domingo, 8 de junho de 2014

Qualidade dos Empregos

  “Mas a ideia de um estado laico deriva, em boa medida, do ateísmo” [G+]



   Humm...você não entende conceitos básicos.
   Ateus foram insignificantes no processo.



  Os próprios religiosos com suas diversas crenças chegaram à conclusão que era melhor separar uma coisa da outra.
  A Revolução Gloriosa teve como objetivo limitar os poderes “quase ilimitados” dos reis.

   “Em 1534, a Igreja da Inglaterra se separou em definitivo da Igreja Católica Romana, por iniciativa do rei Henrique VIII, da Casa de Tudor.”  Clique Aqui

  Estude e verá que o Estado Laico é uma luta de religiosos contra a monarquia, ateus são insignificantes no processo.
  Mais tarde virou uma luta de religiosos contra o poder ilimitado do Papa e da Igreja [qualquer que fosse ela], mais uma vez ateus são insignificantes no processo.
  Os muçulmanos mantem até hoje Estados Teocráticos e se os religiosos de lá não se decidirem por mudanças, ateus [que são perseguidos lá] não farão diferença no processo.
  Quando ateus chegaram ao poder fizeram de tudo para acabar com as igrejas e religiões, só não mataram todos os religiosos porque não sobraria quase ninguém e alguém precisava trabalhar para sustentar os comunistas ateus.
  Ateus simplesmente pregam que religiosos são idiotas ingênuos e que as religiões tem que acabar.
  E querem chamar para si bons resultados trazidos por RELIGIOSOS.
  Tão semelhante com nossos “josé genuínos” ....

  “Em termos de democracia não devemos absolutamente NADA aos guerrilheiros, por incrível que pareça tivemos sorte em ter um FIGUEIREDO.”  Clique Aqui
___________________________
  Uma coisa que ainda me surpreende é como alguns grupos tomam para si bons resultados conseguidos pela luta de outros.
  Isso começa na escola.
  Quem não conheceu [ou foi] aquele aluno que não contribuiu em nada com o trabalho do grupo e só colocou o nome?
  Quem não conhece esses "espertinhos" nas empresa?
  O indivíduo só trabalha quando o chefe esta por perto, se a equipe consegue bons resultados não é com a ajuda dele.

  O complicado é que nós que colaboramos/lutamos facilitamos esse tipo de acontecimento.
  O colega não faz nada, mas nós também não cobramos nada dele.
  Ele inventa qualquer desculpa esfarrapada e nós aceitamos, colocamos o nome dele no trabalho escolar.
  Na empresa não falamos nada para não sermos causadores de sua demissão.
  Eu sou bem chato nessa parte, não acoberto ninguém, traço os perfis e se perguntado digo ao superior com quem não gosto de trabalhar e porquê.
  Em certos casos reclamo mesmo sem ser perguntado.
  Falo inclusive para a própria pessoa.
  As pessoas até que aceitam bem, eu dou exemplos bem claros a respeito das falhas, elas não tem como contra argumentar.
  Não tenho feito muitos inimigos por ser tão sincero, no entanto não há muito o que comemorar...as pessoas raramente se corrigem.
  Se uma colega fica tempo demais ao telefone eu falo, ela pode ser grosseira ou simpática, me mandar tomar...café ou dar um sorriso de "tô nem aí", mas seu tempo ao telefone não diminui.
  Quando eu era chefe se a pessoa não se corrigia eu demitia, mas sem ter poder eu tenho que aturar.
  Eu me adapto, fico só na torcida por uma parceria competente e se a equipe não é eficiente tento compensar trabalhando um pouco mais...não muito.
  Se o resultado não é satisfatório os superiores que identifiquem o elo fraco da corrente, eu que não vou ficar me matando de trabalhar para que outros apenas "assinem o nome".
=======================
  Saindo do micro e flutuando para o macro:
  Como sou Espiritualista e Liberal não gosto quando Ateus e Comunistas tentam tomar para si avanços que não foram trazidos por eles.
 A melhora de vida da humanidade sem dúvida nenhuma foi trazida pelo Capitalismo, a contribuição Comunista foi bem pouca, no campo cientifico que eu me lembre colocaram o primeiro satélite em orbita promovendo uma corrida espacial, fora isso os maiores avanços científicos sempre foram trazidos por nações Capitalistas.
  Ateus sempre foram uma grande catástrofe quando conseguiram chegar ao poder.  Clique  Aqui

  Não foi a ação de ateus que trouxe progresso a sociedade, mas sim a melhora dos religiosos.

  Onde o fanatismo religioso é menor a sociedade vai se desenvolvendo melhor.
  O Estado Laico foi uma grande conquista de espiritualistas, separar o livro sagrado de alguma igreja da Constituição que rege um país.
  Os ateus até hoje pregam o fim das religiões, religiosos não devem nem participar da política, devem ficar em seus templos rezando... se o Estado permitir que haja algum templo.

  Nem todos os religiosos “evoluíram”, em alguns países a perseguição a ateus é terrível, são países com alto grau de fanatismo, não sei de nenhum que tenha boa qualidade de vida.
  Observamos que o FANATISMO é um grande mal em qualquer ideologia, ele subverte a lógica dificulta o PRAGMATISMO.

  Olhe para a grande estrela comunista:

     “Os americanos que vivem reclamando da onda de aposentadorias dos baby boomers deveriam refletir sobre o seguinte: desde 2009, quando a China colocou em prática um programa nacional de aposentadoria rural, o governo prometeu que cerca de 325 milhões de chineses receberiam o benefício: isso é mais que a população inteira dos Estados Unidos.
  A mudança é gigantesca. Quando o programa estava começando, um aldeão chinês me disse: "Sessenta anos depois da liberação e nós finalmente poderemos nos aposentar!" Clique aqui

  É passado para nós que coisas como férias, aposentadoria, descanso semanal foram conquista de “sindicalistas/socialistas”.
  Mas se prestarmos mais atenção na história veremos uma negociação natural entre empregadores e empregados. [Natural não é sinônimo de pacifica]
  Nos países mais democráticos foi possível fazer reinvindicações e elas foram sendo adotadas aos poucos.
  Muitas coisas só foram possíveis graças a grande produtividade trazida pela Revolução Industrial.
  Trabalho sempre existiu, o trabalho do homem das cavernas era caçar e proteger sua família, seu grupo não tinha férias, se não trabalhava não comia.
  No campo a lida diária é pesada e no sistema artesanal a produtividade é baixa, não dá para você ficar de papo para o ar e esperar que a vaca venha dar leite na sua boca, férias de 30 dias eram impensáveis.
  Entenda que todos os benefícios sociais que temos foram fruto natural de negociações entre empregadores e empregados e só foram possíveis com o esplendoroso aumento de PRODUTIVIDADE trazido pelo Capitalismo.

  Você consegue se lembrar da última greve trabalhista ocorrida em Cuba?
  Estados Comunistas não são nem abertos a negociações.
  Na China começamos a ver greves, mas também vemos uma China cada vez mais CAPITALISTA.
  Você ainda tem dúvidas sobre qual sistema econômico melhorou a qualidade dos empregos?
  Você ainda acredita que ateus foram os grandes responsáveis por Estados Democráticos?
  Então me acompanhe no próximo texto...



Nelson "é" um dos ateus que mais respeito, "se" Deus existe espero que tenha poupado essa alma perdida...

A religião é um supérfluo que tem sua utilidade. [William Robson]



anterior         <>              próximo



  
 NA CHINA, IDOSOS NÃO TÊM VEZ.

#Socialismo

  Sistema de pensões e aposentadorias no país ainda é muito fraco se comparado com outras nações

  “Os americanos que vivem reclamando da onda de aposentadorias dos baby boomers deveriam refletir sobre o seguinte: desde 2009, quando a China colocou em prática um programa nacional de aposentadoria rural, o governo prometeu que cerca de 325 milhões de chineses receberiam o benefício: isso é mais que a população inteira dos Estados Unidos.
  A mudança é gigantesca.
  Quando o programa estava começando, um aldeão chinês me disse: "Sessenta anos depois da liberação e nós finalmente poderemos nos aposentar!"
========================
  É passado para nós que coisas como férias, aposentadoria, descanso semanal foram conquista de “sindicalistas/socialistas”.
  Mas se prestarmos mais atenção na história veremos uma negociação natural entre empregadores e empregados. [Natural não é sinônimo de pacifica]
  Nos países mais democráticos foi possível fazer reinvindicações e elas foram sendo adotadas aos poucos.
  Muitas coisas só foram possíveis graças a grande produtividade trazida pela Revolução Industrial.
  Trabalho sempre existiu, o trabalho do homem das cavernas era caçar e proteger sua família, seu grupo não tinha férias, se não trabalhava não comia.
  No campo a lida diária é pesada e no sistema artesanal a produtividade é baixa, não dá para você ficar de papo para o ar e esperar que a vaca venha dar leite na sua boca, férias de 30 dias eram impensáveis.
  Entenda que todos os benefícios sociais que temos foram fruto natural de negociações entre empregadores e empregados e só foram possíveis com o esplendoroso aumento de PRODUTIVIDADE trazido pelo Capitalismo.
.
  Você consegue se lembrar da última greve trabalhista ocorrida em Cuba?
  Estados Comunistas não são nem abertos a negociações.
  Na China começamos a ver greves, mas também vemos uma China cada vez mais CAPITALISTA.
  Você ainda tem dúvidas sobre qual sistema econômico melhorou a qualidade dos empregos?
  Você ainda acredita que ateus foram os grandes responsáveis por Estados Democráticos?

_____________     
Postar um comentário