segunda-feira, 25 de novembro de 2013

Mentiras e Convicções

   “As convicções são inimigas mais perigosas da verdade do que as mentiras.”
  [Friedrich Nietzsche]


 “Convicção é a ação de convencer, isto é, ter uma ideia ou opinião sobre algo de modo obstinado, crendo absolutamente naquilo que acredita e transmitindo isso para as outras pessoas.
 Ter convicção é o mesmo que ter a firme certeza sobre algo em que acredita, sendo esta segurança oriunda a partir de motivos ou provas de natureza particular.”




   Se eu acredito que o Capitalismo é o melhor sistema, mas defendo o Comunismo porquê de alguma maneira ele me beneficia eu estarei mentindo.
  Essa mentira pode ser descoberta como eu preferir comprar coisas em Nova York e ter um padrão de vida Capitalista.
 [Alguém lembrou de Lennon e Zé Dirceu]
  Uma vez desmascarado minha credibilidade cai a zero.
  [A não ser para admiradores fanáticos]

  Se eu estou convicto que o Comunismo é o melhor sistema e vivo como um Comunista, minha credibilidade será mantida mesmo que o Comunismo se mostre um sistema menos eficiente.
  As pessoas permanecem na “FÉ” que um dia ele será a “salvação”.

  A “verdade numérica/historia” é que o Capitalismo é muito mais eficiente para promover a “qualidade de vida”.

  Se a “mentira” que o Comunismo é o melhor para humanidade permanece de pé é graças aos CONVICTOS porque os mentirosos são desmascarados todos os dias.


▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬
   Existe uma máquina interessante que chamamos vulgarmente de detector de mentiras.

  


  Na pratica o que ela detecta são alterações no funcionamento do nosso corpo.
  Respiração, batimento cardíaco, pressão... não sou especialista nisso.

  Um especialista disse que não fomos feitos para mentir e sempre que mentimos o corpo recusa a mentira.

  Não concordo com isso.
  Essa teoria é fundamentada naquele conceito Freudiano que nascemos puros/bons e somos corrompidos pelo meio.
 
  Qualquer um que conviveu mais demoradamente com crianças sabe que muitas conseguem mentir na maior cara de pau.
  Você sabe que a criança fez uma traquinagem, mas ela diz um “não fui eu” muito convincente.
  Por vezes a criança chora afirmando que “não sabe de nada”, alguém lembrou do Lula
  A criança “pura e boa” entende que a culpa pode recair sobre o irmão e ele ser punido, mas ela não está nem aí, algumas até se divertem com a situação se achando muito espertas.

  Me parece que na maioria dos casos quem passa “ética, moral e bons costumes” para as crianças são as pessoas mais velhas a sua volta.

  Não está convencido?
  Você está convicto que nascemos puros e bons?

  Relembre o tempo de escola.
  Apelidos, “bullying”, abuso da força, cola, preguiça de fazer o dever de casa, se a mãe não faz pressão a criança falta fácil da escola.

  Fica claro que disciplina, ética ... são meio que impostos pela sociedade a nossa volta.
  Minha mãe dizia que quando criança eu só andava peladão.
  Hoje eu não consigo ficar pelado nem sozinho em casa, pelo menos de shorts eu fico.

  Se a ideia que nascemos puros e bons é uma mentira, como eu explico o funcionamento do detector de mentiras?

  Tudo é uma questão de consumo de energia.
  O corpo é uma máquina biológica, se o gasto de energia aumenta pode ser detectado.
  Até dormindo isso acontece.
  Se você está apenas dormindo, eletrodos captam baixa atividade cerebral.
  Basta começar algum sonho que o gráfico fica alterado.
  Se tiver algum pesadelo ... o gasto de energia é tão intenso quanto se tivesse acordado, em alguns casos braços e pernas se movem.

  Vamos a uma ilustração.

  Se você sabe onde encontrar a resposta o gasto de energia é mínimo.

Exemplo:

Situação 1 - VOCÊ SABE QUE A CHAVE DO CARRO ESTÁ NA GAVETA DA CRISTALEIRA, seu gasto de energia é o mínimo necessário, você precisa da chave, vai até a gaveta da cristaleira, atinge seu objetivo; é um processo automático.

Situação 2 -  VOCÊ NÃO SABE ONDE A CHAVE ESTÁ, o gasto de energia é muito maior, tanto maior quanto mais você tiver que procurar.

Situação 3 – VOCÊ NÃO TEM CARRO.
 O gasto de energia é mínimo, não tem chave para procurar.

 Observe essa outra situação:

Situação 4 -  VOCÊ SABE ONDE ESTÁ A CHAVE, MAS POR ALGUM MOTIVO TEM QUE FINGIR QUE NÃO SABE.
  Inclusive simula ajudar a procurar...imagine o gasto de energia.
  Sua esposa pede a chave, você não quer que ela use o carro e fingi que não sabe onde colocou a chave.

  A esse gasto muito maior de energia cada corpo responde de um jeito, mas quase sempre responde.

  Como há de tudo na vida, há mentes com uma enorme capacidade de mentir sem provocar alteração física.
  Imagine aquela pessoa que tem boa capacidade respiratória e sobe um lance de escada sem muita alteração enquanto outra fica muito ofegante.
  O mesmo acontece quanto a capacidade de mentir.

  Na CONVICÇÃO o indivíduo realmente acredita no que está dizendo, na sua mente aquilo é verdade.

  No caso da chave na gaveta, é algo físico, algo palpável/concreto.
  O indivíduo abre a gaveta da cristaleira e observa se tem ou não tem chave.
  Se tenho certeza que coloquei a chave na gaveta eu passo por um detector de mentiras mesmo que a chave não esteja ali.
 [Posso ter colocado e alguém tirado]

  Acontece que no “mundo dos sentimentos” não temos essa materialidade.
  Você não abre uma gaveta e encontra sua Fé lá.
  Você não abre uma gaveta e quantifica quanto sua namorada te ama.

  Logo, se você acredita em duendes, “senti” que existe duendes, e diz que eles só aparecem quando eles querem e para quem eles querem... o fato de você nunca ter visto duendes não abala sua crença/convicção.

  Se você abrir a “gaveta” e os duendes não estiverem lá eles simplesmente não querem ser vistos não é que não existam.
  Ou você ainda não está “preparado” para vê-los.

  Se você acredita que um dia o Cristianismo irá dominar o mundo eu não tenho como dizer que não vai, não tenho bola de cristal, não tem uma “gaveta” para eu abrir e te mostrar o futuro.

 Se você acredita que um dia o Ateísmo irá dominar o mundo eu não tenho como dizer que não vai, não tenho bola de cristal, não tem uma “gaveta” para eu abrir e te mostrar o futuro.

  Se você acredita que um dia o Comunismo/Socialismo irá dominar o mundo eu não tenho como dizer que não vai, não tenho bola de cristal, não tem uma “gaveta” para eu abrir e te mostrar o futuro.

  Não perco muito tempo confrontando convicções.
  Acho mais eficiente perseguir a verdade.
  Quem tiver olhos que veja, quem tiver ouvidos que ouça...

  “Não posso ensinar nada a ninguém só posso fazê-lo pensar.”

   Tento levar a sua mente até o limite do entendimento, apresento fatos, apresento argumentos.

  Os melhores resultados encontramos em nações com liberdade religiosa, capitalistas e democráticas ... essa é a verdade que se apresenta.

  Com os debates nas redes sociais mais e mais pessoas terão suas convicções abaladas “quem sabe” se não encontrarmos a verdade ao menos poderemos viver com menos ilusões...

    


   As CONVICÇÕES são inimigas mais perigosas da verdade do que as mentiras porque criam ILUSÕES poderosas.

Ilusão
1 - Engano dos sentidos ou pensamento.
2 - O que se nos afigura ser o que não é.
3 - Quimera.
4 - Esperança irrealizável.

Mentir
1 - Dizer o que não é verdade.
2 - Dizer o que não se pensa.
3 - Enganar.
4 - Não cumprir o prometido ou o que era de esperar.



anterior                                           <>                                                próximo





Postar um comentário