terça-feira, 4 de junho de 2013

Administração Ineficiente

    “Sempre fomos um povo “estatizante” por isso é difícil nos colocarmos no lugar dos americanos e entender seus sentimentos com relação a algumas empresas privadas, Ford, GM, McDonald’s, Walmart, Coca Cola...”





  Uma grande montadora que emprega milhares de pessoas está prestes a quebrar.
  O governo deve:
[Questões Revista Veja]

________________________________
a) Salvá-la e assumir sua administração.
    Os empregos serão salvos, mas os administradores não se beneficiarão disso.
________________________________

  “Salvar a Empresa”!
  Para isso acontecer temos que supor que o Estado é melhor administrador de empresas que a iniciativa privada algo que no geral não observamos.

  Se os Governos tivessem sido bons administradores a crise de 2008 não teria acontecido.
  Os Governos falharam na fiscalização do Mercado.

  Quanto ao administrador particular temos que avaliar o grau de incompetência, o que foi culpa de má gestão ou uma sequência de eventos acima de seu controle.
  Veja um exemplo:
  O México aumentou sua produtividade, digamos que um carro que custa 20 mil para produzir lá, produzimos por 30 mil aqui [só um exemplo didático]
  É evidente que o México vai exportar mais e empregar mais gente.
  Com o protecionismo econômico você mantém o mercado interno cativo porque Brasília aumenta as taxas de importação do carro feito no México.
  Tá você “salva” o mercado interno acontece que ele não absorve toda capacidade de produção.
  Se a Ford Brasileira exportava 300 carros por mês para países da América Latina vai deixar de exportar porque obviamente os países preferirão comprar carros do México que custam mais barato.
  Se as vendas da Ford diminuem, não faz sentido produzir para deixar os carros apodrecendo nos pátios, é melhor diminuir um turno ou deixar parada uma linha de produção.
  Aqui no Brasil amarramos os pés e as mão do administrador nessa situação, jogamos ele no mar e queremos que a empresa sobreviva!
  Por pressão do Governo e dos Sindicatos não pode reduzir salários, não pode demitir, não pode nem desistir da fábrica e fechar o negócio!
  Os caras não entendem aqui o conceito de LUCRATIVIDADE.
  Defendem que o empresário deve trabalhar apenas para ajudar o país mesmo que tenha prejuízo ou que saia mais lucrativo produzir no México ou na China...aí fica difícil.

_____________________
  b) Salvá-la e criar um plano de gestão que deverá ser seguido pelos administradores.
_____________________

   Se for comprovada a incompetência do administrador ele deve ser destituído, a Empresa entraria em concordata e aguardaria ser comprada.
  Se o Governo por algum motivo quer manter a empresa nas mãos de um grupo brasileiro e tem algum grupo com capacidade para isso é aceitável que trabalhe nesse sentido.
  Se não tem nenhum grupo nacional em condições a saída técnica é buscar um investidor estrangeiro, PRAGMATICAMENTE a empresa continuará ativa e os empregos mantidos.

_____________________________
  c) Salvá-la e assumir sua administração até que ela possa atuar sozinha novamente.
      A ajuda em dinheiro deverá ser paga assim que a situação se normalizar.
______________________________          

  Humm... os Estados Unidos são um caso especialíssimo.
  O Dólar está presente no mundo todo, é a principal moeda do comércio internacional.
  O Euro por um tempo parecia que iria estabelecer uma concorrência saudável, mas com a crise na Europa o Dólar seguirá por muito tempo firme e forte.

  Quando o Estados Unidos imprime dinheiro ele dilui sua inflação com o mundo todo.

  De uma certa forma o mundo todo pagou pela irresponsabilidade Americana e claro também se beneficiou da pujança econômica antes da crise.
  No caso do Brasil [e do resto do mundo] imprimir mais dinheiro sem o correspondente em produtividade vai gerar inflação apenas internamente.
  Quero dizer que o rombo da GM e Ford era tão grande que só os Estados Unidos poderia salvar essas empresas por ter essa situação privilegiada na economia mundial.
  Outros países inevitavelmente sofreriam duras consequências econômicas.
_______________________________
  d) Deixá-la quebrar.
      Usar dinheiro público para salvar incompetentes e ineficientes é um atalho para o atraso econômico e social.
_______________________________        

  Para a maioria das situações o melhor é isso mesmo por mais que doa.
  Precisamos analisar se a administração realmente foi incompetente ou se está cercada de uma infraestrutura superada, INEFICIENTE.
  Se nossa soja chega mais cara lá fora é porque nossas estradas e portos são pessimamente administrados pelo Estado.
 Observe que não é incompetência do nosso agronegócio é incompetência do Estado que deveria cuidar bem da infraestrutura ou privatiza-la.
  Cabe a nós cidadãos [empresários ou não] elegermos administradores competentes.
  Não podemos ficar simplesmente nessa TRADIÇÃO de dizer que o empresário não produz mais e melhor apenas por incompetência, apenas porque não quer...





   "Vejam que interessante, se eu sou um Rico Empresário e sou a favor da privatização dos portos porque financio políticos que não se propõe a fazer isso?"



anterior                       <>                                próximo



----------------------------------------------------------------


Postar um comentário