segunda-feira, 5 de outubro de 2015

Conquistas Trabalhistas

  Os sindicalistas adoram falar mal da indústria, mas a indústria faz falta os sindicatos não.

Sindicatos só existem em função das empresas.

  Os esquerdistas se dizem responsáveis por férias e benefícios trabalhistas em geral, vamos meditar sobre isso.

  Podemos conseguir coisas basicamente de três modos:
  Força, Negociação ou Caridade.

  Um ladrão aponta um revólver e me "pede" o celular... ele irá conseguir o celular pela força.
  Você se interessa por meu celular e oferece 400 reais nele, você pode conseguir o celular por negociação.
  Meu celular está bom, mas me interesso por um modelo mais sofisticado sei que você está precisando de um e lhe dou o meu por caridade/presente.

  Note que a existência do celular é essencial em qualquer das 3 situações.

  Sindicalistas e políticos não são seres a parte da humanidade.
  Não são alienígenas visitando esse planeta.

   Sindicalistas são pessoas escolhidas entre os trabalhadores para nos representarem nas NEGOCIAÇÕES.
  É apenas uma praticidade.
  É mais eficiente conversar com um grupo de 10 pessoas que conheçam as reivindicações de 200 do que reunir 200 pessoas para conversar a cada negociação.

  Não podemos esquecer que Sindicatos não produzem nada, vivem da “doação obrigatória” dos trabalhadores.

  Só dá para dividir o “pão” [Bens e serviços] se há pão para dividir e nos organizarmos em empresas [Revolução Industrial] foi o que gerou abundancia, muita riqueza e produtividade.

   Férias de 30 dias só são possíveis porque o Capitalismo aumentou muito a PRODUTIVIDADE.

  Antes da Industrialização não tinha férias, você trabalhava no campo de Sol a Sol, a produtividade era baixa.
  Se não trabalhava não comia.
  Em países onde caia neve até era possível “algum” descanso nos dias mais frios, mas para isso era preciso trabalhar muito em outros períodos para acumular alguma coisa.
▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬
  Qualquer tipo de subsídio que você imaginar “dado” pelo Governo só tem como ser bancado usando o dinheiro dos impostos.

  Se a prefeitura da sua cidade paga parte da sua passagem de ônibus esse dinheiro não sai do bolso do prefeito e vereadores sai das diversas taxas e impostos.
  Para você pagar imposto tem que ter alguma renda, emprego.
  Quem gera emprego são as empresas.
  Logo, além das empresas pagarem impostos e taxas como pessoa jurídica ainda possibilitam você pagar seus impostos como pessoa física.
  Por isso as cidade disputam a ferro e fogo a presença de empresas industriais, comerciais ou agrícolas.

  “A desativação da Votorantim Metais em 2013, fez os gestores municipais de Fortaleza de Minas (MG) cortarem gastos, demitirem servidores e decretarem estado de emergência.
  Os cerca de 4300 habitantes já sentiram o efeito, mas devem se preparar porque o pior está por vir, de acordo com a Prefeita Neli Leão do Prado.” [João Alberto Pedrini/Folha]

  Porque algum sindicato não assume o negócio e trabalha coletivamente!?
  Mostre ao Grupo Votorantim como se administra uma empresa.

  Se sindicalistas tem uma proposta tão melhor que a economia de Mercado (criticada por eles) porque não colocam em pratica?

  O sindicato dos metalúrgicos poderia montar uma empresa metalúrgica nos moldes socialistas, ela seria “de certo” muito boa, um exemplo a ser seguido pelas “ineficientes e exploradoras” industrias convencionais.
  O máximo que os sindicatos conseguem fazer é administrar Colônias de Férias!!

▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬
  O trabalho é uma maldição de Deus sobre a humanidade.

  No Éden (segundo a Bíblia) não era preciso trabalhar, "tudo" era fornecido pela graça de Deus.
  Comida era basicamente frutos.
  O clima sempre agradável dispensava o uso de roupas.
  A boa saúde dispensava o uso de remédios ... é o que podemos deduzir da leitura bíblica.

  Eva, conversando com a “serpente”, achou legal ficar mais inteligente, adquirir conhecimentos.
  Eva convenceu Adão a também provar o “fruto do Conhecimento”.
  Deus deixou a tal arvore lá, mas não queria que eles comecem, embora na sua onisciência sabia que eles iriam comer ... foi sem querer querendo ... HAHAHAHAHAHAHAHH! [E agora quem poderá nos defender?]

  O fato é que por provarem do fruto do conhecimento foram expulsos do Éden e amaldiçoados.

  E à mulher disse: Multiplicarei grandemente a tua dor, com dor darás à luz filhos; e o teu desejo será para o teu marido, e ele te dominará.
  E a Adão disse: Porquanto deste ouvidos à voz de tua mulher, e comeste da árvore de que te ordenei, dizendo: Não comerás dela, maldita é a terra por causa de ti; com dor comerás dela todos os dias da tua vida.
  Espinhos, e cardos também, te produzirá; e comerás a erva do campo.
  No suor do teu rosto comerás o teu pão, até que te tornes à terra; porque dela foste tomado; porquanto és pó e em pó te tornarás. [Gênesis 3:16-19]

a)  Para a maldição de parir com dor, desenvolvemos a cesariana e partos humanizados.

b)  Para maldição da submissão da mulher, desenvolvemos direitos humanos independente de sexo.

c)  Quanto a maldição de trabalhar desenvolvemos maquinas para nos ajudar [por muito tempo usamos animais.]

d)  Quanto a trabalhar até morrer desenvolvemos a aposentadoria.
 

  “Ganharás o pão com o suor do seu rosto” ... a maldição do trabalho.

  Uma vez que a maldição do trabalho alcançou a humanidade não nos restou nada a fazer senão buscar trabalhar cada vez com mais eficiência através do nosso dom recentemente adquirido a inteligência.
  Observamos que Deus de Abraão nos amaldiçoou de outras formas.
  Colocou a menstruação e a TPM na Eva, para menstruação desenvolvemos absorventes para a TPM o cartão de crédito ... HAHAHAHAHAHAHAHHAHAAHHAHAHA!
  Mas gastar bastante no cartão é um luxo permitido a poucos mantendo a insatisfação feminina como a maior de todas as maldições divinas.
 
  Notem que para cada problema, cada desconforto desenvolvemos uma IDEIA.

  Aqui entra o personagem mais importante desse texto, ladies and gentleman com vocês um dos tipos de pessoa mais importante em nossa sociedade:

O EMPREENDEDOR

  Empreendedor é aquele cara que tem uma ideia que no seu entendimento pode trazer facilidades.

  Empreendedorismo significa empreender, resolver um problema ou situação complicada.
  É um termo muito usado no âmbito empresarial e muitas vezes está relacionado com a criação de empresas ou produtos novos.
  Empreender é também agregar valor, saber identificar oportunidades e transformá-las em um negócio lucrativo.

  O empreendedor fica obcecado por realizar seu projeto, nem sempre o que o move é dinheiro, pode ser uma necessidade ou curiosidade só para ver se funciona.
  Eu vejo a Filosofia como uma grande luz para a humanidade, invisto várias horas do meu dia nisso, claro que gostaria de ganhar dinheiro, mas claramente não é o dinheiro que me move.
  Eu realmente acredito no meu “produto”, no meu “projeto” de uma sociedade muito mais eficiente.

  Vejam o caso da cesariana:

  “O primeiro parto cesáreo que se tem notícia ocorreu em 1500, em uma pequena cidade suíça chamada Sigershaufen, e foi realizada por um homem chamado Jacob Nufer, em sua própria esposa.
   Jacob era um homem simples, habituado a castrar porcas, e vendo o sofrimento de sua esposa no momento do parto resolveu, auxiliado por mais duas parteiras, fazer ele mesmo o parto a partir de uma incisão no abdome da parturiente.
  Após a retirada do bebê, Jacob fechou o corte, assim como ele fazia com as porcas que castrava.
  A mãe se recuperou bem e o parto não causou nenhum problema ao bebê que teve desenvolvimento normal.
  Após esse fato, a esposa de Jacob deu à luz mais cinco bebês, todos eles de parto normal.” [Brasil Escola]

  Jacob Nufer não foi movido por dinheiro, a primeira cesariana registrada foi algo muito arriscado, mas sobretudo com base no amor de um homem por sua esposa.

   Além de salvar a vida de inúmeras crianças e mulheres a cesariana desenvolveu-se em um TRABALHO.
  Trabalho que remunera profissionais da medicina, indústria farmacêutica e de equipamentos hospitalares...
  Gera emprego e renda.
▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬
  Claro que o Governo/Estado pode criar empregos, em economias Socialistas todas as empresas pertencem ao Estado ou estão sobre sua forte intervenção.

  O problema é que em economias desse tipos não vemos os salários ou a prosperidade que encontramos nas economias com Capitalismo/Liberalismo de boa qualidade.

  Na economia Liberal os grandes criadores de postos de trabalho são os empreendedores.

  Vou juntar todas as pontas desse texto, preste atenção.

  Suponhamos que você trabalha em um hospital particular.
  Seu emprego só existe porque um empreendedor decidiu/conseguiu montar essa empresa.
  Se visivelmente a empresa é altamente lucrativa e ainda assim paga mal seus funcionários (salários abaixo do mercado), em pouco tempo ela terá problemas, os melhores profissionais acabam indo para a concorrência, a empresa deixa de ser boa ou tão lucrativa.

  Se você quer aumento de um patrão mão de vaca o primeiro passo é a negociação. 
  Você ou algum representante da sua categoria conversa com seu patrão sobre a melhoria das condições de trabalho e salario.
  Se as negociações não chegam a um bom termo daí usamos a força da greve.
  Qualquer um que analisar a história recente da humanidade verificará que tanto as negociações quanto as greves só são possíveis e eficientes em nações satisfatoriamente democráticas com liberdade de expressão.

  Se você pesquisar verá que as conquistas trabalhistas surgiram nas nações mais Liberais/Capitalistas de cada época e não nas Socialistas/Comunistas.

  Em países comunistas ou monarquias absolutistas você não tem liberdade de expressão para reivindicar nada.
  Aceita o que o Estado lhe oferece ou é considerado um “traidor da pátria” o que terminará em pena de morte ou prisão.  

   O Rei te joga no calabouço, o Líder Supremo do partirão te manda para campos de concentração/reeducação.

  Qual a última greve trabalhista que você lembra ter ocorrido em Cuba ou Coréia do Norte?

  Notamos claramente que as melhoras nos salários e condições de trabalho foram possíveis com o grande ganho de produtividade trazido pela Revolução Industrial e pelo Capitalismo.
  E os avanços se concretizaram graças a Democracia e sua liberdade de expressão, possibilitando negociações e direito de greve.

  Entendam que não estou desejando o fim dos Sindicatos. Tem que haver negociações e é mais prático ter reperesentatantes democraticamente eleitos.

  Acontece que os Sindicatos no Brasil [E boa parte do mundo] lutam para implantar o Socialismo/Comunismo é isso que sou contrário.
  Sindicatos querem estatização generalizada, apoiam partidos sempre de esquerda ... quanto mais esquerda melhor (PSOL, PSTU, PC do B...)
  Para sindicalistas, empreendedores não são trabalhadores, são da “classe” dos empresários os seres mais terríveis, insensíveis, egoístas que já habitaram esse planeta...
  Em países Capitalistas eu quero Sindicatos Capitalistas, é pedir demais!?
  Sou trabalhador e não quero ver implantado em meu país a estatização generalizada, o Comunismo/Socialismo.
  Observo que trabalhadores em países liberais tem muito mais prosperidade e qualidade de vida.
  É isso que quero para eu e minhas filhas.
  Quero inclusive ter a possibilidade de abrir minha própria empresa sem ser demonizado por isso ou ver a empresa estropiada pela cobrança abusiva de taxas e impostos como se eu fosse um inimigo da economia por gerar emprego e renda.
  Para trabalhadores iguais eu... QUEM NOS REPRESENTA!?




  Marx foi rico, casou com uma rica herdeira.
  Com seu “intelecto” poderia desenvolver várias grandes empresas gerar emprego e renda, mas preferiu ficar criticando quem gerava emprego e renda!!
  É igual aquelas pessoas desagradáveis que não te dão dinheiro nem te ajudam a ganhar, mas querem te dizer como gastar ... de preferência com elas.
▬▬▬▬▬
Mulher: Você bebe?

Homem: Sim

Mulher: Quanto por dia?

Homem: 3 uísques

Mulher: Quanto paga p/ uísque?

Homem: Cerca de R$ 10,00

Mulher: Há quanto tempo você bebe?

Homem: 20 anos

Mulher: Um uísque custa R$ 10,00 e você. bebe 3 por dia, R$
900,00 por mês e R$ 10.800,00 por ano, certo?

Homem: Correto.

Mulher: Se em um ano você gasta R$ 10.800,00 sem contar a
Inflação em 20 anos você gastou R$ 216.000,00, correto?

Homem: Correto

Mulher: Você sabia que esse dinheiro aplicado e corrigido com
Juros compostos durante 20 anos você poderia comprar uma Ferrari?

Homem: Você bebe?

Mulher: Não

Homem: Então, cadê a porra da sua Ferrari!?
▬▬▬▬▬▬▬
Sindicalistas:
  CADÊ A PORRA DE SUAS EMPRESAS MARAVILHOSAS QUE TODOS QUEREM TRABALHAR?

Comunistas:
  CADÊ A PORRA DE SUAS NAÇÕES MARAVILHOSAS QUE AMERICANOS E INGLESES BRIGAM PARA ENTRAR?


  “Os sindicatos são criados, na maioria, não para representar as categorias, mas com os olhos na receita auferida pela contribuição sindical, que é uma excrescência.
  É dinheiro público transferido para entidades sindicais que o gastam sem prestar contas.”  [João Oreste Dalazen]

  Com mais de 250 novos sindicatos por ano, Brasil já tem mais de 15 mil entidades

 Esses sindicatos movimentam pelo menos R$ 2,4 bilhões, valor do imposto obrigatório em 2011, segundo o Ministério do Trabalho. [Filosofia Matemática]


▬▬▬//▬▬▬
    “Aqui está um dos maiores enganos do texto, senão o maior: as férias de 30 dias foram conquistas fruto primeiro da luta dos trabalhadores, com greves e protestos por melhores condições de trabalho, e segundo o medo de governos capitalistas perante a ascensão da União Soviética, que poderia cooptar os trabalhadores.” [Comentarista no G+]
▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬
  No capitalismo sempre houve negociações por isso foi melhorando com o tempo.
 A prova disso é que as pessoas abandonavam o campo por melhores condições de trabalho nas cidades.

  AS CONQUISTAS TRABALHISTAS FORAM SENDO NATURAIS NO SISTEMA.

  Marx e seus simpatizantes [com o único objetivo de chegar ao poder] começaram a fazer iguais líderes religiosos, prometer mundos e fundos.
  Os comunistas prometiam um paraíso na Terra.
  Os religiosos um paraíso no céu.

  A promessa dos religiosos não temos como fazer a prova dos nove ...sem morrer.

  Mas dos comunistas sabemos hoje que o paraíso prometido é só engodo.
  Como disse Adam Smith: “Não existe almoço grátis”.

  Alguém sempre paga.

Anterior          <>        Próximo 
Postar um comentário