terça-feira, 11 de outubro de 2011

Esmolas

  "O dinheiro dos tolos é o patrimônio dos espertos."
 [Denis Diderot]

  


   "A Praça Nossa Senhora da Paz, segundo o presidente da Associação de Moradores e Amigos de Ipanema (Amai), Carlos Monjardim, está entre os pontos com mais moradores de rua.
  Há dois anos, ele contratou um detetive que se disfarçou de mendigo para investigar a origem dessa população.
  Monjardim ficou surpreso ao descobrir que uma mulher, dona de imóvel na Zona Sul, esmolava em frente à Igreja Nossa Senhora da Paz e chegava a arrecadar R$ 2 mil por mês."
 [O Globo]


  Há um certo consenso entre os Freudianos que devemos acabar com os espertos para melhorar nossa sociedade eu já acho que devemos zombar dos tolos, quem sabe eles se ofendam e tentem ser seres humanos melhores.
  Não sei como é a realidade em outras cidades, mas aqui em Campinas acho extremamente tolas essas pessoas que dão esmolas por qualquer historinha que ouvem.
  Conheço um cara que não se aperta na vida, escolhe um local movimentado próximo a um hospital e por umas 3 horas conta a historinha que acabou de descobrir que sua esposa esta com câncer, ele tem 3 filhos para criar, esta desempregado e desesperado, qualquer ajudinha serve e logo vem notas de 5, 10, 20 reais.


  Veja que ridículo matemático:


  Uma pessoa que recebe salário mínimo ganha em média 22 reais por dia trabalhado.
  O que este cara ganha com 2 ou 3 historinhas um gari enfrenta mais de 7 horas de trabalho!!!
  O duro que não é só gente endinheirada que dá esmola, já vi muita gente que não chega a ganhar 800 reais dar esmola de 10 reais, não consegue entender que esta ali dando fácil, fácil horas do trabalho dela, horas de engolimento de sapo e perseguição de metas.

   Bom, pelo menos esta ajudando o dono do boteco mais próximo ou o traficante da boca de fumo porque é para esses lugares que os 10 reais geralmente irão.
  Em uma cidade como Campinas um cidadão de BOM SENSO jamais daria esmola, aqui há muitas instituições de auxilio que fazem uma triagem de quem realmente esta necessitado, elas estão sempre precisando de donativos.
  

   Quem dá dinheiro para qualquer historinha que ouve na rua não passa de um tolo, um imbecil.


  Faz anos que não compro mais nada de crianças no sinaleiro, no que depender de mim, acaba esse tipo de situação. 
  Mas confesso que entendo muito bem os tolos, fui um deles por muito tempo.
  Eu até me sentia muito bem "ajudando os excluídos" até que comecei a entender melhor o "Mercado", o movimento das "engrenagens".
  Se colocar crianças no sinaleiro se torna um bom negocio, mais crianças irão para o sinaleiro.
  Se eu torno pedir esmolas muito lucrativo porque o cidadão irá buscar outra forma de sustento?
  Tem gente que diz não se importar com o que o pedinte faz com o dinheiro, o que importa é que a ação dela foi certa.

  "Faça o bem sem olhar a quem!"
   Não, a ação não foi certa, não sei quais são os critérios de Deus, talvez você agindo assim até esteja "comprando" seu lugar no Céu, mas aqui na Terra você esta deixando de ajudar alguém que precisa, alguém que você conhece a historia para contribuir com a exploração de uma criança, ajudando um adulto preguiçoso a se dar bem as suas custas.


 Logo, você quer ser tolo que seja, mas não me diga que esta fazendo o que é certo, não me conte essa historinha.

  Não tente me convencer que é isso que um Deus "justo e bom" espera de você.





anterior                       <>                                próximo