domingo, 27 de maio de 2012

Luares em Vão

 “A honra é, objetivamente, a opinião dos outros acerca do nosso valor, e, subjetivamente, o nosso medo dessa opinião.” [Schopenhauer]
$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$
 “Caraca! Eu ter que convidar uma garota para jantar comigo, putz grilo!”  [Dia de Anta]      Clique Aqui


Abra o seu coração
Que eu quero passar, andar de trem...
Flores beijando o chão
Pedras a sonhar Tudo em transe de amor

As carícias virão
Soltas pelo ar Vindas do além
E no meu coração
Ou qualquer lugar
Tudo brilhará também

Ali onde o ar beira a luz
Todo encanto vai navegar
No decorrer de uma paixão

Tempestade nasce no vento
Cresce e se faz mulher Pra me levar
Pra ilusão

Abra o seu coração
Que eu quero passar Andar de trem...
Flechas de solidão
Cantam pra saudar Noites de luar
Em vão  Clique Aqui

HONRA: Sentimento que leva o homem a procurar merecer e manter a consideração pública.

  Para um garoto, ter habilidade no trato com mulheres é um item fundamental para sua “honra”.
  Se não sabemos chegar em uma garota a opinião dos outros garotos acerca de nosso valor é de que somos um babaca.
  Ninguém quer ser tido como babaca, mesmo quando é.
  Acontece que ter medo da opinião dos outros tira o poder de nós sobre nós mesmos.
  Não, aqui você não vai encontrar aqueles discursos fáceis, aquelas frases bonitas do Google+ e Face.

  “Viva sem medo”, “Seja você mesmo”, “Não importa a opinião dos outros”...

  Não era só uma questão de honra, eu queria ter habilidade no trato com as garotas.

  Esse texto que grita para sair é “perigoso”, mas este ano estou incrivelmente corajoso.
  Não quero escrever por escrever, quero que a leitura tenha alguma utilidade para pessoas de todas as idades, então falarei hoje com os garotos tímidos.
=========================
  Nomes fictícios, fato ocorrido há muito tempo atrás.
  Eu já tinha uma certa habilidade com mulheres...foi mais ou menos assim a conversa com meu amigo Cesar.

W – A Carminha esta muito interessada em você.
C – Não faz meu tipo se fosse a Ana seria tudo de bom.

W – Fala sério, a Ana esta com o André ele é um cara experiente você não tem chance!

C – Você não sabe das minhas experiências!

W – Qualquer homem ou mulher experiente que olhe para você saca que você é criança em termos de relacionamentos, esta escrito na sua testa.  [Sou ou não sou um “amor” de pessoa...HAHAHA!]

C – Eu sou romântico, não saio com qualquer uma.

W – Você esta apaixonado pela Ana.

C- Não!

W – Mas você sairia com ela, você sai com qualquer uma que ache bonita...belo romantismo.

C – Você não sairia?

W – Não sou eu que estou defendendo o romantismo, é você, lembra?
  Além do mais sou comprometido e minha namorada é legal e tão ou mais bonita que a Ana.
  Você não merece por ser muito bocudo, mas eu na minha infinita bondade vou te ajudar...HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA!

C – Fala “humildade” estou te ouvindo.

W – Não vou te enganar, você não é um cara bonito, mas também não é feio, é bonitinho. Uma mulher não o rejeitaria por sua aparência.
  O que mais atrapalha homens do seu tipo é a falta de atitude.
  Essa falta de atitude vem da falta de confiança que fica ainda pior quando você esta diante de uma mulher que chama a sua atenção, é do seu tipo.
  Alguns poucos caras já nascem naturalmente habilidosos com as mulheres, mas a maioria tem que seguir um longo caminho, 50% não ficam habilidosos nunca.
  Você tem 18 anos a melhor maneira de você desenvolver segurança é sair com uma garota como a Carminha que esta interessada em você e pela qual você não tem muita atração.
  Ela estar interessada em você a fará ter paciência, ser compreensiva e você não ter uma grande atração por ela diminuirá sua ansiedade.

C – Eu estaria enganando a Carminha.

W – Enganando!? Ela esta a fim de você e você vai dar uma chance para ela, vai conhece-la melhor. Quem te garante que ao te conhecer melhor ela não perca todo o interesse...HAHAHAHAHAHAHAHAHAAH!
  Você vai estar a ajudando, ela iria ficar sonhando com você por meses e em uma semana pode perceber que não vale a pena, foi engano.

C – Você tem certeza que esta tentando me ajudar...HAHAHAHAHAHAHAHAHAH!

W – Estou sim. Ela pode realmente gostar de você e você não querer continuar saindo com ela, de qualquer forma ela viveu bons momentos ao invés de ficar platonicamente sonhando com você como você sonha com a Ana.
  Além do mais, a Carminha é bem bonitinha e muito legal, não tenha tanta certeza que não irá se apaixonar por ela.
  Os dois estão pegando papel na ventania, que mal tem se fizerem companhia um ao outro em um cineminha básico?

C – Tá bom, vou ver se rola alguma coisa...
=====================
  Para quem esperava um final “Feliz” ...ele não aconteceu.
  Mas também não foi infeliz, eles saíram, se curtiram por algum tempo, filosoficamente defendo que foi melhor que se não tivesse acontecido nada.
  Como diz meu amigo Djavan “desperdiçariam noites de luar”.
  A Carminha era aquela menina sem muita ambição, pouco estudo, o Cesar estava se formando na faculdade, altos objetivos, houve uma incompatibilidade de mundos.
                                                

   Para um homem ficar “bom de cama” tem que praticar muito, é por esta brecha que iremos flutuar...amanhã...se eu achar que dá para publicar...
                               
                                            
                    Flechas de solidão cantam pra saudar noites de luar em vão.


Anterior          <>        Próximo