segunda-feira, 1 de abril de 2013

Deus Estranho

 "A mulher aprende a odiar à medida que desaprende a fascinar." 
 [Nietzsche]

  Quem dera fascinar fosse apenas uma questão de aprendizado.
  O tempo é inclemente debilita todos nós.
  Mas vamos aceitar a provocação de Niet, vem comigo!



  Para a maioria das mulheres perder as formas de um belo corpo sexy é terrível.
  A beleza confere grande poder, ela fascina.

  “Cristiane sempre chamou atenção por sua beleza em contraste com sua irmã mais nova que nasceu com lábio leporino e passou por várias cirurgias.
   Cristiane não queria ser bonita se sentia culpada diante de sua irmã, tinha medo de ir para o inferno por sua beleza e sempre orava para que Deus a perdoasse por ter nascido bonita.”
[Revista Veja 13 de Março, 2013]

  Se Cristiane é culpada por nascer bonita, usando a Dialética, sua irmã é culpada por ter nascido com lábio leporino!?



 Cristiane não é um caso isolado de pessoa que se sente culpada por coisas boas na vida, o “culto ao sofrimento” não afeta só gente pobre.
 

  Algumas pessoas que nascem ricas ficam incomodadas com a “injustiça” delas terem tanto enquanto outros tem tão pouco.

  Confesso que não tenho muita coisa a ver com esse tipo de mente.
  Esse indivíduo que se sente mal por ter nascido em uma família rica faz o quê?
  Terapia, Psicanálise, usa drogas, sai viajando pelo mundo, vai para um mosteiro...
  Caraca!
  Porque o indivíduo não se prepara para assumir os negócios da família, pagar bem aos funcionários, auxiliar instituições de caridade?
  Prefere ficar revoltadinho com a Sociedade e Família?

   Mesmo que a família do “nascido em berço de ouro” tiver muito dinheiro não vai dar para resolver todos os problemas do mundo.

  [Se toda fortuna de Bill Gates fosse dividida com 7 Bilhões de pessoas cada um receberia cerca de 12 dólares]

  Se o pai do “playboy” tem uma empresa que emprega 20 mil pessoas dá para melhorar a vida de 20 mil famílias, se cada família tiver 4 membros são 80 mil pessoas sendo beneficiadas.
  Mas o cara prefere entrar em crise existencial e por vezes ter uma péssima comunicação com os pais que lhe deram tantas possibilidades na vida!




  Parando de falar em riqueza e voltando a falar de beleza...

  No caso da beleza [“Cristianes” a parte] a grande maioria das mulheres ficam chateadas com razão quando o frescor da juventude está indo embora.

  Ódio é um conceito muito forte, mas é comum uma mulher ter outra como desafeto só por ser "carne nova no pedaço", o frescor da outra a incomoda.

  A mulher fica até mais moralista, condena uma minissaia na moça que até pouco tempo ela mesma usava.

  O que você homem ou mulher bonitos podem fazer melhor que ficar orando a Deus se culpando por sua beleza?


  Use seu dom para enfeitar e fascinar.
  A beleza refresca a nossa alma.

  Uma pintura bonita, paisagem, casa, flor, animal, rosto, corpo...enfim a beleza anima nossa vida alegra nossos olhos.

  APROVEITE SUA FASE DE BELEZA, acredite, mais cedo ou mais tarde ela irá acabar.

  Seja fraterno/civilizado enfeite os lugares que passar, entenda que o melhor complemento para a beleza é a SIMPATIA não a arrogância...pense nisso.

  Esqueça a culpa, aproveite sua beleza, enfeite o dia das pessoas.

  Acredito que um Deus sábio daria esse conselho a Cristiane, pena que o Deus que ela acredita seja tão... estranho.




anterior                       COMENTAR                               próximo

Postar um comentário