terça-feira, 8 de novembro de 2011

Paraiso Mental

"Eu tenho as seguintes teorias sobre a obesidade. Ela é causada por problemas alimentares que as(os) pacientes não percebem como problemas."  [Nihil]
$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$
  Para Filosofia Matematica a obesidade [quando não é falha endócrina] é um efeito colateral do PRAZER comer. 
  Um dos grandes problemas do Freudianismo é conhecer pouco da estrutura de pensamento Prazer, como não entende vê como doença, nos transforma a todos em "pacientes".
  A pessoa sabe que se comer demais irá engordar, mas aquele pedaço de bolo esta tão bom, esta lhe dando tanto prazer que ela continua comendo, se deliciando com o sentido do paladar.
  Muita gravidez indesejada tem este mesmo processo, a moça sabe que deveria exigir camisinha, o cara sabe que tem que tirar na hora H, mas esta tão gostoso, o ato sexual esta lhes dando tanto prazer que param de PENSAR e se entregam ao prazer.
  A moça podia diminuir os riscos usando pílula. Neste caso antes do ato ela tem tempo para planejar, pensar.
  O Freudianismo se perde buscando causas distantes em situações que são de momento.
  No Freudianismo o bolo não é tão gostoso, faltou doçura [amor] na infância do paciente, ingerir açucares é uma forma de "compensação"...haja saco!


========================
  O Freudianismo e as Religiões neste quesito se parecem muito, um vê o prazer como uma disfunção emocional que provoca uma falha na química cerebral o outro vê o prazer como uma tentação da carne, a ação do demônio.
  Se você sente muito prazer em comer chocolate, isto não é normal, esta camuflando uma grande ansiedade ou é o demônio em sua vida.
  Por estes dias minha esposa estava comendo um doce com muito gosto e estava com dificuldade para parar.


  Fiquei chateado quando ela disse: "- Alguma coisa esta errada comigo, devo estar com muita ansiedade, não deveria estar comendo tanto este doce."


  Santa novela mexicana Batmam.

  Era tão bom quando ela dizia simplesmente: "Garotão, este doce esta uma delicia!"
  Ao invés de ficarmos alegres por estarmos vivenciando um prazer, nos entristecemos buscando doenças. 

  Porque é tão difícil admitir que o doce esta uma maravilha?
  Ela admitindo que o doce esta muito gostoso, mas que já comeu demais podia dar como solução comer apenas mais um e parar a comilança, mas seguiu o caminho tortuoso de negar a realidade de que o doce esta gostoso, preferiu a ilusão de estar doente.
  Claro que conversamos e a Filosofia foi soberana, mas e se eu fosse um Freudiano alimentando ainda mais a desconfiança de sua saúde?


  É senhoras e senhores, esta é mais uma das falhas estruturais nas teorias de Freud, uma ignorância quase que completa a respeito da estrutura de pensamento PRAZER.


  Engraçado é que o cara fumava feito louco, morreu de câncer na boca dizendo que um charuto é só um charuto.
  Já o cara que não conseguiu segurar a ejaculação tem que fazer 10 anos de psicanálise, tem que descobrir porque urinava na cama quando criança até entender que a culpa foi de sua mãe que o chamou de porco ao encontrar os lençóis molhados...haja saco!"
  Para Filosofia o cara não tirou na hora H porque estava muito gostoso, foi uma situação de momento que pode acontecer com qualquer um de nós, da próxima vez é melhor ele entender o PODER DO PRAZER e usar camisinha, planejar antes, para não lamentar depois.
  Um bolo gostoso é só um bolo gostoso, coma um ou dois pedaços e crie vergonha nesta cara de pau...HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA!



PS: Antes que alguém comente sobre isto quero dizer que Freud não desenvolveu esta psicanálise de longa duração, seus seguidores "enreligionaram" a psicanálise a transformando em uma missa de longa duração onde o divã é um confessionário e o psicanalista uma espécie de padre... "Ninguém chegará ao paraíso mental senão por mim"...HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAAH!



anterior                       <>                                próximo