sábado, 5 de maio de 2012

Dois Pesos

1 - O "fruto do conhecimento do bem e do mal" pode ser uma alegoria indicando o aumento do "quociente de inteligência"

2 - A "outra árvore" eu ainda não consigo imaginar o que é.  [Nihil]

$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$
  Resumindo bem toscamente:

1 -  Se existe seres diferenciados [Deus ou Deuses] eles de certo não são ONISCIENTES, a Bíblia sugere em suas historias que eles agem como cientistas, pesquisadores, gerando conhecimento através da experimentação erro/acerto.

  Não foi a inteligência que surgiu [ela já existia], mas sim a CONSCIÊNCIA.[algo parecido tentamos com nossos computadores]
  O fruto do conhecimento representa esta experiência que “deu certo”, era o objetivo perseguido.

2 – O fruto da vida possivelmente é a possibilidade de vivermos em corpos diferenciados, manter a consciência além do corpo biológico, isto irá ocorrer para alguns ou para maioria, mas antes é preciso adquirir muito CONHECIMENTO.

_________________________________________
  “Duas razões havia para a árvore do conhecimento do bem e do mal estar no jardim do Éden. O homem tem livre arbítrio desde o Éden e ali havia uma opção: comer da árvore e desobedecer a Deus, ou ser obediente e não comer. Adão optou por desobedecer a Deus, paciência, mas ele tinha uma opção, podia decidir entre dois caminhos.” [Gratidão]

  Vamos seguir por esta brecha que é muito interessante:


Gênesis 3 “Então disse o SENHOR Deus: Eis que o homem é como um de nós, sabendo o bem e o mal; ora, para que não estenda a sua mão, e tome também da árvore da vida, e coma e viva eternamente,

O SENHOR Deus, pois, o lançou fora do jardim do Éden, para lavrar a terra de que fora tomado.
E havendo lançado fora o homem, pôs querubins ao oriente do jardim do Éden, e uma espada inflamada que andava ao redor, para guardar o caminho da árvore da vida.”


   Dizem que Deus respeitou o livre arbítrio de Adão e Eva acontece que o casal havia optado por não desobedecer o pedido de Deus, Eva foi convencida pela serpente a comer o fruto ou seja o decisão primeira deles não foi respeitada houve uma MANIPULAÇÃO.

  Eles não foram obrigados a comer o fruto, mas com a conivência de Deus foram induzidos a isto.

  Não entendo porque Cristãos e Judeus pura e simplesmente ignoram que a serpente não tinha como se esconder de Deus caso este seja onisciente e onipresente.


  A conversa da serpente com Eva foi decisiva para ela mudar sua decisão e a pergunta que não pode calar é onde estava Deus?

  Oras, como um cientista observava o que acontecia com a cobaia, sim o Sapiens foi a cobaia.
  Não esta convencido? Então veja o que consegue fazer com esta bomba mental.
  Antes que Adão e Eva alcançassem a arvore da vida eterna Deus os expulsou do Éden e não satisfeito colocou querubins para não permitir o acesso.

  Porque Deus não respeitou o livre arbítrio de Adão e Eva na hora de comer da arvore da vida eterna!? 


    Segundo muitos Deus tem um profundo respeito pelo livre arbítrio humano.

   Que respeito profundo é este em que o livre arbítrio foi permitido em uma arvore e na outra não!?
   “Decifra-me ou te Devoro!”

Genesis 2

9 E o Senhor Deus fez brotar da terra toda a árvore agradável à vista, e boa para comida; e a árvore da vida no meio do jardim, e a árvore do conhecimento do bem e do mal.
.
.
.
15 E tomou o Senhor Deus o homem, e o pôs no jardim do Éden para o lavrar e o guardar.

16 E ordenou o Senhor Deus ao homem, dizendo: De toda a árvore do jardim comerás livremente,

17 Mas da árvore do conhecimento do bem e do mal, dela não comerás; porque no dia em que dela comeres, certamente morrerás.
▬▬▬▬▬▬▬
  Note que a arvore da vida estava no jardim, mas o homem não tinha inteligência para entender sua importância.
  Vamos especular um pouco.
  Adão e Eva poderiam viver eternamente “burros” pouco acima dos chimpanzés, comeriam da arvore da vida sem nem ao menos saber do que se tratava.
  O problema com essa linha de raciocínio é a dialética.
  Se bastou um fruto do conhecimento para ficarmos inteligentes então nunca comemos da arvore da vida eterna porque bastaria um fruto para adquirimos essa possibilidade.

  Você não acha estranho que Adão e Eva não tivessem experimentado o fruto da vida uma única mesmo isso sendo permitido?

  OU NÃO IDENTIFICAVAM ESSA ARVORE OU DE ALGUMA FORMA FORAM MANIPULADOS POR DEUS PARA NÃO EXPERIMENTAREM.

  Da mesma forma que foram manipulados para experimentarem o fruto do conhecimento.

  Sei, sei, você vai dizer que talvez o fruto da vida eterna fosse diferente, você precisasse comer de tempos em tempos.
  Mas então porque a pressa de Deus!?

  Notem que é contradição encima de contradição.

  Nesse breve estudo ainda identificamos outras duas falhas estruturais enormes.
  Se Deus é onisciente, sabia que Eva não resistiria a tentação da serpente então porque a surpresa!

  Outra coisa, depois de mordido o fruto Deus puniu o homem com o trabalho.
  “Ganharás o pão com o suor de seu rosto”.
  Mas notem que antes Deus já queria o homem para “lavrar e guardar o jardim” ... isso não é trabalho!!



anterior                                           <>                                                próximo