sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

Milagre da Multiplicação

  Jesus viu uma grande multidão, e possuído de íntima compaixão curou os enfermos.
  Ao entardecer os discípulos aproximaram-se dele, dizendo:

👤 O lugar é deserto, e a hora é já avançada; despede a multidão, para que vão pelas aldeias, e comprem comida para si.

Não é bom que partam agora; dai-lhes vós de comer.

👤 Não temos aqui senão cinco pães e dois peixes.

Trazei-os aqui.

  Jesus mandou que a multidão se assentasse sobre a erva, tomou os cinco pães e os dois peixes, erguendo os olhos ao céu, os abençoou, e, partindo os pães, deu-os aos discípulos, e os discípulos à multidão.
  Todos comeram, e ainda levaram para casa.
  Foram quase cinco mil homens, além das mulheres e crianças.
[Mateus 14:14-21]

________________
👨 “Este milagre é de grande magnitude, pessoas diferentes em locais diferentes em época diferente mencionando o mesmo fato, é no mínimo interessante pra pensar.
   Aparece nos quatro evangelhos canônicos.
   Em Mateus 14:13-21, Marcos 6:31-44, Lucas 9:10-17 e João 6:5-15.”
________________

  Um evangélico tem certeza que a Bíblia é 100% a palavra de Deus de Abraão.
  Logo, tem certeza que quem escreveu o evangelho de Mateus foi o próprio Mateus sob inspiração do Espirito Santo.
  [Por enquanto não vamos questionar essa certeza]
  O mesmo posso dizer do outros apóstolos, certo?
  Então o “enigma” já não fica tão interessante...

👨 “Pessoas diferentes em locais diferentes em época diferente mencionando o mesmo fato.”

1- São pessoas diferentes, isso é correto afirmar.

2 - Os locais NÃO são tão “diferentes”.
     A grosso modo podemos dizer que Jesus e seus apóstolos ficaram em torno de Jerusalém numa área equivalente ao Estado do Rio de Janeiro. [Sendo bem generoso]
  Toda aquela região estava sob domínio do Império Romano.
   



3 – Épocas diferentes, descreveram o mesmo “fato”!?
  João e Mateus foram apóstolos de Jesus, conviveram com ele.
  Foram os que “presenciaram” o milagre da multiplicação.

  Lucas foi um discípulo de Paulo, nenhum dos dois conviveram com Jesus, NÃO presenciaram o milagre, repetiram a história que passou de boca em boca.

  Marcos foi discípulo de Pedro, NÃO conviveu com Jesus, não presenciou o milagre, repetiu a história que passou de boca em boca e que dê certo Pedro lhe contou.
  [Estranho é Pedro que foi tão próximo de Jesus não ter um evangelho ... mas deixemos isso pra lá.]

   


  Deduzimos que houve uma diferença de geração, Lucas era bem mais jovem que Pedro, mas tudo ocorreu naquele primeiro século.
  Não dá para dizer “épocas diferentes” naquele conceito de “vários séculos” que vem em nossa mente.
▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬
  Evangelho canônico é um evangelho aceito pelas normas da Igreja Católica.

  Se não é canônico é apócrifo.
[Não aceito pela Igreja Católica]

  Acontece que Constantino organizou os evangelhos e o velho testamento em um único livro que chamamos de Bíblia Sagrada.


  “O Concílio I de Nicéia é o primeiro Concílio Ecumênico, que significa universal, já que dele participaram bispos de todas as regiões onde em que havia cristãos. Teve lugar quando a Igreja já tinha conseguido a paz estável e dispunha de liberdade para reunir-se abertamente.
   Aconteceu do 20 de maio ao 25 de julho de 325.
   Dele participaram alguns bispos que ainda tinham no seu corpo os sinais dos castigos que tinham sofrido por serem fiéis nas perseguições passadas, que eram recentes.
  Para essas datas o imperador Constantino, que ainda não tinha sido batizado, facilitou a participação dos Bispos, colocando à sua disposição os serviços do exército imperial para as viagens e os translados e ofereceu seu palácio em Nicéia.”

  Logo, todos os milagres atribuídos a Jesus estão “na pratica” em um único livro ... a Bíblia compilada pela cúpula da Igreja Católica.

  Esses milagre são aceitos “sem sombra de dúvida” pelos cristãos “evangélicos”.
  Observo que “na pratica” a maioria dos cristãos (mesmo os que se dizem evangélicos) não levam a Bíblia tão ao pé da letra como fazem os Islâmicos com o Corão (só um exemplo).

  Se nem cristãos consideram a Bíblia 100% um relato verídico imaginem outros religiosos.

  Para os Hindus os milagres atribuídos a Jesus são apenas lendas cristãs ... isso para o Hindu que estuda outras religiões porque a maioria nem toma conhecimento.

  Quer um exemplo?

  Me diga sem pesquisar qual é a esposa de Brahma?
  Para um Hindu é uma pergunta muito fácil. ​​(Sarasvati)

  Pergunte a um Hindu onde Jesus nasceu?
  Uma pergunta fácil para qualquer cristão (Belém), mas que poucos hindus saberão responder.

  Você cristão acha que Hinduísmo não é uma religião relevante?
  Saiba que é a religião mais antiga da qual temos registro.

  Veja como o Cristianismo plagia toscamente o Hinduísmo:

  “Se você remover pedra por pedra até mesmo uma montanha será demolida.”  
[Provérbio hindu]

 [Muito mais plausível que mover uma montanha apenas com a força da Fé como está na Bíblia]

    




anterior                                     <>                                          próximo

Postar um comentário