sexta-feira, 15 de fevereiro de 2013

Petróleo Infeccioso

  “Quando você quer alguma coisa, todo o universo conspira para que você realize o seu desejo.” 
[Paulo Coelho]


_______________________________________________________
  “Você (William) acredita em alguma conspiração universal?”
[Comentarista no G+]
_______________________________________________________

CONSPIRAÇÃO  
[Dicionário Priberam]

1. Trama contra um chefe de Estado ou os principais do Governo.

2. Conluio, maquinação.

3. [Figurado] Concorrência de circunstâncias.

  Eu tenho um texto delicioso sobre teorias da conspiração.

  Nesse aqui vou filosofar sobre o item 3 do dicionário.
  Uma concorrência de circunstancias universais que conspiram a nosso favor.
 _________________________________________________________________
   “Paulo Coelho entra de cabeça no movimento hippie, ao mesmo tempo em que conhece o mundo das drogas e do ocultismo, incluindo o chamado Caminho da Mão Esquerda.”
___________________________________________________________________

  Paulo Coelho diz que o Universo conspira a nosso favor, me parece que conspira a favor “dele” o que tem muito a ver com minha teoria dos escolhidos.
  Paulo foi praticante de Magia Negra e grande consumidor de drogas, no entanto tem uma vida bastante satisfatória em todos os sentidos que podemos perceber.
  Tem saúde, uma vida longa, não é infeliz no amor, tem fama e dinheiro.
  A grande maioria de nós não tem a mesma sorte de Paulo Coelho.
  Mesmo sendo um “porra louca” na juventude tudo deu relativamente certo para ele.
  É difícil negar o pensamento que meu amigo Shakespeare tornou célebre.

  “Há mais mistérios entre o Céu e a Terra do que supõe nossa vã Filosofia.”

  Mas não vamos falar do sexo dos anjos, quero um texto mais pé no chão.
  As pessoas “decoraram” as mais diversas teorias conspiratórias como:

1 - A AIDS foi uma doença criada em laboratório para matar homossexuais.

2 -  Existe combustível mais barato que o petróleo, mas a indústria petrolífera não permite que usemos.

3 -  O Capitalismo precisa da pessoas burras, ignorantes, com baixa escolaridade.

  Vou comentar brevemente essas teorias e tirem suas conclusões ou ARGUMENTEM.
  Estou falando de analisar a realidade e não de criar “CONTOS”.


 AIDS - O vírus da AIDS [uma variação dele] existia e existe em macacos e chimpanzés sem os deixar doentes, em algumas regiões eles são domesticados como animais de estimação, servem de alimento, enfim o contato intenso de alguns povos com esses animais fez surgir o vírus em homens e se mostrou ser fatal.
  Mas esse contagio ficou restrito a um pequeno grupo, o cidadão morria, ninguém sabia bem porque e ficava por isso mesmo.
  Lembremos que o vírus da AIDS em si na “teoria” não é mortal.
  Ele enfraquece as defesas naturais do organismo, se não houvesse outros vírus e bactérias nos atacando poderíamos viver bem.
  Na “pratica” o indivíduo com AIDS morre de tuberculose, pneumonia...doenças provocadas por outros agentes infecciosos.
  Com a evolução dos meios de transporte como o avião e a intensificação do turismo e até de guerras onde os soldados tem grande contato com a população local e se sobrevivem voltam para seus países de origem, fizeram o vírus se alastrar, globalizaram o vírus.
  Dizem que AIDS foi uma doença criada em laboratório, mas nunca identificaram qual laboratório seria.
  Chimpanzés com HIV é algo comprovado.
  Uma linha temporal que associe as atividades de um laboratório ao aparecimento da AIDS eu ainda não vi.
  E isso seria possível?
  Claro que sim, veja o caso da guerra química.
  É possível identificar com certa precisão alguma “doença” cultivada em laboratório.

  “Gás Mostarda ou iperita é um agente químico (Cl - CH2 - CH2 - S - CH2 - CH2 - Cl) considerado vesicante pelas lesões que causa na pele.
  Foi produzido pela primeira vez em 1822, na Inglaterra por Despretz.
  Provoca irritação nos olhos e feridas na pele.
  Se for inalado, pode matar por asfixia.
  O gás mostarda é uma substância incolor, líquida, oleosa, muito pouco solúvel em água.”
[Wikipédia]

  PORQUE GAYS FORAM MAIS AFETADOS PELA AIDS?

  Uma pergunta melhor ainda é:

  Como o HIV passou dos macacos para os humanos?

  Em alguns povos, macacos são animais de estimação.
  Sabemos que o HIV passa por contato com sangue infectado ou por relações sexuais.
  A situação “fofa” de alguém cuidando do ferimento de um animal de estimação e tendo contato com sangue contaminado não é algo fora do comum.
  Imagine, seu cãozinho foi atropelado ou atacado por um cão maior e você o pega no colo ensanguentado para levar ao veterinário.

  A situação “não fofa” é a zoofilia, sexo com animais.
____________________________________________________________________
Orgasmo com cachorro
  “A loura revela no livro que seu primeiro orgasmo foi com um cachorro.
  "Ainda mais nova tive meu primeiro orgasmo com um animal. Isso mesmo: um cachorro lambia minhas partes íntimas e, pasmem, eu sentia prazer.
  Essa degradante e demoníaca cena acontecia nos momentos em que brincava com uma vizinha de rua, dona de uma criação de cães."
___________________________________________________________________

  Em alguns lugares macacos servem de alimento.
  O HIV não resiste ao cozimento, mas durante o preparo a carne obviamente esta crua.

  Uma vez que o HIV contaminou humanos é evidente que os maiores atingidos seriam a princípio os indivíduos que por alguma motivo precisaram de transfusão de sangue e os que tinham uma vida sexual muito ativa.
  Normalmente gays tem muito mais parceiros sexuais e relações casuais.
  Eles não tem nem a preocupação de uma gravidez indesejada como as mulheres.
  Enfim, se você quer acreditar em uma conspiração da indústria farmacêutica para vender remédios contra AIDS ... acredite.
  Quer acreditar que foi uma tentativa fracassada de eliminar homossexuais ... fazer o que.

   Só estou lhe mostrando que existe causas “naturais” mais prováveis.

 PETRÓLEO -  Os ecochatos vivem dizendo que há substitutos para o petróleo.
  Isso é verdade, podemos movimentar motores de diversas formas.
  O que eles não dizem é que por enquanto não tem meio mais barato de movimentar um carro que o motor a gasolina ou a álcool.
  Isso é matemática pura, vários combustíveis são e foram testados e conseguimos CIENTIFICAMENTE constatar seu custo benefício, sua EFICIÊNCIA.
  No planeta Terra tem uma grande abundância de petróleo e não há motivos claros cientificamente para deixarmos de usá-lo.
  Você reclama do preço da passagem de ônibus, saiba que qualquer outro tipo de combustível que usemos “atualmente” encareceria a passagem.
  Não acreditem em mim, peçam para qualquer ecochato COMPROVAR que existe um combustível mais barato que o diesel para movimentar ônibus ou caminhão.
  Coloquem um link para a matéria “cientifica”.
  Se existe é evidente que quero conhecer.
  Lembrem-se que a eletricidade não surge do nada.
  Se nossa capacidade de produção de energia elétrica mal da conta da nossa necessidade atual imaginem se hoje todos os carros fossem elétricos.
  Precisaríamos de muitas Usinas Nucleares ou muitas usinas Termelétricas.
 Termelétricas são movidas a gás, diesel ou carvão.



  Quanto ao álcool/etanol, o mundo tem cerca de 1 bilhão de carros.
  O Brasil tem cerca de 65 milhões de carros, ou seja, aqui temos meros 7% da frota mundial e mesmo aqui nem todos os carros são movidos a etanol.

  IMAGINEM SUBSTITUIRMOS O PETRÓLEO PELO ÁLCOOL, A QUANTIDADE DE TERRA AGRICULTÁVEL QUE IRÍAMOS OCUPAR.

  Pensem bem, deixaríamos o Petróleo intocável lá no subsolo e ocuparíamos largas extensões de terra “plantando combustíveis”.
  Não precisa ser nenhum gênio para entender que fatalmente o preço dos alimentos iriam subir e muito.
  E não pense que andar de carro ficaria mais barato, o custo para produzir etanol é muito próximo do custo para produzir Petróleo.
 O custo estimado para os produtores brasileiros é de R$ 0,90 o litro.  
 A vantagem da cana em relação ao milho é que a molécula de açúcar (sacarose), que tem o álcool como subproduto, é facilmente quebrada pelas enzimas, pulando uma etapa na fabricação do etanol.
  O etanol extraído de outras plantas por enquanto é mais caro.
 O custo do litro de gasolina varia muito, depende da cotação do barril de petróleo, mas gira em torno de 1,10 real.
  Como sabem, o rendimento do etanol é menor que o da gasolina.
  Se um carro faz 10 Km com 1 litro de gasolina ele fará uns 8 Km com um litro de Álcool.
  Senhoras e senhores isso é MATEMÁTICA.

  Meditem sobre o que foi exposto, a terceira “conspiração” fica para amanhã...








anterior                       COMENTAR                               próximo




24 comentários:

revista realidade 201 disse...

Bom dia ao sr.

Quando eu era menina,mamãe contava que vira uma ou outra pessoa,lá em Minas,morrer "da doença do macaco".
Era uma praga misteriosa,que atingia um ou outro bobão que matava um primata para comer.(e que ignorava o consumo normal de carne)
Por isso,quando li sobre a Aids em 1.982,eu já a havia intuído,e entendia que a mesma não era uma "doença em si",mas era um mal imunológico.

Acredito em tudo o que o sr.falou sobre os combustíveis.
Essa parte foi genial.
O petróleo não é uma solução arrivista para a economia,e seu uso tem a ver com nossa impotência provisória em relação a outros meios de locomoção.
Como leiga,calculo que teremos ainda mais uns duzentos anos de uso dele,mas em duzentos anos,outras alternativas serão encontradas,ou as monoculturas agrícolas,começarão a ser cultivadas em "jardins suspensos".
Todavia,deixarei por ora a "ficção científica", para meus contos.

O Paulo Coelho acha que o universo conspira a favor de quem quer alguma coisa,porque quando desejamos uma coisa específica,passamos a notar as chances de realizá-la.
Antes,tais chances não faziam sentido para nós,uma vez que não desejávamos o "bem especificado".
Não há nada tão místico assim na história,mas pode ser que para ele,e para o Amyr Klink,as coincidências que os levaram a realizar as ambições que tiveram,realmente,passaram da conta.

Que bom que isso pode acontecer com alguns.

turbilhão 1.299 disse...


...no blog da Xênia,que reapareceu.

Tema interessante esse o dela,e minha réplica foi a quinta.

Anteciparei um bom dia a todos.
Voltarei mais tarde.

Terapia da Lógica Filosofia disse...


“Como leiga,calculo que teremos ainda mais uns duzentos anos de uso dele,mas em duzentos anos,outras alternativas serão encontradas,ou as monoculturas agrícolas,começarão a ser cultivadas em "jardins suspensos".
===========================
Esse é o tipo de coisa que não dá para fazer previsões sobre o tempo.
Milhões de pesquisas estão sendo realizadas no mundo.
Com nossos supercomputadores e a troca de informações na Internet uma grande descoberta pode surgir a qualquer momento.
O dispositivo do carro Flex foi uma grande invenção.
Há pesquisas avançadas com hidrogênio.
Através da manipulação genética podemos chegar a plantas altamente rentáveis na produção de etanol ou bio diesel.
Um grande problema no uso da eletricidade é que nossas baterias não são muito eficientes.
Produzir eletricidade nem é um grande problema o problema é armazena-la.
As placas solares passaram por um grande desenvolvimento, pode surgir novidades nessa área a qualquer momento.

Quem no Brasil sai hoje de casa para comprar uma TV de tubo nova?
Havia uma conspiração contra a TV de LCD ou LED!?

Quando essas tecnologias se tornaram mais satisfatórias do que a que tínhamos elas tomaram conta do mercado.
Assim acontecerá com o Petróleo.
Em quanto tempo?
Aí já é pedir demais...

Terapia da Lógica Filosofia disse...



ADEMAR G Smith 08:03 - Community - Piadas, Charges e Humor



GOOGLE+

Terapia da Lógica Filosofia disse...



Meteoro cai na Rússia e deixa centenas de feridos [Globo]

Alegria e tristeza sempre estão por um fio...


NOTICIA


Daniel disse...

"A esperança, enganadora como é, serve contudo para nos levar ao fim da vida pelos caminhos mais agradáveis."
-- François La Rochefoucauld

Daniel disse...

Muito interessante o seu texto, srta Nihil, brilhante mesmo.
Você tem uma belíssima dedução de muitos assuntos, porém eu não posso concordar em tudo.
Não acho que vivemos em um formato de vida, e que o serve para um serve para todos.
Permita-me.

NIHIL - Ainda bem que eu contei(no dia da réplica ao Denytus mencionada no texto) que caso eu ficasse afortunada depressa, tentaria realizar alguns caprichos,antes de me dar uma "direção mais rígida".

Nós dois concordamos nisso.

NIHIL - O autoconhecimento é um exercício a ser constantemente atualizado,ou podemos cair em tentação,mesmo indo a um shopping,sem ter dinheiro nenhum na carteira,e contando apenas com um cartão de conta corrente.

Incrível. Você acertou o que fiz na semana passada, e ainda esgostei meu saldo comprando umas roupas. Não sou consumista, mas tendo dinheiro, quero ser. Não tenho por habito fazer o que eu fiz, mas tem exigência para que se faça, e eu não tive nenhuma desilusão nem antes nem depois de fazê-lo.
Pós desilusão eu tive quando eu fui roubado, quando alguém ludibriou meus sentidos naquele jogo de cartas falsificado na rua. Perdi 30 reais ali, mas tive a impressão de ter perdido uma fortuna.
Dessa ultima vezes eu só gastei 430, o que não é muito nas lojas do shoping, e deu para eu comprar 6 peças de roupa.
Não vejo problema de gastar 300 reais num tênis ou sapato. Mas o que me causa agonia é não ter tênis de futebol apropriado, e sair calçado desse mesmo tênis de 300 reais para jogar bola.
Mas tudo passa.
Isto é quando compramos uma coisa e pensamos não dividirmos com ninguém, porque fazemos questão que se for dar problema àquilo que compramos que dê problema nas nossas mãos. Mas depois de 3 meses de uso você já não vê razão para ser tão zeloso com o que você pagou caro, e então cede para que outros usem.

NIHIL -Evitar tais tentações,em toda situação,é preciso saber que o que as rege,é o mesmo mecanismo que rege as paixões amorosas à revelia.
Todo desejo exagerado,é "projeção" de alguma frustração mais simples,e há muito,recalcada,assim como toda "paixão à revelia" é a projeção,na "pessoa amada" de algum dever que não estamos cumprindo para conosco.

Não acho isso.
É como o que eu disse acima, não existe um formato especifico para a vida de todos. Mas fato é que todos vivemos do modo como nos dá prazer que vivamos.
Não por uma frustração que eu faço nada. Sou consciente e disto que preciso para estar feliz, ser consciente.
Como pode ser que a maneira como me comporto seja fruto de frustração, se na vida não ha como estar feliz com tudo?
Não concordo com a fragilidade desse parâmetro.


NIHIL - Se nunca ficarmos chateados demais,e se não acumularmos tanto sofrimento emotivo,ao ponto de ficarmos tolos, então estaremos protegidos.
Na pobreza,e na riqueza.

E tudo isto é experimentação.
Está no poder de cada individuo não subjugar sua vida ao razão da existência de ninguém. Mas o que fazer se as pessoas gostam de viver errando?
Não precisa ir muito além para termos bons exemplos de como devemos conduzir nossas vidas. Mesmo a internet nos traz um exagero de informações sobre tudo, e tem muitas biografias interessantes sobre muitas das pessoas que por algum motivo alimentamos certo tipo de admiração.


NIHIL - Isso me lembra o caso de alguns que compraram terrenos na praia,pela internet.
Quando chegaram ao endereço,o tal endereço era o meio de uma avenida...(fiuzinho...)
Se não tivessem sido dominados pelo desespero de "ter um imóvel na praia",talvez,porque viviam sonhando com o litoral,porque trabalhavam demais,talvez teriam tido "cabeça fria" para entender que terrenos não podem ser comprados por esse sistema.

Pode ser que isto tenha acontecido para algumas pessoas, pois que realmente existe margem para isto acontecer. Existem muitos sites que viabilizam informações de compras, mas exige-se do cliente que ele tenha expertise para o assunto.

Daniel disse...

http://www.themarketingreen.com/2012/08/a-pura-energia-do-hidrogenio.html


Então por que o hidrogênio não é utilizado nas indústrias, residências e veículos? A resposta é simples: por sua molécula ser muito pequena e muito leve é um gás muito difícil de ser armazenado e transportado.

Daniel disse...

Exitem estudos estimando que teremos mais 50 anos do uso do petróleo até esgotarem essas reservas.

Daniel disse...

http://klyker.com/oil-thieves-in-nigeria-30-photos/

Ladrões de petróleo na Nigéria (30 fotos)

Daniel disse...

http://www.uhull.com.br/02/07/nunca-desrespeite-um-juiz-principalmente-se-for-no-seu-julgamento/

Nunca desrespeite um juiz, principalmente se for no seu julgamento

Terapia da Lógica Filosofia disse...


Barata Doida 14:35 - Público

Tudo nos miiiiinimos detalhes.


Tabela de preços:


GOOGLE+

Daniel disse...

Um cientista, na realidade, existe para ser surpreendido, para descobrir coisas.

http://www.youtube.com/watch?v=TwWOfR--VaA

O Universo - Em Júpiter( O Rei dos Planetas e Destruidor de Cometas)Silbrasil

Nihil Metilene disse...

Bom dia a vcs.

Li o texto do Denytus.
Foi no "Filosofia Matemática" que teorizei,numa série escrita em fevereiro, sobre a desvantagem de ficarmos nos apaixonando a toda hora,quando não queremos mais isso.
Então,expliquei a "fórmula" que regem alguns interesses românticos.

Normalmente,nos interessamos por alguém que é bom em algo que nos falta,ou nos frustra.
Se começamos a satisfazer tal "carência" em nossas vidas,a nova paixão,perde o pique.
Isso é útil para quem já namora,para quem se casou,ou para quem quer viver com mais sossego- e para crianças que ainda estão aprendendo a escolher as parcerias-a fim de evitar namoros inconvenientes.

Não é bom estarmos bem em um namoro,ou em um casamento,e "derrepente",nos interessarmos por outro(a)
Ontem mesmo ouvi um caso desses no rádio.
Pior que a moça se dá bem com o marido.

O uso de tal "fórmula"(uma vez,eu já usei para mim mesma), pode aumentar o controle que temos sobre nós.
Viver a vida em equilíbrio,é o que mais desejamos.
Não podemos escolher nos apaixonarmos,mas ao menos,podemos evitar que tais histórias tumultuem nossas vidas.

§§§§
um trem para o passado.

"_Mãe,não consigo mais tecer minha tapeçaria.
Tem um moço que não me sai do pensamento."_Safo de Lesbos.

É, negona.
Para vc,essa instabilidade emotiva era útil,porque vc a usava como inspiração para suas músicas.
Atualmente,porém, "nossa vida" é outra.
Vc alcançou outros tempos.

revista realidade 202 disse...

para o sr.William,

-ouvi dizer que o "abastecimento" de um carro elétrico,dura meia hora.(ô louco...)

Andam também vendendo lâmpadas solares.
E todos já sonhamos com veículos movidos à "fotoenergia".

Quando pensei em duzentos anos para o uso do petróleo,sem saber, me sintonizei com uma movimentação do planeta que na astrologia rege os subterrâneos,que é Plutão,que irá continuar nos influenciando bastante até 2.170.
Mas,segundo um link postado pelo Denytus,o petróleo vai durar só mais uns cinquenta anos.
Acho difícil,a não ser que a frota de automóveis quadruplique.

Objetos domésticos feitos de plástico,poderão começar a ser produzidos com a reciclagem.

hã... disse...

Não foi um link,mas foi o Denytus quem disse.
Li horas atrás,acordei há pouco,e havia esquecido que as palavras,haviam sido dele.

Nihil Metilene disse...

Vi as demais mensagens,e inclusive,as piadas do G+

(que galera bobona...hahahaha!...)

Nihil Metilene disse...

A idiota,

O amor é uma faca de "dois legumes"
regido pela loucura,e pelos ciúmes
embelezado pelas faturas a pagar
e pelos queixumes

De qualquer jeito,vc precisa casar
para ver a luz (da vida)
amar é "dar para qualquer um"
paixões se compram na feira
por atacado
as idealistas vão ser freiras
meu amor agora está na cadeia
e o resto que vá para o...

Nihil Metilene disse...

Dedico os versos acima para todas as damas que,estando na fase da "caça amorosa",se envolvem com o primeiro que aparece,ou escolhem os piores parceiros,e depois, posam de vítimas para a sociedade.

Para essas também a fórmula que ensinei em alguns textos do "Filosofia Matemática do Terra",poderia ser útil,e ser utilizada até que tivessem a sorte de se apaixonarem por homens melhores,sorte que em alguns casos,só começa a existir na idade mais madura.

Nihil Metilene disse...

Minha avó Joana foi melhor do que qualquer pessoa,nesse autocontrole.
Conseguiu esperar o "melhor partido" possível para a época, para ser o gerador da sua descendência.

Só por ver a fotografia dele,e seus olhos muito vivos,dá para ver que o vô Américo era um bom homem.
Mas,morreu precocemente,atacado por uma cobra no mato.
"Pai Pitaco" ainda era bebê,portanto,não lembra dele.

Que Deus tenha meus parentes todos num bom lugar lá no céu.

turbilhão 1.300 disse...

°°° ela casou com trinta anos,o que no tempo em que ela viveu,era quase inadmissível... °°°

As mensagens acima- incluindo o poemeto,foram a introdução à réplica maior que finalmente irei escrever para os textos "Corrente do Bem" e "Corrente do Mal",nos quais o sr.William falou sobre o "auxílio reclusão".
Quando eles foram escritos,eu não sabia o que comentar,então decidi aguardar um pouco.
Foi de ajuda para mim,ler dois textos no blog da Xênia,onde ela comentou sobre a suposta preferência feminina por "homens ruins",ao falar a respeito das novelas que ela assiste.

Discordo dela,e não vejo diante de mim estampada essa "preferência".
Muitas mulheres namoram,ou se envolvem com homens inadequados, numa fase em que estão inseguras,mas se elas tem a chance de superar isso, acabam posteriormente,agindo melhor.
A maioria dos casamentos,se fez entre "pessoas de bem".
O fenômeno da aproximação com elementos inadequados pode ter ficado mais frequente,devido à infantilização das pessoas,muito presente nos apressados tempos atuais.
Idem, o direito amplo e irrestrito à escolha do parceiro,é recente para mulheres e homens.(tem uns trezentos anos)
Alguns(algumas) "ainda não sabem" lidar com tal liberdade.

Será baseada nisso tudo,que farei meu acréscimo ao melindroso tema do "auxílio-reclusão".
Pelas estatísticas mencionadas,o mesmo é um benefício restrito.
E ele é pago à família do preso,não ao próprio preso.
Sou a favor da duração desse benefício,enquanto não houver uma ampla cobertura às necessidades materiais dos menores carentes.
Se não existem muitas objeções ao "bolsa família" e se qualquer família pode ser beneficiada por ela,talvez seria o caso de repensar o tal do auxílio financeiro aos filhos do preso,e retirar essa lei.
Porque ela incentiva,indiretamente, da "desagregação dos costumes".
Fica fácil para uma "tipa" que é pouco responsável,ou que simplesmente,tem uma preferência pelos piores humanos que existem, se unir a um deles,esperando que ainda por cima,a seguridade social irá pagar suas contas.
E aí ela expõe a si mesma,ao próprio futuro,ao futuro de quem ainda não nasceu.

O ideal seria que a moça que "gostaria de se ferrar" aprendesse a não desejar isso.
Engana-se quem pensa que a mulher é "enganável" nesse assunto.
Quase sempre ela sabe o que está fazendo.
Muitas meninas,atualmente,preferiram virar mães solteiras,porque temem se envolver com gente ruim.
Então,não somos umas burraldas nisso.

Eu pessoalmente, tenho um solene desprezo por quem abre mão dos melhores ideais, de inclinações de estudo,ou de trabalho,para se dedicar a amores assim.
Ou para "casar com qualquer um" só para mostrar à sociedade uma aliança no dedo.

Se o problema,é encontrar um carinha com quem "fazer alguma coisa", disso,o mundo está cheio.
Encontros são possíveis em todas as situações.
Não vejo mérito em romances duvidosos,que não são úteis nem como histórias para bienais de arte contemporânea.

Até na Idade da Pedra,a troglodita só se deixava arrastar até outra caverna,por um "macho confiável".
Antes,ela havia sabido(por outras pessoas) que ele era um bom "cavernoso",e um ancestral conveniente de uma raça humana esperta.

(hahahahahaha!...)


enguiço disse...

Cumpadís,inté o Mussun apareceu no blogue da cumadi Selma,esse mundo tá memo de cabeça prá baixo...

cacilda!...

Nihil Metilene disse...

Bom dia a vc também,Potiguar.

(hehe!)

encantadora 133 disse...

Outras flores.


tulipa hybrida