domingo, 20 de maio de 2012

CAPITALISMO de EQUILÍBRIO

    “Não há excesso de liberdade se aqueles que são livres são responsáveis.
  O problema é liberdade sem responsabilidade.”
    [Milton Friedman]


    Partido de Ângela Merkel sofre derrota histórica em pleito regional alemão.
  “A mensagem dada nas urnas na Renânia do Norte-Vestfália seria semelhante a de eleitores na França e na Grécia, que na semana passada rejeitaram políticos que defendem a austeridade fiscal.”
  [BBC]

  Existe aquele ditado de que a voz do povo é a voz de Deus... espero que não porque como sempre digo: A massa é medíocre.

  As grandes melhorias na humanidade acontecem a partir de grandes pensadores, grandes ESTADISTAS, o progresso não vem da massa, do povão [em termos intelectuais]
  A austeridade fiscal é a melhor coisa que os países desenvolvidos podem fazer para continuarem desenvolvidos, isso é uma Filosofia Complexa que precisará de um texto, adiantando alguma coisa eu diria que a massa medíocre como é não atenta para um fato importante da equação:

   A POPULAÇÃO ALEMÃ E DE BOA PARTE DA EUROPA ESTA DIMINUINDO. 
  Clique Aqui
                                             
  O que irei escrever nesse texto possivelmente você não leu em lugar algum, que eu saiba ninguém nunca escreveu sobre isso, mas antes de mais uma vez me achar um grande idiota, limpe sua mente, me dê ao menos o beneficio da duvida.
  Para ficar interessante vamos simular um dialogo entre meus amigos Sócrates e Platão:

S -  Porque precisamos que a econômica cresça?


P - Cada um tem uma opinião, mas a Filosofia Matemática nos sugere que GERAR EMPREGOS é uma opinião “denominador comum”, todos tem este item nas primeiras colocações.


S -  Gerar empregos para quem?


P - Para os jovens que estão chegando ao mercado de trabalho.


S -  Mas estes jovens que chegam podem ocupar o lugar dos velhos que estão se aposentando, saindo do mercado de trabalho. Logo, para disponibilizar empregos aos jovens não precisamos que a economia cresça.


P – Acontece que historicamente,  principalmente depois da Revolução Industrial, nasce muito mais pessoas do que morrem, como a população cresce a economia tem que crescer para gerar mais empregos.


S – A economia tem que crescer porque a população cresce?


P – Sim.


S“A população japonesa diminuiu no ano de 2011 na mesma velocidade da era pós- guerra. O declínio, calculado pela dedução do número de mortes em relação aos nascimentos, veio de uma estimativa de 204 mil, mostrou uma avaliação do ministério da saúde.” [Portal Mie].  Pelo que você me expôs a economia do Japão não precisa crescer?


P – Me parece que não.


S “BERLIM - O número de menores de 18 anos na Alemanha, o país mais povoado da União Européia, diminuiu 2,1 milhões na última década, segundo dados da Agência Federal de Estatísticas (Destatis) publicados nesta quarta-feira.” [D24AM]. E a economia da Alemanha precisa crescer?


P – Também me parece que não.


S Me parece que esses países que já alcançaram um elevado padrão de vida ao invés de continuarem perseguindo um crescimento sem sentido, uma situação utópica onde todos podem ser ricos, deveriam zelar pelo equilíbrio das contas publicas [austeridade fiscal], manter os empregos já existentes e a qualidade de vida.


P – É próprio da maioria dos humanos querer sempre mais, a humanidade ainda não tem a cultura do EQUILÍBRIO.


S -  Japoneses e Alemães podem buscar crescimento  onde é possível, nos inúmeros países em desenvolvimento, que ainda não tem boa qualidade de vida, é importante que as empresas mantenham os empregos em seus países de origem e criem novos empregos nos países em desenvolvimento.


P – Me parece sábio.


S -  Filosoficamente é pouco eficiente aplicarmos a mesma solução para situações diferentes?


P – É, situações diferentes sugerem soluções diferentes.


S – Os povos desenvolvidos poderiam buscar um CAPITALISMO de EQUILÍBRIO e os em desenvolvimento um Capitalismo de Crescimento?


P – Nunca pensei sobre isto, mas me parece lógico.


S -  Me parece LÓGICO também.




PS: Que nossos irmãozinhos da Europa estejam com a mente aberta para o NOVO Capitalismo, se não o povão ao menos os grandes Estadistas Pensadores. 
   Boa sorte a futura geração!
                                                                         
                                                                                
anterior         <>              próximo