sábado, 12 de maio de 2012

Celso Daniel Explica

  "Em uma hora e meia reservada à acusação, o promotor Francisco Cembranelli reforçou a alegação de que o assassinato foi cometido com o objetivo de assegurar a continuação dos desvios na prefeitura. Segundo ele, Celso Daniel era conivente até o momento em que os envolvidos passaram a enriquecer às custas das propinas, e não só a abastecer os caixas do Partido dos Trabalhadores. O promotor negou se tratar de um crime comum.
  “Para aqueles que almejavam o enriquecimento ilícito, Celso Daniel passou a ser um estorvo”  [UOL]

  Notem que provavelmente Celso Daniel organizou o esquema para formar um caixa dois para o partido, ele era conivente com o esquema desde que fosse para financiar campanhas de políticos do PT.
  Como a grana era muita antes do dinheiro chegar ao partido os participantes do esquema achavam “justo” que eles também ficassem com parte da arrecadação.
  Não estou defendendo o Hélio [ex prefeito de Campinas], mas não descartaria a hipótese de que ele ficou acuado, sabe quando você perde o controle das coisas? 
  Toninho e Daniel já haviam ido para o descanso eterno, entre isso e a possibilidade de ser Governador Hélio deixou a vida lhe levar.
  Ele não é santo [ninguém é], mas acho que por ele as coisas não teriam chegado ao ponto que chegaram, me parece que ele ficou acuado também em casa, a ex-primeira dama me pareceu uma pessoa muito mais ambiciosa, com limites bem mais elásticos.
Claro eu sou um pacato cidadão tudo isso são suposições.
                                                   ====================
  Em 2010 tive uma conversa muito interessante com um advogado conhecido meu que estava defendendo uma causa para mim.
  Ele é filiado ao PDT e sugeriu que eu me filiasse ao partido.
  Eu disse que estava gostando da administração do Hélio, mas o PDT estava aliado ao PT e depois de tudo que li sobre o Mensalão não dava para fingir que nada de grave tinha acontecido.
  Não teria nada contra o PT se houvesse uma limpeza em seus quadros, maus elementos aparecem em qualquer situação, mas como não houve não consigo me filiar  a essa corrente política.
  Era um momento que estavam demonizando a administração FHC e eu era um dos poucos a defender publicamente a boa estrutura político econômica que esse governo proporcionou ao Brasil.
  Disse ao meu advogado que eu estava surpreso de ver uma pessoa culta e bem informada como ele acreditar que não houve mensalão e que a administração FHC foi um desastre para o Brasil, que o Lula foi nosso grande salvador.

  Ele disse que entendia tudo que eu estava dizendo e claro que concordava comigo, acontece que apesar de toda roubalheira, quando até o Lula estava envergonhado e preparado para ser enxotado de Brasília seu índice de popularidade subiu enormemente, era como se o povo brasileiro não ligasse de ser roubado.


  E olhe que a defesa saída da boca do Lula foi patética:

  “Eu não sabia de nada.”

  “Se o povo acha normal o desvio de dinheiro e apoiar o Lula traz mais dinheiro para meu grupo político, nada mais óbvio que dançar conforme a musica.” [essas foram mais ou menos as palavras usadas pelo advogado].


  Ele citou muitas obras concluídas e em andamento e me falou que o Governado Estadual tinha colocado dinheiro na cidade, mas o que fez a diferença mesmo foi o dinheiro vindo de Brasília, este foi aquele algo a mais.

                                               =========================
  O fato é que depois do Mensalão, nosso povo reconduzir ao poder Lula e tantos políticos envolvidos  passou um recado para os outros políticos que o povo não vê a cobrança de propina como um grande mal, é algo aceitável que “sempre foi assim e sempre será.”

  Hélio e tantos prefeitos espalhados pelo Brasil assim como vereadores entenderam que segundo a maioria da nossa população ser um político muito honesto não esta com nada, não é levado em consideração na hora do voto.
  Imaginem a cabeça daquele político que lutava para se manter integro, recusava propina, que acreditava que depois do escândalo chegariam as câmaras políticos com a mesma integridade e viu que o povo absolveu praticamente todo mundo!!
  Aquele político mais honesto naturalmente se sentiu um grande OTÁRIO, e aquele que só se mantinha honesto para manter uma boa imagem entendeu que ganhar algum por fora até faria bem para seu marketing político, entraria muito mais dinheiro para sua campanha e conta pessoal.
  Sei, sei é lamentável, mas a Matemática é implacável, o povo brasileiro reclama, reclama, mas é conivente com a corrupção na política.
  Campinas é uma das raras exceções, apesar de toda verba trazida pelo grupo de Hélio e da boa administração a descoberta da pratica da corrupção foi inaceitável, tanto que Hélio e seu vice foram tirados do poder, por isso não entendo porque somos tachados de cidade corrupta!?
  Bem, senhoras e senhores mais uma eleição se aproxima, a melhor coisa que podemos fazer é não deixarmos aqueles políticos que querem fazer um trabalho sério, honesto se sentirem otários.
  Claro que você não deve desistir do seu candidato por qualquer historinha que contarem, tudo pode não passar de armação ou mal entendido, mas diante de denuncias bem fundamentadas e explicações não convincentes...faça como o cidadão de Campinas.
  TROQUE DE POLÍTICO!
                                                                       
  Esta imagem de Toninho é minha humilde homenagem a todos os cidadãos honestos desse país que votam contra a corrupção.



anterior                                     <>                                          próximo