terça-feira, 22 de maio de 2012

Convite a Loucura

  “O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, pressionou os líderes europeus para amenizarem a austeridade fiscal e se concentrem no crescimento econômico, no encontro realizado neste sábado com a cúpula do Grupo dos Oito,” [O Globo]
$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$
  Obama não esta preocupado com o futuro econômico da Europa, nem do Mundo.

  Os governos Europeus abrindo a torneira do dinheiro, produtos americanos serão comprados aquecendo a economia daquele país.
  A economia Americana aquecendo neste momento garante uma reeleição tranquila para Obama.
  Obama não esta sendo ESTADISTA esta pensando só no seu projeto PESSOAL de se manter no poder a qualquer custo.
  Muito dinheiro já foi despejado, o impacto mais negativo da crise foi evitado, agora é hora de equilibrar as contas.
  Para o Estados Unidos o resultado de abrir as torneiras é menos ruim porque é um único país, todos colhem o “bem e o mal”, o "positivo e o negativo” dessa ação que pelo poderio do dólar é diluída com o mundo inteiro.
  Com a Europa é diferente, é um bloco com vários países, o país inocente vai pagar pelo país pecador que continuará pecador; ou todos caminham para o equilíbrio das contas ou será um salve-se quem puder com resultados que dificilmente serão satisfatórios para europeus. 
  Chineses e Americanos serão os grandes PREDADORES.
                                 _____________________________________
  Câncer é o nome dado a um conjunto de mais de 100 doenças que têm em comum o crescimento desordenado (maligno) de células que invadem os tecidos e órgãos, podendo espalhar-se (metástase) para outras regiões do corpo.
Dividindo-se rapidamente, estas células tendem a ser muito agressivas e incontroláveis, determinando a formação de tumores (acúmulo de células cancerosas) ou neoplasias malignas. Por outro lado, um tumor benigno significa simplesmente uma massa localizada de células que se multiplicam vagarosamente e se assemelham ao seu tecido original, raramente constituindo um risco de vida.  [INCA]

  Quando uma célula sofre mutação e passa a ser cancerosa dizemos que ela “enlouqueceu”.
  Ela poderia ter uma vida longa e próspera, cumprir sua função “orgânica/social” e caminhar serenamente para o inevitável fim sendo substituída por uma nova geração de células. 

 A célula “lúcida”, vive, deixa viver e preserva o corpo para próxima geração.

 Mas a célula enlouquecida quer ser “especial” o supra sumo da espécie, ela quer dominar o  corpo inteiro e monta seu exército de vasos, pronta para resistir a tudo e a todos, convence outras celulas a enlouqueceram também.
  Se nossa medicina consegue ser eficiente esta célula com vontade de ser deus é eliminada do corpo, se nossa medicina não consegue ser eficiente o corpo é destruído e a célula vai junto com seu reino.
                                         =========================
   Muitos minérios do planeta estão chegando ao fim, o que poderá interromper o uso de várias tecnologia utilizadas no dia-a-dia. [UOL]  Clique Aqui

  Já li varias matérias dizendo que o excesso de pessoas não é a causa da pobreza, por tanto defendem que não há porque incentivar o planejamento familiar. 
  "O planejamento familiar é mais um embuste da “elite dominante”, um mito do sistema capitalista burguês."
  Ao meu modo de ver elas convencem outras pessoas ao “enlouquecimento”.

  Faz algum tempo que eu não falo de SOFISMA, vamos relembrar: 
  a) Raciocínio capcioso, feito com intenção de enganar. 
  b) Argumento ou raciocínio falso, com alguma aparência de verdade. 
  c) Dolo, engano, logro.

  É verdade, o excesso de pessoas não é a causa da pobreza, uma cidade com 1 milhão de habitantes pode ter percentualmente pouca gente na miséria enquanto uma cidade pequena pode ter pouca gente vivendo em condições dignas de vida.
  A causa da pobreza esta mais relacionada com a organização político/econômica de um povo. 
  A Argentina por exemplo tem um território maravilhoso, poderia estar melhor que uma Suíça, mas seu povo se organiza político/economicamente com deficiência então há mais pobres lá que na Suíça, não por conta de uma população maior, mas pela ineficiência administrativa.
  Acontece que quando falamos de pobreza olhamos só para nosso próprio umbigo, só para nossa espécie; uma arvore não fica rica ou pobre, um leão marinho não fica rico ou pobre.
  O excesso populacional vai muito além da nossa espécie afeta todo planeta.
  Segundo algumas pesquisas estamos consumindo mais recursos naturais deste planeta que sua capacidade de reposição, nossa espécie esta fazendo o papel de câncer do planeta.
  É bem difícil convencer quem conseguiu atingir um bom padrão de vida desistir dele, é natural que busquemos a prosperidade, uma vida confortável.

  Logo, é bem mais eficiente esperar que os argentinos busquem viver como os suíços que determinar que os suíços vivam igual os argentinos.

  Acontece que aí a Filosofia Matemática nos impõe este parâmetro onde não conseguimos deixar de ser câncer, mas podemos tentar ser BENIGNO usando a INTELIGÊNCIA, porque não dizer a SABEDORIA.
  Como?
  Diminuindo a população de humanos.
  Com uma população de 3 a 4 bilhões de humanos CIVILIZADOS acredito que poderíamos viver um paraíso na Terra, lembram daquela célula lúcida?
 Poderíamos ter uma vida longa e próspera, cumprirmos nossa função “orgânica/social” e caminhar serenamente para o inevitável fim sendo substituídos por uma nova geração de humanos civilizados, deixando um planeta em boas condições de uso por muito e muito tempo, no que depender da nossa espécie.
  Quem sabe depois desta vida orgânica/benigna exista alguém nos esperando e possamos dizer alegremente:
  Olá Papai do Céu, me comportei direitinho?



anterior         <>              próximo