sábado, 14 de julho de 2012

Natureza Amoral

“A natureza fez o homem feliz e bom, mas a sociedade deprava-o e torna-o miserável.”
[Jean Jacques Rousseau]

  Se a Natureza é “boa” por criar espécies dialeticamente ela também é “má” por extinguir espécies. [William Robson]


  Nesse palco o homem não é o ator principal e sim personagem.
  Vejam bem, somos tão ínfimos nesse processo que chutamos que há de 10 a 50 milhões de espécies atualmente no planeta, uma incrível margem de erro de 40 milhões!!!
  No entanto nós só catalogamos 1,5 milhão de espécies, na melhor das hipóteses ignoramos a existência de 8,5 milhões, é muita coisa.
  Neste momento não temos como saber quantas espécies estão sendo extintas e quantas estão sendo criadas, sim criadas, porque não entendo de onde vem esse dogma que de repente as mutações pararam e não surgem novas espécies.
  Até onde sei o Sapiens é a primeira espécie que se preocupa em preservar outras, isso é magnifico, algo muito CIVILIZADO.
  Respire fundo e tente acompanhar o pensamento.
▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬
   Se os leões dominassem o planeta, não houvesse outro animal a altura de seu poder e os pandas fossem presas fáceis, alguém acredita que o leão não comeria o ultimo panda com objetivo de preservar a espécie?
  Por outro lado se todos os leões sumissem da face da Terra, que falta iriam fazer?
  Pense bem, se todos os leões desaparecessem, quais as consequências para o planeta além de perder um belo animal?
  Não está convencido?
  Se todos os humanos desaparecessem do planeta que falta fariam?
  O planeta Terra passou a maior parte de sua existência sem ter humanos, pode muito bem passar mais bilhões de anos assim.
  Somos importantes apenas para nós mesmos, para o planeta somos apenas mais uma espécie entre milhões.
 
  A Natureza é fria e insensível, quem tem amor, sentimentos, somos nós humanos.

  “Com mais de 1.200 espécies, os peixes venenosos são bem mais numerosos que todas as cobras e invertebrados venenosos juntos.
  Dentre eles, o peixe-pedra (Synanceia verrucosa) é considerado o peixe venenoso mais perigoso.
  É encontrado em águas rasas nos Oceanos Pacífico e Índico, e mede entre trinta e sessenta centímetros.
  Sua dieta consiste principalmente em peixes pequenos e crustáceos. Sua cor marrom-esverdeada confere ao peixe-pedra a capacidade de se camuflar entre as pedras em recifes tropicais, transformando-o num alvo fácil de ser pisado acidentalmente por uma pessoa.
  A região dorsal tem espinhos que liberam uma toxina venenosa.
  Se ela for injetada em uma pessoa, causa dor intensa.
  Dependendo da profundidade da penetração no ferimento, pode ocorrer choque, paralisia e morte de tecidos. Se não for tratada nas primeiras horas, o nível de toxidade pode ser fatal para os seres humanos.”
▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬
  Lembrei agora de um debate em que o outro participante considerava os cães anjos vindos do céu.
  Você sabia que tem cadelas que comem seus filhotes?

  Minha cachorra, comeu os próprios filhotes??
  Minha cadela poodle deu cria há dois dias a 3 filhotinhos. (2 brancos e 1 preto)
  Todos aparentemente saudáveis, porém, ontem à noite quando cheguei do trabalho, percebi que tinham apenas dois filhotes (1 branco e 1 preto) ... revirei o quintal todo pra ver se achava rastro do branquinho perdido, mas não achei.
  Hoje pela manhã, a mesma coisa!!! Desapareceu o outro branquinho. Procurei e nada. Nem uma gota se sangue em lugar algum.
  Será que ela foi capaz de comer as crias???
  Eu ouvi dizer que quando a cadela rejeita a cria ela o abandona e deixa morrer, mas nunca ouvi dizer sobre "comer" filhotes. [Yahoo]

  Cadelas fazendo isso e mesmo assim são anjos, uma mulher que fizesse isso seria um monstro.
 Tá, você vai argumentar que a mulher tem consciência e a cadela não.
  Eu digo que se a falta de consciência da cadela não pode lhe conferir monstruosidade porque pode conferir santidade!?
  [Se pode derrubar meu argumento fale agora ou continue lendo.]

  O cãozinho da Nihil depois de anos longe de casa voltou no final da vida para ser tratado e ela ficou comovida com o “amor” do cão!!!!
  Já pensaram se eu abandonasse minha família e depois voltasse quando estivesse no fim da vida só para ser um peso a mais para minha esposa e filhas?
  Meu ato seria um ato de amor ou de egoísmo oportunista?
  Cães são egoístas/oportunistas ao extremo, mas não vamos irritar os viciados em cães...
▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬
  Eu acho caçar animais uma pratica horrível.
  Teve sua utilidade no passado, mas com a moderna agropecuária ficou dispensável, é lamentável que alguns humanos tenham prazer em matar outra espécie sem motivos “validos”.
 
  No entanto compreendo matar animais e dar um destino comercial/industrial a eles quando há uma infestação, nessa situação a ação humana é aceitável.
  Há uma grande infestação de pombos e ratos nos centros urbanos e caçar estas espécies não é de todo mal.
  Quando há uma grande infestação a solução é matar ou evitar a procriação.

Há uma grande infestação de humanos.

  As guerras e assassinatos não são suficientes para diminuir a população.
  Claro que eu não quero guerras e nem aumento de crimes então a opção lógica é diminuir a procriação.
  Reduzindo a população humana sobrará mais espaço e recursos para outras espécies.

  Consumir racionalmente sem demonizar o conforto [não quero viver como índio] e fazer de tudo para evitar o desperdício. [se dá para consumir menos sacolas plásticas porque não fazê-lo?]

  Se a Natureza aleatoriamente criou nossa espécie com essa grande capacidade de amar e sermos civilizados, talvez ela esteja se corrigindo [ao acaso] de sua história de insensibilidade.
  Já caminhamos tanto, já evoluímos tanto, seria muito triste que um acidente cósmico acontecesse e regredíssemos à estaca zero.
  A Natureza é uma besta fera, nós podemos lhe dar uma boa direção.
  Você tem que escolher agora se será parte da solução ou continuará a ser um grande problema.
  Não existe esta Natureza pura e boa que você dogmaticamente enxerga.
  A Natureza é AMORAL nem boa nem mau.
 Nós é que podemos ser bons ou maus.



Anterior          <>        Próximo