segunda-feira, 9 de maio de 2016

Teologia ou Doutrinação?

  “Vai, pois, agora e fere a Amaleque; e destrói totalmente a tudo o que tiver, e não lhe perdoes; porém matarás desde o homem até à mulher, desde os meninos até aos de peito, desde os bois até às ovelhas, e desde os camelos até aos jumentos.”
[1 Samuel 15:3]

_______________________________________________________________
  “William, você apenas emitiu uma opinião, sem fazer a menor conferência das informações.
  Sou químico e, assim, tenho um conhecimento matemático e estatístico um pouco acima da média da população brasileira.”  [Comentarista no G+]
________________________________________________________________

  Tomem cuidado com essas pessoas que esfregam um “título/habilidade” em seu rosto e se insinuam superiores.
  O fato de alguém ser químico o torna um entendido em química só isso.
  Como química é uma ciência, a maior parte das informações são conseguidas com uma certa precisão em livros e sites de busca.
  Se você quer saber a ação do chumbo no organismo não precisa fazer faculdade de química ou medicina, com alguns cliques consegue a informação.
  É evidente que se uma leitura fosse suficiente para você ser um especialista não precisaríamos mais de escolas ou profissionais.

  O importante é você Livre Pensador não se intimidar com algum título na hora do debate.

  Esqueça o título, analise os argumentos apresentados.

  Por esses dias no Face um pastor postou uma foto com a parede cheia de diplomas de “cursos de teologia.”
  Não se iludam com esse tipo de coisa, é comum as igrejas limitarem teologia ao estudo da doutrina, assim fica fácil conseguir diploma.
  Dessa forma o pastor fica um especialista na doutrina que pratica, mas não em Teologia.

Teologia 1 - Ciência ou estudo que se ocupa de Deus, de sua natureza e seus atributos e de suas relações com o homem e com o universo.

                           2 - Conjunto dos princípios de uma religião; doutrina.

  Observe que o pastor se ocupa de uma fração mínima do que é Teologia.
  Nos meus debates o pastor se limitava a recitar dogmas da igreja fundada por ele, seu conhecimento Teológico é quase nenhum.

  Teologia é algo bem mais abrangente.
  Teo = Deus
  Logia = estudo

  Teologia = Estudar Deus [Ou deuses, há muitas religiões politeístas]

  Teologia estuda tudo que de alguma forma possa nos trazer algum entendimento sobre seres espirituais, como são, como se organizam, como podemos fazer contato, se tem um líder supremo um criador de tudo...
  É evidente que teologia estuda doutrinas religiosas, mas o que os pastores ou membros da igreja fazem é estudar especificamente a doutrina que praticam.
  O que o cidadão da Universal chama de curso de teologia e até exibe um diploma recebido no final do curso nada mais é do que estudar o que Edir Macedo pensa sobre o protestantismo/cristianismo.

  Eu vejo igrejas cristãs “independentes” convidando para curso de teologia... não se engane, você vai realizar estudos bíblicos segundo o entendimento daquele líder religioso.

  Um colega estava chateado porque a igreja dele estava realizando um curso de Teologia, mas ele não tinha dinheiro para pagar a mensalidade.
  Eu disse que ele poderia estudar Teologia de graça em meu Blog.
  Claro que ele não gostou da ideia.
  O real interesse dele é ficar em maior comunhão com aquela comunidade e não um estudo aprofundado da ideia de Deus.

  Quem tem medo de encontrar a verdade se esconde atrás de dogmas. [William Robson]

  Ampliar o conhecimento Teológico pode inviabilizar a permanência em uma comunidade religiosa limitada a doutrinação.

  Doutrinação► é o processo de incutir ideias, atitudes, estratégias cognitivas ou uma metodologia profissional.
  Doutrinação difere da Educação porque se espera que a pessoa doutrinada não questione ou analise criticamente a doutrina que está sendo ensinada.

  Oras, a Teologia é um ramo inevitável da Filosofia e Filosofia sem questionamentos ... não é Filosofia.

  Eu não fiz nenhum curso de Teologia, mas só de entender o conceito me faz deixar a maioria dos ditos “diplomados” no chinelo.
  O pastor da aquela resposta decorada, ele nunca parou para pensar nos desdobramentos.
  Em um debate quando eu conheço a doutrina do religioso fica fácil levar o assunto para fora do trilho e deixa-lo sem saber o que dizer.
  Ele não pesquisou estudou um tema apenas decorou uma resposta.
  Na igreja desse pastor cheio de diplomas de teologia mulheres comandam cultos.
  De um lado ele defende que a Bíblia é 100% a palavra de Deus e na prática faz uma coisa permitida na bíblia só em situações muito específicas que obviamente não se aplicam a igreja do pastor.

 E aqui chegamos a outra ramificação da Teologia, a Bibliologia.
▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬▬
  Bibliologia é o estudo dos assuntos inerentes à Bíblia.

  “Bibliologia é um dos campos de estudos da Teologia Sistemática que se ocupa do estudo da Bíblia, desde a sua origem, estrutura, formação, inspiração e história.
  O objetivo destes estudos é fornecer informações importantes sobre a História da Bíblia, a sua formação e preservação baseada nos testemunhos dos profetas, apóstolos e de Jesus Cristo, procurando demonstrar por meio da própria Bíblia e por relatos históricos, a realidade dos fatos.” [Wikipédia]

  Se os cursos de “Teologia” oferecidos pelas igrejas fizessem pelo menos um estudo coerente sobre a Bíblia já seria muito bom, mas nem isso fazem, se limitam a doutrinação.

  Quer um exemplo?

  Se você é cristão ou judeu de certo tem uma admiração pelo Rei Davi, o garoto que derrotou o gigante Golias.
  Essa admiração por Davi não passa de doutrinação.
  Davi, pelos relatos bíblicos, foi um dos homens mais sanguinários sobre o qual eu já li.
  Davi sem dúvida foi um escolhido ... só não sei se foi por Deus ou Lúcifer.

Adquira conhecimento Bíblico, Davi o Rei dos Prepúcios:

  “E os servos de Saul falaram todas estas palavras aos ouvidos de Davi. Então disse Davi: Parece-vos pouco aos vossos olhos ser genro do rei, sendo eu homem pobre e desprezível?
  E os servos de Saul lhe anunciaram isto, dizendo: Foram tais as palavras que falou Davi.
 Então disse Saul: Assim direis a Davi: O rei não tem necessidade de dote, senão de cem prepúcios de filisteus, para se tomar vingança dos inimigos do rei. Porquanto Saul tentava fazer cair a Davi pela mão dos filisteus.
  E anunciaram os seus servos estas palavras a Davi, e este negócio pareceu bem aos olhos de Davi, de que fosse genro do rei; porém ainda os dias não se haviam cumprido.
  Então Davi se levantou, e partiu com os seus homens, e feriu dentre os filisteus duzentos homens, e Davi trouxe os seus prepúcios, e os entregou todos ao rei, para que fosse genro do rei; então Saul lhe deu por mulher a sua filha.
  E viu Saul, e notou que o Senhor era com Davi; e Mical, filha de Saul, o amava.”
  [1 Samuel 18:23-28]

  Para quem não tem pratica é um pouco difícil entender a história, vou simplificar para vocês.

  Saul era o Rei do povo de Israel, sua filha se apaixonou por Davi que por seus feitos era famoso, mas obviamente pobre em relação ao Rei.
  Saul não gostava de Davi porque ele era uma ameaça ao seu reinado.
  Deus (ou Lúcifer) (ou a “Força”) era com Davi e tudo dava certo para ele.
  Davi se tornar Rei era uma caminho natural que Saul tentava interromper.
  Analisando o que está escrito não há dados para deduzir que Davi se apaixonou por Mical, mas a ele interessava ser genro do Rei, isso o aproximava da coroa real.
  Mulheres apaixonadas ... são mulheres apaixonadas, isso não mudou com o passar do tempo.
  Se sua filha se apaixonar por um cara, sua autoridade como pai não serve de nada para evitar o namoro.
  Saul calculou que se ele desse uma tarefa difícil para Davi, mataria dois coelhos com uma cajadada só.
  Protegeria Mical do Davi Safadão☻.
  E de quebra Davi morreria ou se acovardaria diante da tarefa, diminuindo seu prestigio entre o povo.

  Saul pede como dote a Davi 100 prepúcios de Filisteus.

  Prepúcio é aquela pele que reveste a cabeça do pênis, Bíblia é pornografia...
  Claro que os Filisteus não cederiam gentilmente a Davi seus prepúcios.
  Davi teria que mata-los.
  Sem problema para Davi, “Deus” era com ele.
  E já que Deus era com ele porque matar apenas 100!
  Davi matou logo 200               
 
  É senhoras e senhores, eu rio para não chorar.

  “Se tivesse acreditado na minha brincadeira de dizer verdades teria ouvido verdades que teimo em dizer brincando, falei muitas vezes como um palhaço mas jamais duvidei da sinceridade da plateia que sorria.” 
[Charles Chaplin]


  A próxima vez que seu líder religioso elogiar Davi tenha certeza que não é Teologia, não é Bibliologia é só DOUTRINAÇÃO.

Anterior          <>        Próximo
Postar um comentário