terça-feira, 17 de janeiro de 2012

A Espera

  "Prometemos conforme as nossas esperanças e cumprimos segundo os nossos receios." [Rochefoucauld]
$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$
  Nos filmes é tão mais fácil ser herói.
  Quando assisti filmes como Guerra nas Estrelas ou Matrix saí do cinema me sentindo uma pessoa muito melhor.
  Certo dia fiquei meditando porque aquele sentimento tão gostoso era tão passageiro.
  A melhor resposta que surgiu foi o "feitiço do tempo".[naquele sentido de movimento como já escrevi]
  As coisas no filme geralmente dão certo para o mocinho, mais que isto, dão certo rapidamente.
  No filme, diferente da realidade, o diretor pode deslocar o personagem no tempo, entre uma ação e outra o diretor corre com o tempo, coloca simplesmente "10 anos depois" e o mocinho nem envelhece muito.
  Principalmente nos filmes modernos, nem tudo dá certo para o mocinho, mas mesmos os fatos negativos acontecem rapidamente, não tem aquela longa espera e quando acontece o fato positivo ele supera varias vezes o acontecimento negativo.


==========================
  Você não esta entendendo nada? Vamos a algum exemplo com carros.
  No filme o cara decide comprar um carro, as cenas dele trabalhando duro passam rapidamente até com um agradável fundo musical e logo em seguida você vê o indivíduo todo contente passeando com a família ou com uma incrível gata.
  No filme a parte do sacrifício, da luta dele para comprar um carro, passa em um instante.
  Entre o desejo ou necessidade e o acontecimento não existe a ESPERA.


  É justamente a espera que nossos heróis dos filmes não são submetidos, eles não tem seu ânimo desgastado pela chata paciência.


  Pense naquele instante que você sai do trabalho. 

  Naquele momento que você passa o cartão nem parece que o dia foi tão duro assim, mas você tem a lembrança de quanto as horas demoraram para passar, de quanto teve que esperar e realizar até que o momento de bater o ponto chegasse, o quanto teve que ter paciência e persistência para não sair correndo para casa...
  Por isto no outro dia quando você se prepara para o trabalho já vem a lembrança de tudo que terá que esperar e definitivamente não dá para ser um grande herói, o diretor não correrá a fita porque você terá que viver cada momento, você não consegue se deslocar no tempo.
  Com as prestações do automóvel acontece a mesma coisa, entre o desejo e a posse definitiva do veiculo muito trabalho teve que ser realizado.


===========================
  Na hora de prometermos coisas nos sentimos como os super heróis dos filmes, mas aí vem a espera pelo movimento lento da rotação da Terra até que chegue o momento de batermos o ponto e a vida real nos cobra todo o peso do que prometemos.
  Cumprimos as promessas por receio [MEDO] de decepcionar as pessoas ou por receio de desistir e jogar fora toda energia já gasta, todo trabalho que já realizamos, para desistir no meio do caminho é preciso muita meditação. 


  Portanto tome cuidado quando for prometer algo, na duvida, NÃO PROMETA!


  Lembrei agora de uma colega que tinha prometido para sua amiga um fogão de presente de casamento, a promessa aconteceu na empolgação do anuncio.
  Na lista de casamento estava um fogão de R$1.200,00.
Dava mais de um mês de salário da minha colega que já não tinha um bom controle sobre suas contas, estava endividada.
  Na hora da promessa ela se sentiu muito bacana, uma super amiga.
  Ela cumpriu a promessa , dividiu em muitas prestações e a cada parcela paga amaldiçoava sua boca grande...HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAAHAH!
  Na vida real não existe o feitiço do tempo, entre uma lágrima e um sorriso existe uma torturante espera onde o esforço dos meios por vezes não justifica os fins...




anterior                       <>                                próximo

Postar um comentário