domingo, 13 de julho de 2014

Mulher na Direção...do Culto?

  “A mulher aprenda em silêncio, com toda a sujeição.
  Não permito, porém, que a mulher ensine, nem use de autoridade sobre o marido, mas que esteja em silêncio.
  Porque primeiro foi formado Adão, depois Eva.
  E Adão não foi enganado, mas a mulher, sendo enganada, caiu em transgressão.
  Salvar-se-á, porém, dando à luz filhos, se permanecer com modéstia na fé, no amor e na santificação.”  [1 Timóteo 2:11-15]
$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$

  “Eu congrego em um Ministério da Assembleia de Deus em Minas; aqui em nosso meio as irmãs, que cooperam na obra de Deus, dirigem sim, o culto” [G+]
=============================
   “Em 1930, depois de calorosos debates na Convenção, foi declarado acerca do ministério feminino:
   As irmãs têm todo o direito de participar na obra evangélica, testificando de Jesus e a sua salvação, e também ensinando quando for necessário.
  Mas não se considera justo que uma mulher tenha função de pastor de uma igreja ou de ensinadora, salvo em casos excepcionais mencionados em Mateus 12:3-8 (em alusão ao princípio do estado de necessidade). Isso deve acontecer somente quando não existam na igreja irmãos capacitados para pastorear ou ensinar”.

  Anos depois o ministério das mulheres foi novamente discutido em 1983 e 2001, os irmãos nacionais da missão rejeitaram a proposta de ordenação feminina. Muito diferente do ministério de Madureira, onde Deus tem abençoado as mulheres de forma gloriosa em seu ministério.”  Clique Aqui

  Vejam bem que a Assembleia de Deus Nacional interpreta a Bíblia erroneamente segundo o comentário no G+ e a matéria do link.
  Mas o que a igreja do comentarista faz é o que todas fazem:
  Dão uma ajeitadinha na Bíblia para atender seus interesses locais.

  Claro que há excelentes mulheres oradoras e elas atraem participantes e DIZIMOS.
  Hoje nem o Silas Malafaia ousa falar contra “pastoras” na Assembleia de Deus, mas de certo ele sabe que não é bíblico.

  Mas a grande provocação desse texto é:

  Com que moral os evangélicos podem condenar imagens na igreja Católica se eles contra os preceitos Bíblicos aceitam mulheres como pastoras?

  A Bíblia [contraditória como é] atira para todos os lados e é possível fundamentar nela qualquer ideologia.
  Mas no geralzão não é aconselhável idolatrar imagens e nem mulheres dirigirem culto.

  Como esperar que a Igreja Católica acabe com o culto a Maria que dá tanto lucro, traz tantos fiéis?

  Como esperar que os evangélicos ignorem excelentes oradoras femininas que trazem tantos dízimos, tantos fiéis?

  O ministério de mulheres só tende a crescer porque dá LUCRO.
========================
   “A Igreja Universal do Reino de Deus em Moçambique, dispõe a partir da última quarta-feira (11) da primeira pastora moçambicana consagrada. 
  Tratando-se de um ato que acontece pela primeira vez em Moçambique, a consagração foi testemunhada com júbilo, pois é considerada algo inédito na história desta congregação religiosa desde a data da sua fundação no nosso país em 1992.

  Nesta data, o bispo João Leite, líder espiritual e responsável pelo trabalho evangélico nesta bela pátria de heróis, esteve num encontro especial, no Cenáculo Maior (sede nacional), onde consagrou à pastora a dona Wanda Machungo.

  Nos últimos anos, a IURD em Moçambique tem ganhado maior número de almas na nossa sociedade para o reino dos céus, graças à maior manifestação do poder de Deus neste Ministério que é muito honrado por Deus e todas as vezes que um pastor (a) é consagrado (a), este Ministério se torna cada vez mais forte para estremecer o reino do diabo.

  Antes da realização da consagração, o bispo João fez questão de explicar aos presentes sobre a importância de se dar prioridade à voz de Deus.”  Clique Aqui

    Se alguém ainda tem dúvidas leia a matéria acima é só clicar no link. 
  Para atrair fiéis vale quase tudo até trazer samba rock para o culto.

  Por favor, não estou condenando a pratica de tornar os cultos mais interessantes, a Bíblia é um livro antigo e ultrapassado.

  Só estou mostrando que o objetivo das igrejas ao ungir pastoras é basicamente trazer mais adeptos e contribuições.
  Não esqueçamos que mulheres são cerca de 50% da população, é um mercado consumidor muito grande...
  HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAH!
  Pensei algo engraçado.
  Se a maioria da população começar a aprovar homossexuais dirigindo culto, a Assembléia e a IURD irão dar um jeitinho de se virar ...de bruços...
 _____________________________
   Segundo ficou acertado na convenção de 1930 da Assembleia de Deus, uma mulher só pode dirigir culto em situações excepcionais onde faltar homem para dirigi-lo.


  Isso pode ocorrer em situações de guerra quando muitos homens são convocados.
  Em tempos de paz como ocorre hoje no Brasil "segundo a Bíblia" uma mulher não deveria comandar cultos.
  Mas então porque isso acontece? Vamos filosofar sobre isso.

  Suponhamos que você seja daqueles homens que não gostam que a esposa trabalhe fora de casa, no entanto sua esposa ocupa um cargo de gerencia e ganha 2 vezes mais que você.
  Se tu és um cara ciumento o dinheiro que ela ganha a mais vai lhe deixar ainda mais inseguro, sua vontade é que apesar da grana ela deixe de trabalhar e fique só cuidando de casa.
  Mas tem um fato complicador, estamos no Brasil e aqui as mulheres gozam de tanta liberdade quanto os homens.
  Não basta você querer que sua esposa deixe o emprego, ela tem que aceitar a sua vontade.
  Ela fará isso se for incrivelmente apaixonada ou tiver uma personalidade muito submissa.
  Humm...não é por essa brecha que quero flutuar vamos por outra que encurtará o texto.

  Você é um homem ciumento, possessivo, mas PRAGMÁTICO.

  “Ser pragmático é ser prático é ter objetivos definidos, é fugir do improviso. O pragmático se baseia na lógica, no conceito de que as ideias e atos só são verdadeiros se servirem para a solução imediata de seus problemas.
  O pragmatismo é uma doutrina filosófica que se baseia na verdade do valor prático. Uma pessoa pragmática é aquela que busca resolver seus problemas de maneira ágil, prática, que visa mais as soluções do que os obstáculos.”  Clique  Aqui

  Claro que você quer que sua esposa fique em casa, no entanto você ganha 1500 e ela ganha 3000.
  Por ano serão 36 mil que deixarão de entrar na sua casa, não é uma quantia para ser desprezada por quem ganha 1500 por mês, 18 mil por ano.
  Mesmo que ela ganhe igual a você... é dinheiro que deixa de entrar.
  Não pense que esse texto é ficção a maioria dos homens que eu conheço gostaria que sua esposa trabalhasse só em casa, mas geralmente quando você conhece uma garota ela já trabalha e o dinheiro dela ajuda a custear o casamento, se com o casamento as dividas diminuíssem...mas só fazem aumentar ainda mais depois que vem os filhos.
  O dinheiro a mais que a mulher deixa de trazer faz muita diferença.
  Essa situação só muda se o sujeito ganha muito bem.
  Entretanto esse "ganhar bem" é muito relativo, 5 mil pode ser um bom salário para alguns e insuficiente para o padrão de vida [ambição] de outros.
  Se isso é um tanto complexo em se falando de homens, mulheres e casamentos... se relacionarmos com a igreja fica mais simples entender.
==========================
  Entre os fiéis uma mulher boa de oratória [cheia de fé] se destaca, ela atrai pessoas para igreja.
  Em uma igreja bem estabelecida como a Católica ou a Batista o dogma fala mais alto.
  Mas nessas igrejas "independentes" que estão se estabelecendo a sobrevivência depende de atrair fiéis e de preferência que contribuam financeiramente.
  O pastor para se dedicar integralmente aos trabalhos da igreja precisa de algum rendimento, isso é mais do que justo e necessário.
  O pastor ou líder da Igreja, conhecedor da bíblia que é, preferia que um homem se destacasse, mas já que é uma mulher...que seja.

  Glória a Deus!



Anterior          <>        Próximo


Postar um comentário