quinta-feira, 3 de abril de 2014

A Vara de D’us

 “Não farás para ti imagem de escultura, nem semelhança alguma do que há em cima no céu, nem em baixo na terra, nem nas águas debaixo da terra;
  Não te encurvarás a elas, nem as servirás.” 
[Deuteronômio 5:8-9]

   Essa é uma das maiores contradições Bíblicas que eu conheço, mais tarde o próprio Deus de Abraão faz os hebreus descumprirem um mandamento seu.

  Em um debate foi me dito:

👩 “Deus abomina idolatria.”
[Comentarista no G+]   

  Não abomina tanto senão não mandaria fazer a arca da aliança:

  “A Arca da Aliança, é descrita na Bíblia como o objeto em que as tábuas dos Dez mandamentos teriam sido guardadas, como também veículo de comunicação entre Deus e seu povo escolhido.
  Foi objeto de veneração entre os hebreus até seu desaparecimento, que segundo especulações, ocorreu na conquista de Jerusalém por Nabucodonosor
  Segundo o livro do Êxodo a montagem da Arca foi orientada por Moisés, que por instruções divinas indicou seu tamanho e forma.
  A Arca fazia parte do conjunto do Tabernáculo, com outras tantas especificações.
  Ela ficaria repousada sobre um altar, também de madeira, coberto de ouro, com uma coroa de ouro ao lado.
 A Arca representava o próprio Deus entre os homens.”

  Observe que a arca da aliança foi feita para guardar as tabuas dos Dez mandamentos, isso não deixa dúvidas que um objeto de culto foi feito após Deus dizer que não devemos fazer objetos de culto.
  O imutável Deus de Abraão disse para depois desdizer!?

  Observe outro objeto “enigmático”.

  “Tomou, pois, Moisés sua mulher e seus filhos, e os levou sobre um jumento, e tornou à terra do Egito; e Moisés tomou A VARA DE DEUS na sua mão.
  E disse o Senhor a Moisés: Quando voltares ao Egito, atenta que faças diante de Faraó todas as maravilhas que tenho posto na tua mão; mas eu lhe endurecerei o coração, para que não deixe ir o povo.” 
[Êxodo 4:20-21]

  Que "vara" seria essa?
  [Me desculpem o tema é sério, mas ficou engraçado.]

  Deus deixou um objeto com Moisés que concentrava algum poder?

  Tem mais:

  “E Davi cingiu a espada sobre as suas vestes, e começou a andar; porém nunca o havia experimentado; então disse Davi a Saul: Não posso andar com isto, pois nunca o experimentei.
  E Davi tirou aquilo de sobre si.
  E TOMOU O SEU CAJADO na mão, e escolheu para si cinco seixos do ribeiro, e pô-los no alforje de pastor, que trazia, a saber, no surrão, e lançou mão da sua funda; e foi aproximando-se do filisteu.” 
[1 Samuel 17:39-40]

  Observe que Davi antes de enfrentar Golias pega um "cajado"...mais uma vara mágica ou seria a mesma de Moisés passado de geração em geração para algum ungido/escolhido de Deus?
  A Bíblia é bem clara sobre a existência de um [ou vários] cajados que eram verdadeiros objetos mágicos fornecidos por Deus, mas muitos insistem em tratar como um "simbolismo".
  Não vou flutuar por essa brecha do simbolismo, mas acho importante deixar-lhes essa provocação:

  Se formos considerar "fatos" tão bem narrados na Bíblia como simbolismo...o que não é simbolismo na bíblia!?

  A própria existência de um Cristo pode ser um simbolismo.

  Ou só é simbolismo quando interessa a sua doutrina?

 Separei esse texto na Internet para você verificar como dá para dar uma “ajeitadinha” em tudo.
  O cidadão escreve algo “bonito/inspirador” e as pessoas param de raciocinar.
  "Moisés tinha 80 anos, era Pastor de ovelhas, e estava refugiado no deserto, quando Deus apareceu numa planta ardente e o convida para libertar os hebreus do julgo do Faraó.
  Ele colocou muitos obstáculos para Deus agir em sua vida.
  Diante de tanta teimosia, Deus pergunta o que ele tinha em mãos, responde que é uma vara.
  Deus ordena que a jogue no chão, imediatamente ela se transforma em uma cobra.
  Deus, mais uma vez, ordena que a pegue pelo rabo; como pegar uma cobra pelo rabo, se nem os especialistas do Butantã fazem tamanha loucura, geralmente pega-se pela cabeça? 
 Num ato de coragem pega a cobra e, imediatamente, volta a ser a sua vara de Pastor de ovelhas.
  Daquele dia em diante, Moisés foi outro homem.
  Com aquela simples vara, derrotou as serpentes dos mágicos do Faraó, abriu o Mar Vermelho, fez brotar água na rocha.
  O resto da história você já sabe.
  O que o velho Moisés tem a ver conosco? Tudo.
  Geralmente, colocamos uma série de desculpas para explicar o nosso comodismo, sempre faltando isto ou aquilo para alcançarmos o sucesso desejado.
   Normalmente, o culpado é o outro, nunca somos os culpados.” 

  Nessa “palestra motivacional” a vara de Deus não é mais a vara de Deus, é um simbolismo para você não se acomodar...
  Ainda tem uma exaltação exagerada sobre a Fé/Coragem de Moisés.
  Caraca, imagine uma voz falando com você e fazendo prodígios.

  Está cheio de gente que obedece cegamente um pastor que é bom de oratória, imagine o que essa pessoa não faria se o próprio Deus de Abraão ou Jesus falasse com ela.

  Você religioso que está indignado com esse texto, não tenho dúvidas que seria tão “corajoso” quanto Moisés, até eu seria.

  É igual esses filmes onde os expectadores “admiram a coragem” do super-herói.
  Peguemos como exemplo o Superman.
  O cara voa, tem pele que resiste a tiro, tem super força, visão de raio laser e raio x ...
  Mano, se eu tivesse todas essas características seria o cara mais “corajoso” do mundo.
  Agora mesmo iria sozinho nos morros do Rio de Janeiro e botava a bandidagem pra correr.

  Vamos a um exemplo terreno/real para ficar mais claro:

  O Jorge Paulo Lemann tem uma fortuna de mais de 20 Bilhões de DOLARES, ele lê alguns dos meus textos, fica encantado, vem até minha casa e me diz:

  - “Saia da empresa que você está, vou publicar um livro seu, distribuir a nível nacional, preciso que você esteja presente nos lançamentos, tenho certeza que será um sucesso.”

  Foi muito difícil conseguir trabalhar onde trabalho hoje.
  Não sou mais jovenzinho para me aventurar em projetos grandiosos, mas o “deus brasileiro do Capitalismo” está garantindo que me banca, que “será comigo.”
  Eu detesto sair de casa, para eu participar de recepções seria um grande sacrifício, mas por outro lado seria uma grande realização em minha vida, um feito para ficar na história.
  Qual escritor não quer ser reconhecido, viver da sua arte?

  Vamos ao “complicador”?

  De qualquer forma como vivemos em um país democrático eu poderia falar:

  - Jorginho Lemãozinho , estou cansado, não tenho mais saco para festas e convenções, agradeço a oportunidade, mas prefiro continuar com minha vidinha pacata.

  De certo não me aconteceria nada de mau, mesmo o homem mais rico do Brasil não tem como me obrigar a escrever para ele.

  Podemos dizer o mesmo do Deus de Abraão?

  Se você não fizer a vontade do “deus bíblico” ele entra em sua mente e te obriga a fazer.
  Ou te lança uma maldição e você estará eternamente ferrado.
  Lembram que o Faraó queria dizer sim, mas Deus endureceu seu coração, o Faraó insistiu no não só para Deus de Abraão ter algum motivo para matar todos os primogênitos daquela região do Egito?

   Vamos ficando por aqui.

   Antes de criticar pastores que ungem algum objeto ou católicos que tem imagens em suas casas...LEIA A BÍBLIA.

  [Toda Bíblia, não só a parte que agrada a sua doutrina]

  




 Vejam outra participação da vara de Deus:

  Maria disse ao anjo:
  "Como se fará isso, pois eu não conheço varão?"
  Respondendo o Arcanjo disse-lhe:
  "O Espírito Santo descerá sobre Ti e a virtude do Altíssimo te cobrirá com a sua sombra, por isso mesmo o Santo que há de nascer de Ti, será chamado Filho de Deus.”
[Lucas 1:34]

  Sei que parecerá engraçado, mas é sério, embora eu também tenha pensamentos libidinosos quando leio essa passagem.
  [Varão significa macho/homem]

  Maria era novinha, mas já sabia das “coisas sexuais” perguntou pelo “varão”.
  O anjo poderia dizer que nesse caso especial não seria necessário um varão.
  Mas para minha surpresa o Espirito Santo vem e cobre Maria com sua sombra.
[Olha o varão aí gennnte...].

  Fiquei encafifado!

  Abraão teve que “cobrir” a véia, Sara engravidou de Isaac com mais de 80 anos.

  Zacarias teve que cobrir a véia.
  [O sacerdote Zacarias e sua esposa eram muito idosos quando o anjo Gabriel lhe apareceu e disse que teria um filho.
  Zacarias duvidou, por isso ele ficou mudo até o nascimento de seu filho João (Lucas 1:18-20). Quando o menino nasceu, Zacarias louvou a Deus. Isabel, a esposa de Zacarias, era parente de Maria, mãe de Jesus.]

 Joaquim [pai de Maria] teve que cobrir a véia.

   Quando chegou a vez de cobrir Maria que era novinha, 16 ou 17 anos, o Espirito Santo vem e clau!

  Tem algum especialista em Bíblia que possa esclarecer esta história de maneira que ela não pareça sacanagem?

  Na hora de cobrir as véia Deus manda os homens, quando chega a vez da adolescente o Espirito Santo comparece, assim não pode, assim não dá...

  Porque José não podia cobrir Maria e o espirito de Jesus ser soprado no corpo formado?


  Quem me explica?


anterior         <>              próximo

Postar um comentário