segunda-feira, 29 de agosto de 2016

Kardecistas vs Ateus

  “Os adeptos do espiritismo possuem as maiores proporções de pessoas com nível superior completo.”

  Lemos muito que crer em espíritos é coisa de gente com baixa instrução.
  Lemos que religião é coisa de pobre e ignorante.
  Não é o que a Filosofia Matemática nos sugere, vamos ver o que os números dizem...
_____________________________________________________________________
  “William, de onde você tirou essa conclusão que religiosos praticam mais caridade que ateus? 
 [Comentarista no G+]
_____________________________________________________________________ 
  Ateus se organizam (quando se organizam) de maneira precária em qualquer segmento que eu me lembre.
  Político, Ideológico, Institucional...

  Vamos a uma comparação:

  “Segundo pesquisa os adeptos do espiritismo possuem as maiores proporções de pessoas com nível superior completo (31,5%) e taxa de alfabetização (98,6%), além das menores percentagens de indivíduos sem instrução (1,8%) e com ensino fundamental incompleto (15,0%).
  O espiritismo também foi uma das religiões que apresentaram crescimento (65%) desde o Censo realizado em 2000, passaram de 1,3% da população (2,3 milhões) em 2000 para 2% em 2010 (3,8 milhões).”

  Observem que “Kardecistas” são apenas 2% da população e é fácil pesquisar sobre suas inúmeras obras de caridade.
  Quantos aqui no Brasil nunca ouviram falar de Chico Xavier?

  Lula não escondeu que procurou um espirita para auxiliar no tratamento de câncer.

  Vejam esse fato:

  “A Câmara dos Deputados promoveu dois momentos históricos para o Movimento Espírita: inauguração da Exposição “150 anos da presença espírita no Parlamento Brasileiro (1864-2014).
  Homenagem póstuma a parlamentares espíritas que tiveram destaque na atuação na Câmara Federal e Sessão Solene em homenagem ao palestrante Divaldo Franco.
  Com grande público, a inauguração contou com a presença do autor do projeto Flávio Rey de Carvalho, fala do presidente da FEB, Antonio Cesar Perri de Carvalho e dos deputados Colbert Martins e Maurício Trindade, além da presença do médium e orador Divaldo Franco, que seria homenageado em sequência, na Sessão Solene que lotou o Plenário da Casa.” [Febnet]

  Kardecistas se organizam social e politicamente mesmo sendo um grupo minoritário.
  O que impede ateus de fazer o mesmo!?

  Não dá para ter dúvida sobre como religiosos são mais atuantes, agem mais (para o bem ou para o mal).
  Ateus ....  há alguns destaques individuais, mas são deficientes na organização social.

  Espero que isso mude.
  Quem sabe ateus percebendo sua insignificância histórica mudem suas metas.
  Ateus como Dom Quixotes lutam contra moinhos de vento.

  Elegeram a Religião como inimiga quando o inimigo habita dentro deles mesmos, sua péssima capacidade organizacional.

  Espero que ateus se organizem institucionalmente e ajudem a construir um Brasil melhor.

  Que Deus os ajude (ou o BOM SENSO)
▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬
  A religião por si só impede que uma nação seja desenvolvida?

  Observamos que não.
  Inglaterra e Estados Unidos são nações que prosperaram sendo religiosas.
  [Levaram a maior parte do ouro olímpico ☻]

  A Alemanha Oriental era um Estado Ateu a Alemanha Ocidental não.

  “Em pesquisa recente 52,1% dos alemães orientais se identificam como ateus.
  Isso em comparação com apenas 10,3% na Alemanha Ocidental.
  A pesquisa não foi capaz de encontrar uma única pessoa com idade inferior a 28 anos no Leste da Alemanha que acreditasse em Deus.
   Obviamente existem alguns, mas a pesquisa não foi capaz de encontrá-los. Tendo em vista que isso é um achado extraordinário é preciso cuidado para encontrar uma explicação.
  Diferentes razões são invocadas para a ausência de religião na Alemanha Oriental.
  A primeira é o fato da região ter sido governada pelo Partido Comunista (1945-1990) que, com sua hostilidade explícita à religião, pode ter ajudado a erradicar a prática.”

 
  Para eu fica claro que a opção pelo socialismo/comunismo é muito mais prejudicial ao desenvolvimento que ser religioso ou não.

  O Brasil é um país de maioria cristã, mas poderia ser de agnósticos ateus, budistas...
  Como temos um território muito rico o que mais prejudica nosso desenvolvimento é o capitalismo mambembe que praticamos.
  Nosso povo quer um Estado paizão que se responsabilize por tudo.

  Se os ateus perceberem isso será mais um grupo a apoiar um Capitalismo de melhor qualidade, com menos intervenção estatal.
  Mas ateus (sem generalizações) despendem muito de sua energia combatendo religiões.
  Então ficamos assim:
  Boa parte de nossos religiosos se alienam em suas igrejas desenvolvendo pouco interesse pela política, deixam tudo nas mão de Deus...
  Ateus se alienam criticando religiosos, como se acabar com as religiões fosse a coisa mais importante para o Brasil ...

  Com tanta gente se alienando voluntariamente nossa politização é precária.

  POLITICAS econômicas e sociais precárias geram uma sociedade precária ... com Deus ou sem Deus.

  "O governo não é uma razão, também não é eloquência, é força.
  Opera como o fogo; é um servente perigoso e um amo temível; em nenhum momento se deve permitir que mãos irresponsáveis o controlem."
[George Washington]        [Repense]




 Bela palestra, muito “evoluída” YouTube






Postar um comentário