segunda-feira, 27 de agosto de 2012

Sobre Santos

  Porque não havia Santos no tempo dos apóstolos?

  Estou falando daqueles Santos que deveriam estar dormindo aguardando o dia do juízo final, mas estão por aí auxiliando ou “enganando” as pessoas.

  Talvez não havia Santos porque os apóstolos ainda estavam encarnados e faziam seus milagres em vida terrena.
  Será que no episódio de Pentecostes Jesus conferiu maiores poderes ao seus seguidores mais próximos como poupa-los do sono até o dia do juízo?

  “Pentecostes celebra a descida do Espírito Santo sobre os apóstolos e seguidores de Cristo, através do dom de línguas, como descrito no Novo Testamento, durante aquela celebração judaica do quinquagésimo dia em Jerusalém. Por esta razão o dia de Pentecostes é, às vezes, considerado o dia do nascimento da igreja. O movimento pentecostal tem seu nome derivado desse evento.”  [Wikipédia]

  A história de Maria foi muito impressionante quando ela estava encarnada e se tornou fascinante depois que morreu fisicamente.
  As pessoas começaram a relatar aparições e milagres.
  A Igreja Católica não criou o culto a Maria, suas inúmeras aparições e milagres é que criaram o culto.

  Algo semelhante ocorre em muitas Igrejas Evangélicas.
  Lendo a Bíblia com ISENÇÃO uma mulher Pastora não pode existir, mas o Capitalismo e a Democracia trouxeram tanta igualdade a mulher em relação ao homem que o Protestantismo está cedendo a essa pressão moderna.

  O que dizer de “toalhas” ungidas e outros objetos?

 “E Deus pelas mãos de Paulo fazia maravilhas extraordinárias. De sorte que até os lenços e aventais se levavam do seu corpo aos enfermos, e as enfermidades fugiam deles, e os espíritos malignos saíam.” [Atos 19:11,12]

  Se eu levo um objeto para casa, o coloco em lugar de destaque, o trato como algo sagrado, na pratica estou prestando um culto ao objeto.

  “Mas, como é santo aquele que vos chamou, sede vós também santos em toda a vossa maneira de viver; Porquanto está escrito: Sede santos, porque eu sou santo. [1 Pedro 1:15-16]

  Perceberam a contradição?
  Paulo fazia o que os pastores fazem hoje.
  Paulo não é o grande exemplo de um cristão quase perfeito?
  Nas igrejas somos exortados a sermos imitadores de Cristo e de Paulo.
  Pedro reforça: “Sede santos, porque eu sou santo.”
  Se Santos ungem objetos...
▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬
  No episódio da Transfiguração ficou claro que nem todos estão dormindo, Elias e Moisés estavam bem acordados quando conversaram com Jesus.

  Em uma passagem muito contraditória da Bíblia Jesus diz a um ladrão que ele estaria naquele dia com Jesus no paraíso, ou seja, não sabemos por quanto tempo o ladrão permaneceu no paraíso, mas não passou pelo dia do juízo que logicamente ainda não ocorreu.

 Estou escrevendo isso porque cansei de ouvir dizerem que a criação de Santos na Igreja Católica foi pura e simplesmente para combater a adoração a entidades pagãs, foi uma estratégia de Marketing.
  Me parece que a criação de Santos não seria possível se esta não fosse a vontade “Daquele que nos Controla”.
  Em dado momento a Igreja Católica se tornou hegemônica no Ocidente, sem a ameaça pagã poderia dispensar o culto a Santos ou restringi-los, até porque sua principal rival era a religião Islâmica que não cultua santos.
  Já escrevi sobre dois “possíveis” milagres que aconteceram em minha vida relacionado a intercessão de “Maria” ou qualquer entidade que tenha agido em seu nome.

  Talvez Deus lá no primeiro século não delegava poderes a “humanos desencarnados”, mas por algum motivo passou a delegar.

  Antes de pentecostes só temos a interferência de anjos, mas depois passamos a ter também de humanos, seriam nossos “Consoladores”, espíritos um pouco mais civilizados nos auxiliando em nossa caminhada?
  Desse modo o “Espirito Santo” não é uma entidade como Deus e Jesus.
  É uma “comunidade de espíritos ajudadores”.
  Em nome do Pai, do Filho e “dos espíritos santos”.

  Os Evangélicos torcem o nariz para esta teoria da intercessão de Santos, mas o engraçado é que eles aceitam a intercessão por parte dos demônios.
   Lúcifer não faz o mal a todos pessoalmente ele tem seguidores espirituais para os quais delega poderes, tem legiões de demônios e pessoas más.
  Em um movimento inverso:
  Deus não faz o bem pessoalmente a todos, ele tem seguidores espirituais para os quais delega poderes, tem legiões anjos e pessoas boas/santos.

  Lembra da aula de Física quando estudou matéria e antimatéria?

  Todas as características de um elétron negativo estão presentes em um elétron positivo só que no sentido inverso.

  No pensamento linear a escuridão é a ausência de luz, mas no pensamento 3D observamos estruturas que produzem escuridão...como?
  Sugando a Luz.
  Esta complexo? Eu sei, poucas mentes alcançam esse nível da lógica.
  Vamos “infantilizar” a visão.
  Pense em Deus como um produtor de luz = SOL
  Pense em Lúcifer como um produtor de escuridão = BURACO NEGRO
  Note que o Buraco Negro não é escuro porque a luz do Sol não chega até ele, não ocorre uma “ausência de luz”.
  A Luz de uma estrela chega até ele e é sugada, o Buraco Negro produz escuridão.

  Meditem sobre isso, depois continuamos...





 “O que você veria se olhasse diretamente para um buraco negro e vivesse para contar a história?

  A imagem acima é gerada por computador e simula o que nós veríamos se encontrássemos um pela frente.
Buracos negros possuem um campo de gravidade tão intenso que a luz se dobra ao ficar próxima a ele, causando distorções visuais. As estrelas, por exemplo, teriam duas imagens – uma em cada lado do buraco negro.” [hypescience]

Anterior          <>        Próximo