sexta-feira, 11 de janeiro de 2013

Só Pode Haver Um

 “Não há solução para os males sociais fora das leis da biologia.”



 “O Império Otomano foi um Estado turco que existiu entre 1299 e 1922 e que no seu auge compreendia a Anatólia, o Médio Oriente, parte do norte de África e do sudeste europeu.
  Foi estabelecido por uma tribo de turcos oguzes no oeste da Anatólia e era governado pela dinastia Otomana.
  Sua capital era a cidade de Constantinopla, tomada ao Império Bizantino em 29 de maio de 1453.
  O Império Otomano foi a única potência muçulmana a desafiar o crescente poderio da Europa Ocidental entre os séculos XV e XIX.
  Declinou marcadamente ao longo do século XIX e terminou por ser dissolvido após sua derrota na Primeira Guerra Mundial.
  Ao final do conflito, o governo otomano desmoronou e o seu território foi partilhado.
   O cerne político-geográfico do império transformou-se na República da Turquia, após a guerra de independência turca.”
   [Wikipédia]

  Foi um Império que durou 623 anos!

  O mais difícil de debater certos conceitos é que as pessoas não se interessam por História, é como se o mundo tivesse começado quando elas nasceram.
  Houve uma campanha na Internet para escolher o melhor brasileiro de todos os tempos Michel Teló foi citado 😲!   
  Uma coisa dessas só tem explicação em um desconhecimento de História.
  Michel Teló com uma de suas músicas realmente realizou um grande feito, emplacar uma canção como sucesso mundial não é para qualquer um, no caso da música em questão é preciso muita sorte.
  Entretanto quem conhece a história da música brasileira nem lembraria de Teló como o maior musico ou cantor brasileiro de todos os tempos, isso para ficarmos só no campo da música.
  Vila Lobos, Tom Jobim, Sérgio Mendes, João Gilberto, Roberto Carlos entre muitos outros, tem obras muito mais extensas, muito mais significativas nacional e internacionalmente.
  Em se tratando de história Visconde de Mauá, Tiradentes, Duque de Caxias, Getúlio Vargas... foram pessoas que impactaram muito mais a história do Brasil (para bem ou para mal).

  Veja o caso do Império Otomano.
  Impactou significativamente a história da humanidade e poucos sabem que ele aconteceu!
  Vamos meditar sobre isso.
▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬
  Escuto muito que as demarcações feitas pelos europeus em suas colônias são a fonte dos principais conflitos mundiais.

 Paradoxalmente esperávamos demarcações perfeitas de um povo ao qual atribuímos grandes erros!

  Quem conhece história sabe que o mundo já teve vários impérios e o vencedor das guerras demarcava o território conquistado como bem entendesse, poderia inclusive escravizar o povo conquistado ou extermina-lo.
  Lembram da ordem dada por Deus a Saul?

  “Vai, pois, agora e fere a Amaleque; e destrói totalmente a tudo o que tiver, e não lhe perdoes; porém matarás desde o homem até à mulher, desde os meninos até aos de peito, desde os bois até às ovelhas, e desde os camelos até aos jumentos.”

  Qual demarcação os Europeus deveriam respeitar ou resgatar?
  A do Império Otomano?
  Porque temos certeza que os critérios dos Otomanos eram melhores que dos conquistadores Europeus?



  Gente, gente, gente demorou milênios até que tivéssemos fronteiras bem estabelecidas entre países e cidades, NÃO, o GPS não existe desde de sempre.
  As fronteiras foram melhor estabelecidas depois da Segunda Guerra Mundial quando a parte INTELIGENTE da humanidade percebeu que o Darwinismo Social é uma grande roubada.
  Cada povo tem que ter soberania para se organizar como achar melhor, se ingleses gostam de adorar uma rainha... que seja.
  Se coreanos preferem o Comunismo, se Africanos gostam de disputas tribais, se brasileiros gostam de votar em corruptos, se Americanos adoram armas de fogo... enfim, cada macaco no seu galho.

Cada um sabe a dor e a delícia de ser o que é.

  Nos cabe respeitar a SOBERANIA e as FRONTEIRAS.
  As duas grandes guerras deixaram marcas importantíssimas na humanidade, preste muita atenção que esta é a chave desse texto.
  Até a primeira Guerra os povos lutavam para estabelecer Impérios adquirindo colônias.
  Não tinha muito a ver com supremacia ou superioridade racial.
  Exemplo: Os Romanos sabiam que se eles fraquejassem seriam subjugados por outros povos, seriam escravizados, a dinâmica era você domina ou será dominado.

  Não havia respeito as fronteiras, havia respeito aos exércitos, um povo estava sempre querendo conquistar o outro.
  Até a primeira guerra o resumo das Guerras era esse:
  Você conquista ou será conquistado.

  Na Segunda Guerra sobre influência das Teorias de Darwin que pregava a evolução das espécies chegamos à conclusão que haveria uma raça superior a todas as outras que dominaria o planeta.

  Vamos audaciosamente entrar por essa brecha a dinâmica agora é:
  Sua raça extermina ou será exterminada.

  Só pode haver uma raça.

 As outras serão subjugadas ou varridas da humanidade.

 To be continued...





Monteiro Lobato defendia a eugenia

  "O Brasil foi o primeiro país da América do Sul a ter um movimento eugênico organizado. A Sociedade Eugênica de São Paulo foi criada em 1918." [Wikipédia]



 Eugenia Nazista

  A política da eliminação em massa de pessoas, adotada pelos nazistas durante a Segunda Guerra Mundial, foi um fenômeno até então único na história da humanidade.
  Esse crime foi inspirado em várias doutrinas que passavam então por ciência, como o racismo e a eugenia, que tiveram larga difusão e apoio nos países mais adiantados dos anos vinte e trinta.

 Eugenia na Europa

  "Seu negrume não surgiu no deserto de Gobi ou na floresta tropical da Amazônia.
  Originou-se no interior e no cerne da civilização europeia.
  Os gritos dos assassinados ecoaram a pouca distância das universidades; o sadismo aconteceu a uma quadra dos teatros e dos museus (...) Em nossa época, as altas esferas da instrução, da filosofia e da expressão artística converteram-se no cenário para Belsen." [George Steiner]

  O massacre de grande parte da população judaica da Europa perpetrado pelos nazistas entre 1941-45 ocultou o fato de que a política de extermínio adotada por aquele regime não circunscreveu-se a perseguição antissemita.
  Foi muito mais ampla de que se supõe.
  Tratava-se de um vastíssimo plano de eugenia que englobava outros setores sociais, cujas vidas os nazistas consideravam "indignas de serem vividas".
  Ao mesmo tempo em que se praticava a esterilização, a eutanásia e o genocídio, por outro estimulava-se a proliferação da "raça superior", concedendo aos homens selecionados o direito de acasalar-se com várias mulheres, desde que elas fossem de origem ariana.
  Quando os soldados alemães ocuparam os países vizinhos, essa pratica foi estimulada para que novos seres arianos viessem ao mundo para poder substituir as baixas de guerra que a Alemanha estava sofrendo.
  As crianças nascidas nessas circunstancias seriam criadas em orfanatos especiais, sob orientação e supervisão do Estado Nazista.

  Nenhum regime político até então havia se inspirado tão fortemente no darwinismo social e numa concepção tão radicalmente biologista - quase zoológica - como os nazistas o fizeram entre 1933-1945.

  Assim, a eugenia era tanto o pretexto para a eliminação dos indesejados como para a seleção dos escolhidos.

▬▬▬//▬▬▬
 “Na Segunda Guerra Mundial, os ataques aos navios da Marinha mercante brasileira, pelos submarinos do Eixo, entre os anos de 1941 e 1944, causaram a morte de mais de mil pessoas e precipitaram a entrada do Brasil no conflito, do qual, até então, se mantinha neutro, ao lado das forças aliadas.

  FORAM 35 NAVIOS ATACADOS.”


anterior                       COMENTAR                               próximo



30 comentários:

Terapia da Lógica disse...


“De todo modo,a vida das pessoas comuns,é dura.
Então,como políticos que foram condenados,podem continuar sendo políticos?” [Nihil]
===========================
Na Democracia os poderes são independentes, mas tem que trabalhar em harmonia.

O Presidente da Câmara é Marco Maia, mais um político do PT que não entende muito bem de Democracia ou não concorda com ela, é algo que ele prega só da boca para fora.

Como os poderes são independentes se eleger para algum cargo político lhe dá uma grande imunidade.
Nessa parte já ressalto a importância do voto distrital e não obrigatório.
Os eleitores conheceriam melhor os políticos e não votariam só porque um nome esta na “moda” em seu Estado.

Nihil disse...

Bom dia ao sr.,

_réplica ao comentário,

então não tem jeito.
Se os poderes funcionam como ilhas quase incomunicáveis...
dá para entender porque em tantas atitudes,outros países agem de forma diferente do nosso.

Eles praticam a "eugenia" contra o "nascimento" de políticos indesejáveis.

Nihil disse...

texto principal,

_obrigada por publicar esse tema hoje.
Talvez,o site da wiki sobre eugenia,foi escrito por um simpático à causa.

Em alguns artigos que eu lia "por aí",tempos atrás,percebia uma atitude assim disfarçada,e normalmente,fechava a revista,e deixava-a de lado.
Tem um psicólogo que escreve livros racistas,_eu e o Amaral debatemos sobre as idéias do mesmo por um certo tempo no gd do terra,e eu procurei ser tão imparcial quando pude,ao ler suas teorias,justamente para refutá-las depois.

Depois de algum tempo,isso me foi possível,com a assimilação de novas informações,e atualmente,também sei que o dr.em referência,é eugenista,mas não se admite assim.
Não lembro mais o nome dele,nem preciso lembrar,pois já gastei algum tempo com o "pensamento" do mesmo,no passado.

Agora,o tal movimento eugenista,encontra a salvação de si mesmo,nas pesquisas sobre doenças-pesquisa facilitada pelo estudo da genética,e sonha em erradicá-las,usando a técnica da eliminação dos genes defeituosos.
Vamos ver no que vai dar.
Todo pecador um dia vira santo.

Idéias racistas precisam se modificar,e procurar devolver à Humanidade,o que dela,elas já tiraram,ou ressacir-lhe os prejuízos.

Mais tarde,continuarei comentando.

Nessa manhã,estive praticando a "higienização" da minha Lixeira,à procura de artigos sobre extraterrestres que vivem como seres humanos na terra.
Tema do meu interesse,já algum tempo.

Um bom dia ao sr.,e aos demais.

Eugenia para mim mesmo,só se botânica...

Nihil disse...

floricultura

Terapia da Lógica disse...

“Idéias racistas precisam se modificar,e procurar devolver à Humanidade,o que dela,elas já tiraram,ou ressacir-lhe os prejuízos.” [Nihil]
============================
Humm... essa parte é muito provocativa porque tem a ver com você pensar que a humanidade começou pouco tempo antes de você.

A eugenia não durou tanto nem trouxe tantos prejuízos.

Darwin publicou seu livro em 1859 suas teorias ganharam força lá por 1900 e em 1945 já a víamos com maior BOM SENSO.

A humanidade guerreia a mais de 6000 anos, acreditar que em menos de 100 anos a eugenia matou mais gente que as guerras da humanidade em 5900 anos é uma coisa que eu não aposto.

Estados Unidos e Alemanha praticaram a eugenia e oras vejam só são duas economias muito fortes no planeta, o povo alemão é no geral alto e forte.
Não, não estou defendendo a eugenia, só não podemos infantilmente demoniza-la.
O movimento eugenista começou em São Paulo e qual o estado mais forte da federação?

Talvez eu escreva um texto sobre isso, mas esses assuntos são muito delicados, a mente das pessoas são muito cristalizadas com seus dogmas.

Apenas digo mais uma vez:

“ Entre extremos há muitos meios.”

Terapia da Lógica disse...



Virtude X Defeito

“Há homens que parecem ter só uma idéia e é uma lástima que seja equivocada.” [Dickens]
$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$
Isto é interessante, por vezes tomamos a persistência como uma maravilhosa virtude e realmente é algo que deve fazer parte de nossas vidas, mas como a vida não é exata…TOMEM CUIDADO!
Muitas de nossas falhas de análise e ação vem justamente do “enlouquecimento das virtudes”.
Como somos atraídos pela BELEZA, somos igualmente atraídos por idéias bonitas.

Oras, a persistência já causou grandes prejuízos a inúmeras pessoas, mas não gostamos de olhar estes casos, preferimos olhar para historias bonitas, historias de superação.

Puxe por sua memória.

Toda amiga sua que persistiu na conquista de um homem conseguiu? Não estou falando de sexo, estou falando de uma relação séria, duradoura.

Flash Back

Nihil disse...

quaréplica ao sr.William,

"Estados Unidos e Alemanha praticaram a eugenia e são economias fortes."
Quando eles se encantaram por essa idéia,os mesmos já eram "economias fortes" formadas por uma população "não limítrofe".

"Foi praticada principalmente em São Paulo,o estado mais organizado do país".
São Paulo tornou-se o que se tornou,por influência dos jesuítas.

Em todos os grandes centros urbanos,existem ouvidos para temas bons e para temas ruins.
A eugenia não foi muito prejudicial,mas tem uma dívida com o povo assim mesmo.
Se não por si mesma,pelo seu antepassado,que foi o racismo.
Nunca ignorei quando ela começou,até já fui quase entusiasta disso,até perceber meu engano.

Folgarei se ela "santificar-se" a si mesma dominando as técnicas da medicina,para cura das nossas doenças.
Essa parte,atualmente,é bem importante.

Um bom almoço a vcs.

(tive uma brecha agora,pois estava procurando aqui no sótão uns jornais budistas antigos...)

°°°°°°°°°°°°

Nihil disse...

ou seja,tive um "tempinho" para uma olhada no blog.

Daniel disse...

http://noticias.uol.com.br/empregos/album/2013/01/08/dez-filmes-com-licoes-que-todo-gerente-deve-aprender.jhtm?abrefoto=1#fotoNav=1

Eu devo ter assistido uns dois da lista.

Daniel disse...

Viver 200 Anos -


É fato isso que o William disse, e também muito arrojado. Em geral supõe-se que a humanidade fosse ficar mais humana com o passar do tempo, e menos animal. Mas isto ainda é algo que não podemos afirmar com certeza. Talvez deus estivesse certo nas contas dele, e um Hitler apenas fosse adquirir mais aliados, e não mudaria de conduta. Porque funcionaria como a um Tomé no mundo de hoje, cego e irredutível.

E já com 20 anos teve pessoas que me avaliaram com cabeça de 40 anos dado a excelente coesão de minhas ideias. Mesmo o dialogo comigo hoje, é diferente porque obviamente meus prazeres estão em coisas diferentes. Não é bebida, não é cigarro que me atrai. Meu prazer não está em futilidades.

Daniel disse...

Eugênia - "não há solução para os males sociais fora das leis da biologia."

Como racionalmente somos pobres, ha que se pensar que isso realmente possa ser verdade.

Davi se ajuntou a outros derrotados do seu tempo, e conseguiu ser um líder.
Seria fácil para o pobre Davi, naquele tempo, também implantar um sistema do qual apenas o seu povo fosse beneficiado.
E o que vemos em historia é somente um querendo comer o c# do outro.

Explicações para isto?

Bom,... talvez por ter faltado pessoas de 1000 anos vivendo naquele tempo. Eu não sei.

Daniel disse...

Somo obstinados aqui na terra, uma hora paramos de ser. (Grifo meu.)

Daniel disse...

Nihil - Eles praticam a "eugenia" contra o "nascimento" de políticos indesejáveis.

Grosseria é terem inventado 3 poderes distintos. Eles praticam o descalabro que nós o povo temos que engolir.
Falta-nos opções na hora de votar. Por isso existem os tiricas.

Daniel disse...

E se vivêssemos mais de 200 anos?!


http://www.nadacerto.com.br/08/01/2013/os-8-piores-casos-da-deepweb-que-foram-descobertos-por-internautas-da-surface/

Terapia da Lógica disse...



“Quando eles se encantaram por essa idéia,os mesmos já eram "economias fortes" formadas por uma população "não limítrofe".
===========================
Seu conhecimento de historia não é dos melhores, mas vamos lá.
A Alemanha havia sido arrasada pela Primeira Guerra e tinha uma das mais altas inflações da historia.
Estados Unidos tinha uma boa economia, mas não comparável a França e Inglaterra que também praticaram eugenia.

Mas vou escrever um texto sobre isso, esse assunto já é difícil traduzir em textos imagine em comentários esparsos.

encrenca 1.138 disse...

Ao sr.William,

"isso tem a ver com vc achar que o mundo começou pouco antes de vc."

Sempre soube que a Humanidade existe como Humanidade há uns duzentos milhões de anos,e tenho especulado aventureiramente que,embora nossa história registrada,tenha menos de dez mil anos, nossa vida plenamente intelectualizada pode ter uns duzentos mil anos.

Sou muito interessada na história do mundo.
E em breve,deverei retomar as leituras da mesma.
Fui aconselhada,recentemente,a retomar minhas preferências "de conhecimento".

Acho que já contei que aos catorze anos ganhei um presente insólito,que ninguém dá a uma adolescente,quase ainda em idade de ganhar bonecas para enfeitar o quarto.
Me presentearam com a coleção de William L.Shirer,entitulada "Ascensão e Queda do Terceiro Reich".
Mas,eu a li dos vinte aos vinte e um anos.

Terapia da Lógica disse...


“Talvez deus estivesse certo nas contas dele, e um Hitler apenas fosse adquirir mais aliados, e não mudaria de conduta.” [Daniel]
===========================
Eu disse que poderíamos viver 200 ou 300 anos e não que seriamos “imortais” por 200 ou 300 anos.
Hitler morreria em 1945 como aconteceu.

Uma pessoa atualmente tem possibilidade de viver até 100 anos, mas se levar um tiro com vinte morre.
Espero ter sido mais claro.

encrenca 1.138 disse...

Olá,sr.William.
O sr.estava escrevendo a quinturéplica a mim ao mesmo tempo em que eu escrevia a última réplica.
Essa história dita pelo sr. está na coleção que acabei de mencionar.(Ascensão e Queda do Terceiro Reich)

A Alemanha não se tornou uma "economia melhor" por causa da eugenia,mas sim,porque Hitler instalou uma indústria de guerra em seu país.
Acredito que na época,ele foi um líder mais ou menos parecido com Collor de Melo,mas pelo "lado malévolo".
Se ele ler o que escrevi,deixo claro que apesar de tudo,ele (o ex-político alagoano) é,na minha opinião,"uma pessoa de bem".

Os EUA cresceram economicamente,por esmerada competência,e impulsionado pelo desastre da Europa,nos anos quarenta.

Ou seja, nada a ver com "os eugênios".
O fato é que elementos que tendem a prosperar,costumam experimentar todas as idéias,desde as boas,até às mais burras.
E aí,acabam acertando-se com algumas que dão certo.

Terapia da Lógica disse...



Eugênia - "não há solução para os males sociais fora das leis da biologia."

Como racionalmente somos pobres, ha que se pensar que isso realmente possa ser verdade. [Daniel]
============================
Esse final foi só uma provocação, claro que não acredito nisso.
Somos mais que maquinas Biológicas, mas mesmo que não sejamos:
Somos seres PENSANTES.

Boa parte dos males da sociedade podem ser amenizados com pensamentos lógicos.
São esses tipos de pensamentos que exponho aqui na Terapia da Lógica.

sotonenses 37 disse...

Como eu imagino o Denytus,

_ vc mostra para nós um "jeito primitivo e jovial" que acredito que vc não demonstra para sua família.
Como irmão mais velho,cresceu reprimindo bastante aos sentimentos,para dar bom exemplo aos mais novos.
Talvez,já teve alguma responsabilidade sobre os últimos que nasceram.

Acredito que com seus parentes,vc parece chato e farisaico.
Mas,suas namoradas,e seus amigos virtuais vêem seu "jeito real".

Isso se parece um pouco com o que me ocorre.
Fui a vida toda,uma criatura "dura na queda",um verdadeiro "osso duro de roer".
Por fora,não apresentava falhas,e isso afastou alguns de mim.
Todavia,"interiormente" custei a amadurecer.

Quantas vezes precisei de uma amizade próxima e constante com quem dividir minhas preocupações,e não tive.
Já sofri bastante,por me sentir "carregando o mundo sozinha" e acho que isso se somatizou em dores no meu ombro direito.
Nunca "percebi muita estabilidade" ao derredor-então preciso ficar me apoiando em mim mesma,e em doces lembranças de um jovem que conheci no final dos anos setenta.

O mundo não é perfeito.
Ao menos,gosto de estar viva,e de poder imaginar que ..."um dia tudo vai ficar certo",e ao meu gôsto.

encrenca 1.139 disse...

Sr.William,o sr.está assistindo a novela das seis?
Ao menos,está seguindo pela internet?

O personagem do Lázaro Ramos,o "Zé Maria", marujo expulso da Marinha,está cada vez mais semelhante ao sr.
Agora ele trabalha como administrador de um Jornal.
Ocupa-se com suas contas,com suas compras,e perguntou ao patrão sobre "os anunciantes".
O patrão disse que não costuma procurá-los.

O personagem irá impulsionar a empresa com seu senso prático,e com suas deduções lógicas.
Acredito que irá revolucionar a firma,e em plena era da experiência do Comunismo(começo do século vinte),irá colocá-la em sintonia com o Capitalismo.

Terapia da Lógica disse...


“Grosseria é terem inventado 3 poderes distintos.” [Daniel]
============================
Caraca! Essa estrutura de poder mais o povo demonstrando sua vontade através do voto é a base do sistema democrático!!!!
Hoje falamos ainda no quarto poder que é a imprensa.

PASSEANDO

Terapia da Lógica disse...



“A Alemanha não se tornou uma "economia melhor" por causa da eugenia,mas sim,porque Hitler instalou uma indústria de guerra em seu país.” [Nihil]
============================
A sim, para um país crescer o melhor é instalar uma industria de guerra... cada coisa que a gente lê.

Hitler foi um administrador muito competente se não tivesse tentado conquistar o mundo levando a eugenia até as ultimas conseqüências possivelmente seria reverenciado como um gênio da humanidade.

Hitler visivelmente tinha apoio mundial quanto ao Darwnismo Social acontece que ele exagerou, saiu de controle...
Invadir países vizinhos e não respeitar acordos foi um grande erro.
Ele queria ser o imperador do mundo, claro que os aliados não iriam deixar.

Nihil disse...

Para o texto principal,

o melhor comentário desse momento que posso fazer sobre ele,é postar a música cantada pela Elis,em que ela expressou um sonho comunista,e nele,um desejo sincero e legítimo por um mundo melhor, definido por fronteiras.

Talvez,essa canção seja uma antítese da "Imagine" do John Lennon.

Quero

encrenca 1.140 disse...

Sr.William,eu não disse que para um país crescer,ele precisa instalar uma "indústria de guerra" em seu território.
Eu disse que isso aconteceu com a Alemanha-e foi a realidade.
O sr.até admite...

Talvez houvessem algumas "saídas" para aquele país,mas ele preferiu a militar.
Assim como os EUA também ganham com a tragédia dos outros,devido à sua indústria de armas.

Tema polêmico,hem...

Daniel disse...

Você tem uma maneira interessante de me avaliar, srta Nihil.

tripitaka 865 disse...

Deus me livre preconizar para um grupo,ganhar a vida com guerra,ou com armas.
Num dia como esse,eu poderia dar um tiro "na minha idéia".

Com aquele comentário,eu tentei contar a triste realidade de alguns países,com certas escolhas dos seus mandatários.

Também conheço a "face amarga" da vida...

Daniel disse...

E quando temos um poder judiciário que não é respeitado?
Para que serve o supremo tribunal federal que não consegue nem tirar os direitos nem prender efetivamente um deputado?

Onde, em que outro planeta isso é possível?

sotonenses 38 disse...

subsérie:

jeito antipático meu.

°°°°°° No final do ano retrasado,mamãe foi num médico esquisito do convênio dela,-um geriatra,e voltou contando histórias.
Ouçam o resumo,

ela reclamou para ele da memória fraca que ela tem.
Ele perguntou a ela se "ela rasga dinheiro,e se ela costuma esquecer de almoçar".
Ela,lenta para entender ironias, se dignou a responder.
(eu teria mandado ele "ir se catar").
Ele treplicou a ela que sua "memória fraca era uma fantasia" e que ela apenas era "vagal demais para querer prestar atenção nas coisas".

Ahan...(estou me contendo)

Sabem,até eu que nunca fiz um curso de auxiliar de enfermagem, sei que o evelhecimento sempre é acompanhado por uma pequena redução cognitiva,e que doenças crônicas tipo diabetes,hipertensão,problemas na tireóide,e esclerose,atrapalham bastante a concentração.
Mamãe é diabética.
Se estava reclamando da própria atenção ruim,era porque não estava tendo controle sobre isso,e isso deveria ser porque não estava tratando direito sua diabetes,ou seus remédios estavam desatualizados.
O médico,ao reagir com má vontade à mesma,talvez pudesse até estar expondo uma vida a um risco,porque a memória fraca pode ser sintoma de problemas de certa gravidade e urgência.

Mamãe,sentindo-se uma vítima,começou a dizer que o dr.podia estar com a razão.
Sabemos que muitas pessoas da geração dos nossos pais,acham que "tudo o que acontece é culpa da pessoa" e e que eles foram formados num mundo que ainda não estava consciente da questões do corpo,nem da saúde.

Todavia,quando ela ia se aventurar a dizer o nome do nefando dr.para mim,aconselhei-a a não fazer isso.

"_Eu poderia denunciá-lo à administração do seu convênio,e garanto que farei isso,mesmo sem saber seu nome,se vc não procurar outro profissional melhor".

Mamãe me deu uma bronca,mas mantive minhas palavras.
Fiquei furiosa com a história por ela contada,e pensei que aquele havia sido um dia em que alguém da família(um de nós) deveria tê-la acompanhado ao consultório do esquisitíssimo doutor.
E permaneço com raiva até agora,embora não tenha falado mais no assunto.

Ela procurou médicos menos piores,e passou a ser razoavelmente atendida por uma dra muito cortês,mas cujas prédicas ela não seguia adequadamente.
Isso teve consequências,como vcs sabem.

Todavia,nesse período em que tenho estado mais perto dela,mamãe,estou aprendendo a ser menos direta,ao me mostrar como sou.
Radicalismos não levam a nada.
Sou bem brava,mas procuro guardar esse gênio só para mim.

Talvez, de uma forma meio louca,ela acabou aprendendo que gosto muito dela(por toda a vida ela sempre achou que isso não ocorria...)
Enfim, mães e filhas acabam ficando com o tempo, muito próximas e sempre prontas a se defenderam mutuamente,como tigresas.
Toda casa um dia,"toma jeito".

§ em tempo.
Conto isso,numa época em que quase todos os convênios médicos estão proibidos de vender mais planos,porque não estão atendendo direito.
Isso não está ocorrendo ao convênio dos meus pais.
É um dos melhores,e mesmo assim,vez por outra,profissionais da mais alta patente de esquisitice,podem ser encontrados no mesmo.

Esse texto mereceria figurar também na série "revista realidade".



Sr.William... disse...

...não leve a mal nossas discordâncias.
Elas são só discordâncias aparentes.
Se conversarmos mais sobre alguns assuntos,veremos que apenas nosso modo de falar sobre cada um deles,é que é diferente,embora as opiniões básicas se pareçam.

Até amanhã.