é fundamentar em números. [Terapia da Lógica]

Marcha gay  x  Marcha para Jesus


 “O Datafolha usou um método científico para medir o público da 20ª Marcha para Jesus que aconteceu na cidade de São Paulo.
  Essa foi a primeira vez que o método foi utilizado no evento gerando grande polêmica em relação ao público.
  O órgão de pesquisa levou 71 pesquisadores ao longo do percurso que tinha 2,85 km.
  Eles registraram que durante todo o dia 335 mil pessoas passaram pelo evento.
  Em junho o mesmo método foi usado na Parada do Orgulho Gay de São Paulo, os organizadores acreditavam que 3 milhões de pessoas haviam participado do evento, mas o Datafolha mediu apenas 270 mil.[Surgiu]


  A Filosofia Matemática é incremente com métodos de manipulação.
  Claro que não ponho minha mão no fogo pelo método usado no Datafolha, mas me parece algo bem mais próximo da realidade observável.
  Um milhão de pessoas é muita gente!
  É toda cidade de Campinas em um único evento em um único dia.
  Tá os evangélico e gays estão em crescimento, mas não tanto quanto estes grupos querem nos induzir que seja, o objetivo disto é criar um efeito “manada”.

  “Imagine que você está andando na rua e vê dois restaurantes vazios. Você não conhece nenhum deles e escolhe um para sentar.
  Em seguida chega um grupo que também não sabe nada dos restaurantes, eles veem um restaurante sem ninguém e outro com você dentro.
  O que eles fazem?
  Escolhem o que você está. Na sequência vem um casal, olha os dois restaurantes e pensa: esse que tem gente deve ser melhor que o vazio, e acaba escolhendo o mesmo.
  E assim vai acontecendo o que chamamos de "efeito manada", até que no final temos um restaurante que é um sucesso e outro um fracasso, simplesmente porque tendemos a seguir outras pessoas.” [Psiconomia]
▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬
  Quem conhece matemática pode até dizer que em termos de marcha os gays são muito mais engajados que os cristãos.

“Em 2009, em uma pesquisa realizada pela Universidade de São Paulo em 10 capitais do Brasil, 7,8% dos homens diziam-se homossexuais e 2,6% bissexuais, para um total de 10,4%; 4,9% das mulheres diziam-se lésbicas e 1,4% bissexuais, para um total de 6,3%.” [Wikipédia]

 ►“O número de evangélicos no Brasil aumentou 61,45% em 10 anos, segundo dados do Censo Demográfico divulgado nesta sexta-feira (29) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Em 2000, cerca de 26,2 milhões se disseram evangélicos, ou 15,4% da população. Em 2010, eles passaram a ser 42,3 milhões, ou 22,2% dos brasileiros.
  Em 1991, o percentual de evangélicos era de 9% e, em 1980, de 6,6%.” [G1]

  Observem que 22% de evangélicos atraíram 335 mil enquanto 10% de homossexuais atraíram 270 mil.
  Para você que só ia na escola para comer a merenda vou facilitar as coisas:
  Para ficar percentualmente equivalente os evangélicos deveriam atrair 545 mil pessoas.

  Portanto o que acontece nessas marchas não deve ser relevante para você mudar sua opinião sexual ou religiosa nem achar que estamos próximos do fim do mundo, é uma festa dos caras, não precisa ser sua.

  A grande maioria da população continua heterossexual e sem levar ao pé da letra o que está escrito na Bíblia, sabemos que os Católicos não são grandes frequentadores da Igreja.

  Claro que por onde vou vejo homossexuais, mas a maioria dos homens continua gostando só de mulheres e as mulheres só de homens isto não vai mudar.

  O homossexualismo continuará a ser uma exceção à regra.

  Quanto a evangelização acredito que sofrerá uma modificação, a Bíblia não deixará de ser um livro importante, mas será cada vez mais questionada, Blogs como o meu colocarão cada vez mais em xeque a pregação de padres e pastores que até agora tinham a prioridade da palavra.

  Acredito que a INTERNET trará mais racionalidade para a Fé das pessoas.
  Uma sociedade “espiritualizada” sem idiotismo religioso.

  Demoraremos a descobrir o que é Deus, mas saberemos melhor o que não é Deus.

  Mentiras sobre quantidades para provocar um efeito manada, não são de Deus... pelo menos de um Deus justo e bom.


Anterior          <>        Próximo